Novo parceiro local!

Representantes do Baeta com Nerso da Capetinga (ao centro)

  O Tupynambás apresenta nesta terça, dia 10, oficialmente, em evento para a imprensa e convidados no Trade Hotel, o elenco para a temporada 2020. Mas, a movimentação para garantir a melhor estrutura orçamentária possível segue em andamento.

  Nesta segunda, dia 9, a direção do Baeta fez evento-surpresa que teve integrantes da diretoria e parte da comissão técnica, como o treinador Paulo Campos, no Centro de Juiz de Fora, para anunciar o mais novo patrocinador: o Grupo Bahamas, representado por seu garoto-propaganda, o comediante Pedro Bismarck na pele do personagem Nerso da Capetinga. A rede de supermercados local vai estampar sua marca na camisa e outros materiais do clube em uma área a ser definida e tem contrato com o Tupynambás até dezembro de 2020.

Valorizar o local  

Jorge Dias e Pedro Bismarck na divulgação da parceria

  Segundo o presidente do Baeta, Jorge Dias, a nova parceria se insere no contexto de formar um Tupynambás com a cara da cidade. “Estamos buscando e fazendo o possível para termos conosco a maior parde dos jogadores e colaboradores de Juiz de Fora. Estamos muito gratos e satisfeitos em termos mais um parceiro local”, disse o mandatário.

  A parceria vai funcionar basicamente em duas frentes: patrocínio e apoio logístico. A rede de supermercados vai reforçar o caixa do Baeta com recursos – os valores são mantidos em sigilo – e apoiar o clube também com alimentação. O novo parceiro deve até mesmo desenvolver ações de saúde para atletas profissionais e das categorias de base do Baeta, cujo projeto é feito em conjunto com o futebol da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Toque de Bola  

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário