Toledinho é homenageado e eternizado com estátua em frente ao hall no Estádio Municipal!

Grande ídolo do futebol de Juiz de Fora, o craque Moacir Toledo vai receber merecida homenagem neste sábado, dia 18.

Toledinho será eternizado com estátua no Estádio Municipal

Uma estátua do ex-jogador do Tupi, que marcou época em campo ao lado dos companheiros do time que ficou conhecido como Fantasma do Mineirão, será inaugurada em frente ao hall de entrada do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio. Ali, onde sempre recebeu de braços abertos as delegações para as partidas ou quem quer que fosse em um dia comum ao local, ficará eternizada a figura deste ícone do esporte de Juiz de Fora.

Solidário

Sempre no espírito de congraçamento e homenagem do Jogo Solidário do 30, evento que sempre rendeu homenagem ao craque eterno do Carijó e organizado pelo filho de Toledinho, Paulo Henrique “Lica” Toledo, a inauguração também terá seu objetivo de arrecadação de doações. Neste ano, a tradicional confraternização dos boleiros, jogadores, ex-jogadores, músicos e artistas de Juiz de Fora não poderá ser realizada no Estádio Municipal por conta da revitalização do gramado. Mas o evento não deixará de ter sua marca associada à arena local por conta da homenagem.

O ponto vermelho indica o local da homenagem

A solenidade de inauguração ocorre a partir das 13:30, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, e é pedido a quem comparecer a doação de fraldas geriátricas tamanho G ou GG, além de caixas de leite longa vida que serão destinadas ao Abrigo Santa Helena.

Toledinho eterno

É difícil resumir o que representa Moacyr Toledo para o futebol de Juiz de Fora, especialmente para o Tupi. Mas os dados de sua carreira, passados por Lica, dão uma breve noção de sua grandeza.

Um dos maiores, se não o maior, ídolo da história centenária do Tupi, foi o Jogador que mais defendeu o Carijó. Atuou em 651 partidas. É até hoje o maior artilheiro do Galo Carijó, com 201 gols assinalados em jogos oficiais. Revelado em Santa Terezinha, Toledinho atuou por 21 anos no clube e nunca vestiu outra camisa além da alvinegra.

Títulos e reconhecimento

Ponta esquerda de ofício, foi o atleta que mais ganhou títulos pelo Tupi, totalizando 31 troféus. Depois de pendurar as chuteiras ainda foi supervisor e treinador das equipes de profissionais e base, conseguindo mais conquistas, inclusive o octacampeonato da categoria de júniores. Também foi administrador do estádio Salles Oliveira e do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio.

Por unanimidade, a Câmara Municipal de Juiz de Fora, concedeu o nome Moacyr Toledo ao complexo esportivo que envolve o Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, o Ginásio Poliesportivo Jornalista Antônio Marcos, além da praça e estacionamento do referido local. Toledinho faleceu em 13 de agosto de 2019, deixando a saudade e o exemplo nos corações carijós.

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: divulgação

Deixe um comentário