Procuram-se talentos: Bom Pastor faz seletiva digital para vôlei

Equipe feminina de base do Clube Bom Pastor

  O Clube Bom Pastor abriu seletiva para escolher talentos para treinar vôlei.

  Crianças e adolescentes nascidos entre 2004 e 2010 podem se inscrever até dia 30 de janeiro. Para isso, é preciso mandar um vídeo e preencher o formulário no link disponível na internet.

  O coordenador do clube, Aristides “Tidinho” Rocha, orienta quem quer participar. “[Deve] enviar um vídeo mostrando você executando um toque ou uma manchete ou um saque e até mesmo jogando. Se tiver dificuldade com isso, mostre brincando com uma bola ou até mesmo outro recurso.”

  O resultado está previsto para ser divulgado para o início de fevereiro de 2021. Quem tiver alguma dúvida ou quiser outras informações, pode entrar em contato pelo telefone (32) 3215-5125 ou pelo e-mail voleibol@clubebompastor.com.br.

Expectativas para a seletiva

  Na divulgação, o clube destaca o trabalho de formação de campeões mundiais e olímpicos como Giovane Gávio e André Nascimento. Lembra também que, mais recentemente, formou o oposto Felipe Roque, atualmente no Taubaté.

  De acordo com Tidinho Rocha, os vídeos vão permitir os selecionadores a avaliarem alguns aspectos nos inscritos. Não há previsão de um número de selecionados.

Equipe masculina de base do Bom Pastor

  “Nosso objetivo é detectar e formar talentos para nossas bases. Iremos tentar dar qualidade, não apenas quantidade. As principais características observadas serão as atitudes motoras gerais e/ou as habilidades específicas da modalidade. A avaliação vai depender da idade também”, comenta Tidinho.

Verificação

  Depois da avalição dos vídeos e o preenchimento do formulário, os inscritos serão convidados para uma verificação presencial.

  A partir disso, eles serão direcionados para as categorias, naipes e horários conforme as faixas etárias. Além disso, o clube vai oferecer algumas bolsas para situações específicas dos praticantes selecionados.

Treinos com segurança

  A pandemia mudou a dinâmica de funcionamento dos treinos e das escolinhas. Tudo para proteger os alunos e alunas enquanto praticam o esporte.

  “Quando os órgãos oficiais liberaram para o retorno dos clubes, limitamos o número de atletas nos treinos. Todos com uso da máscara, aferição de temperatura corporal e com os tapetes na entrada das quadras. Escolinhas, só em quadras abertas”, explica Tidinho Rocha.

  O Clube Bom Pastor tem horários de treinos às terças e quintas-feiras, para as equipes de base no masculino e feminino, do sub-14 até o sub-18.

Texto: Toque de Bola – Roberta Oliveira com informações do Clube Bom Pastor

Fotos:  divulgação/Clube Bom Pastor

Arte: Toque de Bola

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário