Luta pela sobrevivência

Garotos do Uberabinha esperam se segurar na elite

  Tentando se segurar na Primeira Divisão do Campeonato Mineiro das categorias sub-15 e sub-17, o Uberabinha tem uma missão dura neste sábado, dia 14, pela manhã. Os times da agremição juiz-forana encaram o Atlético, na Cidade do Galo, em Vespasiano, na última rodada da primeira fase da competição precisando vencer e empatar para ter chance de fugir do rebaixamento.

  Primeiro, entram em campo os times sub-15, às 9h. Logo depois, às 11h, é a vez de atleticanos e juiz-foranos se enfrentarem pelo sub-17. Tentando fugir das últimas colocações, a equipe de Juiz de Fora precisa pelo menos conquistar quatro dos seis pontos possíveis nos dois confrontos. Todos os jogos da rodada serão realizados no mesmo dia e horários.

Jogo da vida

  Segundo o coordenador do Uberabinha, Sérgio Eduardo, o Dudu do Cerâmica, a missão é árdua, mas suas equipes estão cientes disso. “Projetamos quatro pontos para sairmos do rebaixamento. Mas os jogos são complicados. Conseguimos fazer quatro pontos nas duas últimas rodadas duplas, em casa, contra times teoricamente mais fracos. Agora, temos que repetir o feito lá no CT do Atlético, o que só Cruzeiro e América conseguem de vez em quando. Trabalhamos a cabeça dos meninos para isso, mas sabemos da dificuldade”, explica.

Time sub-15 tem que ir para cima do Atlético fora de casa

  Apesar de manter a esperança e garantir luta até o final, Dudu tem consciência de que, se vier, o rebaixamento não será por conta dos resultados dos últimos jogos. “Sabemos que nossa situação é muito difícil, e teremos que fazer o jogo da vida do Uberabinha para conseguir escapar. Se não obtivermos êxito, estamos conscientes de que não seremos rebaixados na última rodada. Perdemos pontos que não poderíamos ao longo da competição. Temos muita noção da responsabilidade, e vamos lutar até o fim, mesmo sabendo que é muito difícil”, considera.

Somatório

  Para determinação dos rebaixados – serão três nesta temporada – o regulamento do Campeonato Mineiro considera a soma dos pontos das categorias sub-15 e sub-17. A partir desta classificação conjunta, as últimas agremiações caem para a Segunda Divisão em 2020. Mas, o Novos Horizontes desistiu da disputa após o início da competição. Isso causou seu rebaixamento automático. Restam assim duas vagas na degola.

Equipe sub-17 vai precisar pontuar para se salvar

  Atualmente, o Uberabinha é o 13º colocado da classificação conjunta, com 24 pontos, três a mais que o 14º Santa Cruz, de Belo Horizonte. A chance dos juiz-foranos permanecerem na elite é ultrapassar pelo menos o 12º colocado, Funorte, de Monte Claros, que tem 25 pontos, ou o Inter de São Gotardo, que tem 27. Por ter um número de vitórias menor, além de saldo de gol negativo muito alto, o time de Juiz de Fora tem que ter mais pontos que os concorrentes ao final da série de jogos deste sábado. O Inter já encerrou sua participação, e não fará mais nenhum ponto.

Combinação

  Mas a conta fica mais complicada em relação ao Funorte, que enfrenta o Santa Cruz. Assim, não basta o Uberabinha torcer por duas derrotas da equipe do Norte de Minas, já que os belorizontinos também podem ultrapassar os juiz-foranos. O melhor cenário seriam dois empates nos jogos em Montes Claros. Assim, o Funorte ficaria com 27 pontos, e o Santa Cruz com 23.

  Desta maneira, o time de Juiz de Fora precisaria de um empate e uma vitória diante do Atlético para escapar do rebaixamento. Os quatro pontos levariam o Uberabinha a 28, livrando os juiz-foranos, que ultrapassariam Inter e Funorte neste cenário.

 

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Toque de Bola

Artes: Toque de Bola com informações da Federação Mineira de Futebol

Deixe seu comentário