Na confraternização do Encontro Estudantil anos 70/80, caneco fica com Academia

Equipe granberyense

Foi promovido na manhã de sábado, no campo do estádio José Procópio Teixeira, do Sport Club Juiz de Fora, pela quarta vez, o Encontro Estudantil anos 70/80, reunindo ex-alunos e atletas dos colégios Granbery, Academia, Estadual e do próprio Sport.

No torneio, as partidas classificatórias foram: Academia 1 x 0 Estadual, gol do ex-zagueiro carijó Élvio e Sport 1 x 0 Granbery, gol do ex-atacante alvinegro Wesley “Tanque”. Pelo regulamento, os vencedores da rodada dupla decidiriam a taça em cobranças de penalidades máximas.

Assim foi feito e a Academia faturou o caneco, ao superar os anfitriões na disputa de pênaltis.

Sport: participante e anfitrião do encontro estudantil

Primeira vez

De acordo com o organizador, Waltinho Maddalena, é a primeira vez que a Academia conquista o primeiro lugar. Nas três edições anteriores do evento, promovidas no campo do Granbery, a equipe granberyense soma dois títulos e o Estadual tem um.

Waltinho destacou o envolvimento de ex-atletas dos clubes locais, como Edvaldo e Guto, que defenderam o Granbery, além dos autores dos gols, entre outros.

Mais que o resultado em campo, organizadores e ex-alunos e atletas destacaram a oportunidade de confraternizar. Depois do torneio, ainda no Sport, não faltaram boas resenhas e ótimas recordações.

Como surgiu

Academia e Estadual “juntos e misturados” na foto

De acordo com Waltinho, em entrevista concedida na semana anterior à web rádio Nas Ondas do Toque, do Portal Toque de Bola, a ideia do encontro surgiu quando ele publicou, há cinco anos, uma foto de uma equipe de futebol de campo do Granbery em 1974.  Despertou inúmeros comentários e, da troca de mensagens, nasceu a iniciativa de levar o encontro das linhas das redes sociais para as quatro linhas do campo de bola.

A presença do consagrado sambista juiz-forano Mamão foi um dos destaques extra-campo na edição 2021 do encontro. Antigos sambas enredos das escolas de samba da cidade foram o ponto alto.

Waltinho (Granbery) e Marcus (Academia)

Os organizadores também  agradeceram a direção do clube alviverde por sediar o encontro e proporcionar toda a estrutura necessária.

Texto: Ivan Elias – Toque de Bola

Fotos: Divulgação – Benito Madalenna

Guto Carvalho e o ex-jogador e dirigente do Sport Edson Costa

Ivan Elias

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Este post tem 2 comentários

  1. Haroldo Nascimento Rocha

    Parabéns a todos e principalmente ao Waltinho pela belissíma iniciativa…. recordar é viver

  2. Luiz OTAVIO

    Parabéns aos organizadores e a todos os participantes. Fiquei muito feliz de acompanhar o encontro, mesmo por algumas fotos.
    Em 2022 estarei junto participando desse maravilhoso evento que já está se tornando tradição no calendário esportivo de JF.
    Ivan Elias, parabéns por valorizar o evento.
    Abraços !
    Biriba (atualmente morando em Floripa)

Deixe seu comentário