Onde está o Tupi? Carijó “some” das redes sociais

Perfil no Instagram foi desativado. Foto: Reprodução/Internet

  Após o empate por 1 a 1 diante do Nacional, no jogo-treino realizado em Muriaé no útlimo sábado, dia 26, o Tupi desapareceu (!) das mídias sociais.
  As contas do clube no Facebook e Instagram foram desativadas e o representante da assessoria do Carijó deixou o grupo de WhatsApp da imprensa que cobre o alvinegro.

  As atitudes surpreenderam não só os jornalistas, mas também os torcedores. De acordo com informações de bastidores, a diretoria do Tupi teve influência direta nas medidas citadas acima.

  Segundo pessoas ligadas ao clube, a diretoria “não estava gostando da linha de trabalho e a assessoria estava dando informações demais para a imprensa”, a ponto de “a imprensa não estar precisando nem trabalhar porque o assessor estava fazendo um monte de material e dando de bandeja para a imprensa”.

Contraste

  Nos bastidores do alvinegro, corre a informação de que havia um contraste entre o responsável pela assessoria e a direção do Tupi.
   O modelo adotado vinha sendo alvo de elogios dos integrantes da crônica esportiva, mas não agradou a diretoria. Essa diferença tornou iminente a saída do funcionário responsável, o que foi confirmado por ambas as partes.

O que diz o clube?

  Procurado pelo Toque de Bola, o presidente do Tupi, José Luiz Mauler Júnior, o Juninho, disse que o momento é de transição no domínio das redes sociais do Carijó.

  “As redes sociais do clube serão integradas com as da base. Elas estão nesse período de aperfeiçoamento e por isso houve essa exclusão. Agora, teremos apenas um perfil em rede social que representa o clube, e será um perfil único, tanto para a base quanto para o profissional”, afirmou Juninho.

Treinos abertos

  Ainda de acordo com informações obtidas nos bastidores do clube, os treinos em Santa Terezinha, no Estádio Salles Oliveira, estão abertos à imprensa.
   Para marcar presença nas atividades comandadas por Roberval Davino, “os profissionais deverão combinar com o clube o dia e horário. Dessa forma, evitam-se aglomerações no CT”.

Registro feito pela assessoria no empate em 1 a 1 diante do Nacional. Foto: Linecker Mauler/Tupi FC

  Todos os protocolos de saúde serão respeitados: uso de máscara obrigatório, higienização das mãos com álcool em gel e distanciamento sempre que possível.

“Já que está ruim, melhor não ter”

  O trabalho que vinha sendo desenvolvido nas redes sociais sempre foi alvo de críticas da torcida Carijó. Nesse contexto, o Instagram do Tupi, que possuía mais de 20 mil seguidores, foi apagado. A conta foi desativada, entre outros motivos, pelas críticas recebidas.

  A frase que ilustra o cenário foi dita por uma pessoa ligada ao clube: “já que está ruim, melhor não ter”.

Próximo na fila

  Após a saída da atual equipe de assessoria, o que deve ocorrer em breve, o Tupi anunciará um novo responsável pela comunicação. A informação foi confirmada por Juninho.

Texto: Toque de Bola – Pedro Sarmento, supervisão Ivan Elias 

Deixe um comentário