CBF e FMF suspendem competições

Presidente Rogério Caboclo esteve em reunião neste domingo

  A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Federação Mineira de Futebol (FMF) anunciaram neste domingo, dia 15, a suspensão de todas as competições nacionais e estaduais, respectivamente.

  Os torneios estão suspensos por tempo indeterminado. A medida foi tomada como prevenção à expansão do coronavírus (COVID-19), tratada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma pandemia desde quarta, dia 11.

Galinho sem disputa

  Nesse contexto, ficam a Copa do Brasil, os Campeonatos Brasileiros Femininos A1 e A2, o Campeonato Brasileiro Sub-17 e a Copa do Brasil Sub-20. O Tupi está na disputa desta última competição, pela qual deveria enfrentar o Bragantino, de Bragança do Pará, nesta quarta, dia 18.

  Em relação aos campeonatos estaduais, a CBF informou que “as federações estaduais de futebol terão deliberações específicas para cada competição, sendo respeitada a sua autonomia local”. Ainda na nota oficial, a entidade confirmou que seguirá em contato com o Ministério da Saúde e que “unirá esforços para que o país e o esporte superem o grande desafio em relação à pandemia”.

FMF anunciou a suspensão das atividades

Mineiro suspenso

  Logo após o anúncio da paralisação dos campeonatos nacionais, a FMF também informou, através de nota oficial, a suspensão dos jogos dos Módulos 1 e 2 do Campeonato Mineiro. Com isso, Tupynambás e Tupi passam a não ter compromissos oficiais a partir desta segunda, dia 16.

  A paralisação, em Minas Gerais, terá início nesta terça, dia 17, após o fim da partida entre Democrata de Governador Valadares e Betim, válida pelo Módulo 2 do Estadual.

  Confira as notas oficiais da CBF e da FMF, divulgadas neste domingo, dia 15, na íntegra.

Confederação Brasileira de Futebol

 “A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu suspender, a partir desta segunda-feira, dia 16/3, por prazo indeterminado, as competições nacionais sob sua coordenação que estão em andamento: Copa do Brasil, Campeonatos Brasileiros Femininos A1 e A2, Campeonato Brasileiro Sub-17 e Copa do Brasil Sub-20.

‘Sabemos e assumimos a responsabilidade do futebol na luta contra a expansão da COVID-19 no Brasil’, afirma o presidente da CBF, Rogério Caboclo.

Em relação aos campeonatos estaduais, as Federações Estaduais de futebol, entidades organizadoras, terão deliberações específicas para cada competição, sendo respeitada a sua autonomia local.

A CBF seguirá em permanente contato com o Ministério da Saúde, unindo esforços para que o país e o esporte superem o grande desafio em relação à pandemia, torcendo para que, o quanto antes, possamos voltar à normalidade”

Federação Mineira de Futebol (Federação Mineira de Futebol)

“A Presidência da Federação Mineira de Futebol, no uso de suas atribuições legais, considerando as orientações do Ministério da Saúde em relação à pandemia do COVID-19 (Coronavírus) que atualmente assola o país;

Considerando que esta Entidade está comprometida com a prevenção do COVID-19 (Coronavírus) diante do risco de propagação e contaminação em massa, dando prioridade à saúde dos jogadores, membros de comissões técnicas e de torcedores;

Considerando a decisão da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) de suspender as competições nacionais em andamento;

RESOLVE SUSPENDER, a partir desta terça-feira, dia 17/03/2020, por prazo indeterminado, o Campeonato Mineiro SICOOB 2020 – Módulo I e o Campeonato Mineiro 2020 – Módulo II. A partida entre as equipes do Democrata/GV e Betim Futebol, válida pela 6ª rodada do Campeonato Mineiro 2020 – Módulo II, designada para o dia 16/03/2020, às 20:30 horas, em Governador Valadares, está mantida e deverá ser realizada com portões fechados, conforme Ofício FMF/PRES/004/2020.

Publique-se, comunique-se e cumpra-se.

ADRIANO GUILHERME DE ARO FERREIRA”

Texto: Toque de Bola

Fotos: CBF/Divulgação; e FMF/Divulgação

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário