PJF/Bahamas entrega fichas!

Copa PJF/Bahamas vai agitar os campos de JF

  Vai começar a festa do futebol de várzea de Juiz de Fora. Quem quiser participar da Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador 2019 deve comparecer nesta sexta, dia 7, ao Ginásio Poliesportivo da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL), na Rua Custódio Tristão, número 11, em Santa Terezinha.

  A partir das 9h, serão distribuídas as fichas de inscrição para as categorias dente de leite, mirim, infantil, juvenil, feminina, adulta, veterana, master, supermaster, sênior e zona rural. Estarão disponíveis 400 formulários para participação na Copa Bahamas 2019. Habitualmente, eles se esgotam rápido, por isso é bom os interessados se apressarem.

Preenchimento

  Os projetos socioesportivos desenvolvidos pela SEL e as equipes que disputaram a última edição da Copa Juiz de Fora de Futebol Amador este ano e não foram eliminadas ou punidas disciplinarmente, possuem, cada uma, sua ficha reservada na mesma categoria. Os interessados em participar deverão doar 15kg de alimentos não perecíveis, destinados às instituições filantrópicas do município.

Cruzeirinho recebe a taça da categoria adulto em 2018

  A devolução das fichas será também na SEL, no dia 28 de junho, das 8h às 12hs e das 14h às 18h, para todas as categorias. Os congressos técnicos estão marcados para os dias 6 e 7 de agosto, e o desfile de abertura previsto para a manhã do domingo, 11 de agosto.

Supercopa

  Como tradicionalmente ocorre, a bola começa a rolar com a realização da Supercopa do Campeões da Bahamas, com equipes que ergueram o caneco do adulto e da zona rural. O Cruzeirinho é o atual campeão tento da disputa que abre os trabalhos nos campos de várzea local como da principal divisão do torneio.

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Toque de Bola e divulgação Copa PJF/Bahamas

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário