Os líderes da Copa!

  A reta final da Copa Toque de Bola promete muita bola rolando e briga pelo título de campeão. Isso porque são poucas as equipes que têm folga na liderança e em uma única rodada tudo pode mudar na competição.

Quem lidera?

Criançada participa de mais uma edição da Copa Toque de Bola

  No sub-11 ouro, as seis equipes estão divididas em duas chaves. No grupo A, a WF lidera com duas vitórias em dois jogos, ficando à frente de São Mateus e AABB. Já no grupo B, quem está na ponta é o Santos Anjos. Logo atrás estão o Dom Orione e o Clube Cascatinha.

  Com tantos atletas na categoria, surgiu a necessidade de se criar a sub-11 prata, que conta com quatro equipes em chave única. Até o momento, o Santos Anjos lidera com grande campanha: dois jogos, duas vitórias, dez gols marcados e apenas um sofrido. A equipe comandada por Bráulio Reis tem a Escola WF em sua cola, seguida pela AABB e pela equipe Cultura.

  Na categoria sub-12, a Escola de Futebol Wellington Fajardo, apesar de ter um jogo a menos, lidera a competição e tem o melhor ataque e a melhor defesa. São sete gols marcados e nenhum sofrido. Além do líder, completam a tabela o Cascatinha Country Club, o Santos Anjos e AABB.

  No sub-13, o grupo único de cinco equipes tem a Escola de Futebol Wellington Fajardo na liderança, com seis pontos, seguido pelo Colégio Santos Anjos e Dom Orione, com quatro pontos, São Mateus, com dois, e a AABB, que ainda não pontuou.

  Divisão em dois grupos também é o sistema da categoria sub-15. Na chave A, o Santos Anjos lidera por conta do saldo de gols: são dois gols a mais que o Conexão, com os mesmos três pontos ganhos. O São Mateus completa o grupo. Do outro lado, o Clube Cascatinha lidera, com quatro pontos ganhos. Na sequência vem o Sport Club Mariano, com um, e a AABB, ainda sem pontuar.

O objetivo

Respeito é o lema da competição

  Criada há sete anos com o objetivo de ter disciplina, educação e desportividade como prioridade entre os atletas, a Copa Toque de Bola envolve garotos que, muitas vezes, estão em suas primeiras competições esportivas. É por isso que os valores da competição envolvem o respeito entre os adversários, com a arbitragem e com o público, fazendo com que a formação dos jovens atletas não seja somente esportiva, mas também comportamental.

  Os professores responsáveis pela iniciativa são Alfredo Coimbra (Iniciação Esportiva São Mateus e associado do Panathlon Club Juiz de Fora), Bráulio Reis (Colégio dos Santos Anjos e também associado do Panathlon) e Lucas Fajardo (Escola de Futebol Welington Fajardo), Léo Geara (AABB) e Felipe Nery (Cascatinha).

  A arbitragem está sob a responsabilidade da Liga Juizforana de Futsal, dirigida por Adilson Mattos (também do Panathlon).

  O nome do evento é em retribuição ao apoio que o Portal e redes sociais Toque de Bola confere ao esporte local.

Texto: Toque de Bola – Pedro Sarmento
Foto: Toque de Bola

Deixe seu comentário