Tem verde em São Ludgero!

  Pela quarta vez consecutiva, o Sport Club será Juiz de Fora na Copa Copobras São Ludgero, em Santa Catarina. Entre os dias 6 e 13 de julho, o elenco alviverde estará ao lado de gigantes do futebol brasileiro como Grêmio, Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Cruzeiro e de outras 30 equipes, em uma das competições de base mais fortes do País.

Projeto

Equipe sub-11 do Sport está a caminho de São Ludgero

  Com a presença do Sport em todas as suas edições até aqui, a Copa de São Ludgero é considerada uma etapa muito importante no processo de trabalho do clube juiz-forano.

  Em entrevista ao Toque de Bola, o coordenador das categorias de base, Diego Almeida, falou da preparação e da metodologia de trabalho adotada no Periquito.

  “Nossa temporada começa em janeiro, quando temos a primeira reunião da comissão e traçamos o planejamento do ano e também quais competições disputaremos. Geralmente separamos duas competições a nível nacional e uma delas é essa de São Ludgero. Disputamos esse tipo de competição, primeiro, para elevar o nível do nosso trabalho no clube e, como fator principal, elevar o nível do atleta. A preparação para essa copa é totalmente estruturada. A gente atinge um número ideal de treinos para essa copa e já disputamos dois torneios preparatórios para estar lá. No começo do ano fizemos uma captação de atletas com o perfil do Sport e vinculamos todos eles ao clube. A partir dos nossos atletas, nós fechamos a equipe. Contamos com 20 atletas no sub-11 e 20 atletas no sub-13 para essa copa”, disse o treinador.

Preparação diária

Sub-13 finalizou a preparação no Estádio José Procópio Teixeira

  O Sport não entra em nenhuma competição à toa. É o que garante Diego. Segundo ele, todo o planejamento é desenvolvido a partir da análise de treinos e jogos durante a temporada. Para ir a São Ludgero, não é diferente.

  “É a quarta edição que participamos e a cada ano é um novo aprendizado. Todo ano pegamos o que erramos e tentamos melhorar. Para 2019, fizemos uma análise do nosso desempenho nas outras três participações e procuramos corrigir os erros para acertar agora. É uma preparação semanal de treinos e jogos. Traçamos uma meta importante para a Copa São Ludgero, em que cada atleta nosso tem que atingir, em média, 20 jogos. Essa meta foi atingida. Além disso, o atleta tem que ter disputado duas competições, para ele ter os conceitos importante de competitividade”, finalizou o coordenador.

O “segredo”

Confira as equipes participantes da 4ª edição da Copa São Ludgero

  De acordo com o coordenador, a metodologia de trabalho no clube passa por três pontos principais que, caso atingidos, podem proporcionar ao atlela a concretização do objetivo inicial de evolução tática, técnica e pessoal.

  “Nessa formação, nós trabalhamos três quesitos que julgamos importantes aqui no Sport Club: a questão da formação técnica do atleta (capacidade individual de ele trabalhar), a capacidade de o atleta entender o jogo (relacionar o treino com os jogos) e a formação pessoal. Com isso, nossa preparação não se torna específica para a copa. Temos uma metodologia de treinos onde aplicamos tudo isso, o que capacita os atletas a medida que participam dos treinamentos. Para termos um feedback dessa preparação, nós disputamos esses campeonatos grandes e conseguimos saber em que nível estão os atletas e o trabalho”

Os grandes

  O contato com as equipes de expressão do futebol brasileiro também são valorizados no Sport. Segundo Diego, o crescimento não chega apenas aos atletas, mas também aos membros da comissão técnica.

  “O contato com os clubes grandes é fundamental e primordial na formação. Tanto na formação da comissão técnica quanto na dos atletas. Essa troca de experiência com outras escolas e essas camisas de nome como Grêmio, Palmeiras, é fundamental para vermos a que ponto está o nosso trabalho, se está com uma aproximação bacana com clubes, se estamos no caminho certo”.

Grupos do sub-11 estão definidos e serão os mesmos na categoria sub-13

  Além disso, ele reafirma que, para os objetivos do clube,no que compete à formação do atleta, é fundamental que esse contato seja estabelecido da melhor maneiro possível.

  “A nossa prioridade no Sport é a formação do atleta, preparar e formar o jovem para tentar encaixar ele em algum clube ou dar a oportunidade a ele de ir a algum clube. Geralmente, na semana do evento, nós temos um contato com esses clubes, devido ao nível de proximidade que tivemos em um curso de especialização em futebol. Toda segunda feira nós mandamos nossos treinos em grupo de treinadores no WhatsApp e temos o feedback deles. Com isso, nós tentamos aproximar, o máximo possível, a nossa realidade de treinos no Sport com a realidade dos grandes clubes, para que o atleta esteja preparado quando chegar no clube”, analisou Diego.

  O elenco do Verdão viaja nesta sexta, dia 5, para a cidade catarinense e se concentra para a disputa da competição.

Texto: Toque de Bola

Fotos: Divulgação/Copa Copobras São Ludgero; Arquivo pessoal/Diego Almeida.

Deixe seu comentário