Deu certo?

Abertura e encerramento foram no Santa Catarina

  A primeira edição dos Jogos das Escolas Católicas de Juiz de Fora terminou no dia 25 de maio, com as finais de duas modalidades. As partidas foram realizadas no ginásio do Colégio Santa Catarina e, na sequência, houve uma cerimônia de encerramento com a premiação dos atletas.

  No handebol feminino, o campeão foi o Colégio Nossa Senhora do Carmo, que venceu o Colégio dos Jesuítas na final, por 8 a 4. Já no futsal masculino, os meninos do Jesuítas derrotaram a equipe do Stella Matutina, por 6 a 1. No total, além dos finalistas, participaram também os Colégios Santa Catarina, Academia de Comércio e Colégio dos Santos Anjos.

Valeu?

  Uma reunião de avaliação do evento foi realizada após o fim do torneio. Segundo o professor e coordenador da competição, Dario Filho, o objetivo inicial foi atingido e a expectativa é aumentar o número de modalidades e atletas para as próximas edições.

  “O objetivo foi totalmente alcançado. O torneio foi um sucesso, só temos pontos positivos. Desde a preparação até a cerimônia de encerramento. Com o resultado, a possibilidade de continuarmos com a realização de outras edições é grande. Ainda não sabemos de quanto em quanto tempo. A ideia é manter a faixa etária e aumentar o números de modalidades”, disse o professor.

Autoridades municipais marcaram presença

Obrigado aos envolvidos

  Ainda segundo Dario, a colaboração de todos os envolvidos na realização dos Jogos foi fundamental para que tudo ocorresse bem durante os dias de evento.

  “Tivemos uma boa premiação, arbitragem teve boas atuações, o comportamento das torcidas foi muito bom, tivemos o apoio da direção e funcionários das escolas envolvidas, foi muito satisfatório. Um sucesso, dentro do esperado, pois foi muito bem planejado e bem executado. Estamos muito satisfeitos e muito felizes com a repercussão”, completou.

Boa impressão

  Em entrevista ao Toque de Bola, o professor campeão do futsal masculino com o Colégio dos Jesuítas, Arthur Castelloes, analisou a primeira edição do torneio. Segundo ele, a mobilização dos atletas de todas as escolas envolvidas foi um fator que chamou atenção.

Resultados Jogos Católicos (clique e amplie)

  “Qualquer atividade esportiva tem um cunho social muito bacana de interação, conhecimento, diferentes realidades. A motivação dos atletas estava lá no alto. Tivemos jogos muito disputados, mas com o nível de educação e respeito muito grande. Se pensarmos na formação dos alunos como pessoas, foi muito válido”, falou Castelloes.

  Além do fator comportamental, o nível técnico de meninos e meninas impressionou. “Tecnicamente, dos jogos que eu participei, foi muito bom. Temos bons trabalhos sendo desenvolvidos nas escolas na questão da iniciação. Espero que, de fato, tenhamos outras edições com uma ampliação do número de atletas e modalidades”, finalizou.

Texto: Toque de Bola

Fotos: Divulgação/Colégio Academia

Deixe seu comentário