Tudo aberto na disputa pelas semifinais da Série D

Mirassol saiu na frente contra Aparecidense 

  Muitas emoções nos confrontos de ida das quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro em 2020.

  Vitória de virada, com direito a gol contra. Fazer valer o mando de campo. Empate arrancado na reta final. Ganhar na casa do adversário. E houve até um caso de reclamação contra ação da Polícia Militar.

  Agora faltam 90 minutos – ou um pouco mais, se for necessária a disputa de pênaltis – para serem definidos os quatro que vão disputar as semifinais. E estes quatro clubes já terão alcançado a primeira meta: o acesso à série C.

  Confira um resumo das partidas.

Mirassol (SP) 2 x 1 Aparecidense (GO)

  O jogo disputado no sábado, 2, no Estádio José Maria de Campos Maia, começou bem para a Aparecidense, que eliminou o Baeta na segunda fase.

  O Camaleão saiu na frente com gol de Rodriguinho logo aos 2 minutos do primeiro tempo. O Mirassol empatou aos 21 da etapa final, com um gol contra de Rayro. E virou com João Carlos nove minutos depois.

  A partida de volta será realizada no sábado, 9, às 16h, no Annibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia.

  O Mirassol pode empatar. Se perder por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis. A Aparecidense precisa vencer por dois ou mais gols, se classifica.

Floresta conquistou a vantagem mais ampla da rodada

Floresta (CE) 2 x 0 América (RN)  

  Treinado pelo ex-comandante do acesso Do Tupi, Leston Jr, o Floresta fez valer o mando de campo e levou a melhor na Arena Castelão. Deysinho, aos 17 do primeiro tempo e Flávio Torres, aos 35 do segundo tempo, marcaram os gols da vitória.

  A decisão da vaga nas semifinais será no domingo, 10, às 16h, na Arena das Dunas, em Natal.

  O Floresta pode empatar ou perder por 1 gol de diferença. Se América vencer por 2 a 0, a decisão vai para os pênaltis. Caso vença por três ou mais, o time potiguar avança.

Marcílio Dias (SC) 1 x 1 Altos (PI)

Empate deixou tudo aberto entre Marcílio Dias e Altos

  Um empate amargo para o Marcílio Dias e com sabor de vitória para o Altos foi o resultado da partida deste domingo, 3, no Estádio Dr. Hercílio Luz, em Itajaí (SC). Alessandro marcou para os donos da casa aos 25 do segundo tempo e Manoel Cristiano igualou aos 43 para o time do Piauí

  Os times também voltam a campo no domingo, 10, no Estádio Felipe Raulino, no Piauí. Novo empate, a decisão vai para os pênaltis. Quem vencer por qualquer placar passa para as semifinais.

  E o Marcílio Dias publicou uma nota oficial nas redes sociais manifestando indignação pela forma como a Polícia Militar dispersou alguns torcedores, inclusive crianças, mulheres e idosos, que aguardavam para recepcionar o ônibus com a equipe.

  Para o clube foi uma ação “desproporcional” com uso de “força, violência e gás de pimenta a esmo”. Citando que outros times em Santa Catarina realizaram ações parecidas sem problemas, o clube encerrou o texto afirmando que não aguenta mais “tamanha repressão gratuita”.

Novorizontino venceu em Manaus e decide em casa

Fast Club (AM) 0 x 1 Novorizontino (SP)

  O Novorizontino foi o único visitante que venceu na rodada. O atacante Guilherme Queiroz marcou o gol da vitória contra o Fast Clube, na Arena da Amazônia, em Manaus.

  No próximo domingo, 10, as duas equipes se enfrentam às 16h, o Estádio Jorge di Biasi, em Novo Horizonte.

  Os donos da casa estão com a vantagem do empate. Se o Fast Clube vencer por 1 a 0, decisão nos pênaltis. Se os visitantes vencerem por mais gols, se classificam.

 

Texto: Toque de Bola – Roberta Oliveira – com informações da CBF e dos sites oficiais dos clubes.

Fotos: Léo Roveroni/Agência Mirassol; Ronaldo Oliveira/ASCOM Floresta EC; Bruno Golembiewski/CNMD; João Normando/Instagram

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário