Villa Nova quer a chave do Tupi

Veja matéria enviada pela assessoria de imprensa do Villa Nova, de Nova Lima, no início da tarde desta terça-feira, 21, ao Toque de Bola:

Um erro da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) incluiu o Villa Nova no Grupo A7 da Série D. Essa posição deveria ser ocupada pelo quarto colocado no Campeonato Mineiro, o Tombense, designado pela CBF como MG3 na tabela de jogos da competição.

Como o Leão do Bonfim foi o terceiro colocado no Mineiro, status que garantiu ao time o troféu de campeão mineiro do interior e a condição de MG2, o correto é a sua inclusão no Grupo A6 da Série D. A tabela divulgada pela CBF na tarde da segunda-feira (20 de maio), no entanto, inverteu os papéis.

Para sanar esse equívoco, o presidente Jairo Gomes já encaminhou um documento à Federação Mineira de Futebol (FMF) solicitando que a entidade interfira junto à CBF para que os direitos do Villa Nova, conquistados arduamente dentro de campo, não sejam prejudicados. “O nosso representante na FMF, Ricardo Machado, tomará todas as providências para que o erro da CBF seja corrigido com a maior rapidez possível”, explica o presidente villa-novense.

Mesmo que o Villa tivesse sido o quarto colocado no Campeonato Mineiro, o clube acabaria como o representante MG2, já que o Tombense desistiu de participar da Série D. Assim sendo, sob qualquer prisma que se analise a questão, o Leão é de fato e de direito um dos integrantes do Grupo A6 da Quarta Divisão nacional.

Texto, informações e foto: assessoria Villa Nova

Este post tem um comentário

Deixe seu comentário