Baeta/UFJF recebe o lanterna

Baeta/UFJF joga no Mário Helênio neste sábado

  Na briga por uma das três vagas na elite do Campeonato Mineiro das categorias de base em 2020, o Tupynambás/Universidade Federal de Juiz de Fora entra na reta final de confrontos a partir deste sábado, dia 23.

  Após um fim de semana de folga da competição, o Baeta/UFJF recebe o América de Teófilo Otoni, em rodada dupla nas categorias sub-15 e sub-17. As partidas válidas pela décima rodada da Segunda Divisão do Estadual de base serão realizadas no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em sequência e com entrada franca. Primeiro, os mais novos entram em campo, às 9h. Logo após, às 11h, é a vez da turma mais velha. 

Tem que vencer

Classificação conjunta do Mineiro da 2ª Divisão

  No Mineiro sub-15 e sub-17, a classificação conjunta, somando-se as pontuações de ambas as equipes, é que determina os times que conseguirão o acesso. Os juiz-foranos estão na vice-liderança, enquanto o América-TO é o lanterna, praticamente já sem chances de subir. Por isso, para continuar firme na busca do principal objetivo da temporada, o Baeta não pode pensar em perder pontos neste fim de semana.

  Segundo o coordenador do projeto Tupynambás/UFJF, Marcelo Matta, os confrontos são fundamentais para a luta pelo acesso. “É um jogo importante. Faltam cinco rodadas, dez jogos. Ganhando em casa esses seis pontos, damos um passo grande para atingir o principal objetivo: classificar para, no ano que vem, estar na Primeira Divisão”, deseja.

Equipe sub-17 é líder da Segunda Divisão do Mineiro

Briga acirrada

  Para Matta, a luta pelo acesso está indefinida e tem concorrentes de peso. “Está tudo incerto até agora. Os três primeiros da classificação têm demonstrado serem os times mais bem estruturados. Além do União Luziense, que vai dar trabalho, pois recebe o Villa, por exemplo. O acesso para a Primeira Divisão no ano que vem deve ficar entre esses times que estão na ponta mesmo”, considera.

  Nesse contexto, Marcelo já prevê que, após este confronto com o América, os garotos do Leão do Poço Rico terão uma missão árdua. “Na outra rodada, a quarta do returno, vamos pegar o Villa Nova, na casa deles. Vamos ter que ir lé e vencer. Nossas equipes vêm evoluindo, e temos condições de trabalhar para que isso seja alcançado”, espera o coordenador.  

Por faixa

Time sub-15 está na terceira colocação

  Além da classificação conjunta, os times do Baeta/UFJF brigam pelos títulos de cada uma das categorias. No sub-17, os juiz-foranos vêm de empate com o União Luziense e estão na ponta da classificação, seguidos pelo Villa Nova. Na última vez que atuaram em casa, os garotos desta faixa venceram o Betis, por 2 a 1.

  Já no sub-15, a garotada do Leão do Poço Rico venceu o União Luziense fora de casa na última vez que esteve em campo, por 3 a 2. Na categoria, o time de Juiz de Fora é o terceiro colocado, a cinco pontos do líder, Villa Nova. Jogando em Juiz de Fora, a equipe da faixa etária venceu o Betis por 1 a 0. 

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Rise Up Sports/Divulgação; e Toque de Bola

Artes: Toque de Bola com informações da Federação Mineira de Futebol

Deixe seu comentário