Tudo igual no teste do Baeta!

Tupynambás fez teste contra o Athletic nesta sexta

  Aproveitando oportunidade para se testar visando a temporada 2020, o Tupynambás fez na manhã desta sexta, dia 20, seu primeiro jogo-treino da pré-temporada, e ficou no empate em 1 a 1 com o Athletic, de São João del Rei.

  Ainda com a equipe muito diferente da que deve estrear no Campeonato Mineiro 2020, contra o Tombense, no dia 22 de janeiro, às 20h, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, o Baeta teve como titulares Bruno Hargreaves, Henrique, Silvio, Adriano e Caxambu; Deigo, Allan, Jair Arame e Lúcio; Gabriel Almeida e Vanger. Este último foi o autor do gol do Leão do Poço Rico, abrindo a contagem no José Paiz Soares, enquanto Amauri deixou tudo igual.

Ausências 

  O Baeta teve algumas baixas por jogadores – alguns dos quais brigando para serem titulares da equipe – entregues ao departamento médico. As principais foram o goleiro Renan Rinaldi; o lateral-esquerdo e meia Michel; o volante Léo Salino; e o atacante Ademilson. Assim, o time começou o teste com praticamente a defesa titular e uma formação de meio e ataque que deve ser bastante modificada.

Equipe não contou com alguns atletas que serão titulares

  No primeiro tempo, as principais jogadas do Baeta foram pela direita, e desta maneira nasceu o gol de Vanger. O atacante só completou de cabeça cruzamento na medida de Henrique, que foi ao fundo após receber belo lançamento de Allan. Já na segunda etapa, o técnico do Tupynambás, Paulo Campos, promoveu a troca de quase todos os titulares, colocando em campo Yago, Lucas, Pedro, Rafael, Vinícius, Lucas, Bruno, Gabriel Sá, Sávio e Yago Caju, mantendo apenas Diego inicialmente, depois o substituindo por Matheus.

Empate e avaliação

  O Athletic, que ser prepara para a disputa do Módulo 2 do Mineiro, também se modificou bastante e, após as trocas, veio o empate do time de São João Del Rei. Aproveitando cruzamento da esquerda, Amauri se antecipou à zaga e empatou o confronto.

  “Foi um bom teste. Conseguimos sair na frente inicialmente e pudemos promover a entrada de todos no elenco, dar ritmo a eles. Depois, no segundo tempo, quando estava com praticamente toda a equipe formada pela garotada, veio o empate, o que deixou o resultados justo. Gostei, foi proveitoso”, avalia o técnico Paulo Campos.

Fim de ano 

  Agora, a equipe do Baeta vai ter semanas um pouco mais curtas de trabalho, por conta das festas de fim de ano. O grupo treina até domingo, dia 22, e será liberado até o dia 26 de dezembro à tarde. Na sequência, treina até dia 29, para para a virada do ano, e retorna também na segunda metade do dia 2 de janeiro de 2020.

Texto: Toque de Bola- Wallace Mattos

Fotos: Toque de Bola

Deixe seu comentário