Decisão! Baeta busca classificação diante do Atlético em JF

Baeta decide futuro em JF

  Vale o ano e o calendário da próxima temporada para o Tupynambás a partida da noite desta quarta, dia 20, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, diante do Atlético, às 21h30, pela 11ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. 

  O Baeta entra em campo querendo a vitória para avançar às quartas de final e, de quebra, conseguir uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2020. Mas, sendo ajudado por outros resultados, pode até mesmo se classificar sem precisar bater o Atlético, que vem a Juiz de Fora com sua equipe alternativa.  

Passo a passo

  Segundo o técnico do Baeta, Paulo Campos, seu time tem que pensar em termos de objetivos cumulativos na decisão desta quarta. “O primeiro passo é conseguir um grande resultado, respeitando e sabendo do nome do Atlético. Segundo, garantir a classificação paras as quartas de final. E o terceiro, somente depois de saber todos resultados, quem sabe não seremos agraciados com uma vaga na Série D”, projeta.

Volante Marcel (ao centro) volta a ser titular

  O técnico do Leão do Poço Rico vai ser obrigado a fazer pelo menos uma alteração em seu time. Com um estiramento no ligamento colateral medial do joelho direito, o lateral-direito Paulinho está fora da partida contra o Atlético. Gustavo Crecci será o substituto. No último treinamento antes da partida, Campos tirou o atacante Igor Soares para a entrada do meia Geovani, e retornou o volante Marcel aos titulares. Também testou Matheus Pimenta, recuperado de dores na coxa esquerda, na vaga de Geovani.  

Postura

  Independente de quem inicie a partida desta noite pelo Baeta, Paulo Campos sabe o que quer ver. “Vou manter cerca de 80% da equipe. Espero que seja o comportamento do time no primeiro tempo contra a Caldense e nunca do segundo tempo”, deseja o treinador, citando a derrota do último domingo, em Poços de Caldas, por 3 a 0, quando o time criou chances na etapa inicial, mas acabou sendo dominada na segunda metade da partida pela Veterana.

Campos quer time com atitude diante do Atlético

  Um dos líderes do elenco, o volante Léo Salino faz coro com o comandante. “Temos que estar concentrados e evitar os erros diante da Caldense no segundo tempo e tentar repetir o primeiro, fazendo os gols. Pecamos nas finalizações e no último passe e, com um pouco mais de concentração, podemos concretizar as chances criadas”, considera o jogador.

Alternativo

  O Atlético vem Juiz de Fora com um time alternativo. Garantido matematicamente como líder da primeira fase do Mineiro, o time de Belo Horizonte vai poupar seus titulares que disputam a Libertadores e venceram, pelo Estadual, o América no último domingo, por 3 a 2.

  Até mesmo o segundo time do Atlético tem desfalques para a partida da noite desta quarta. O atacante Chará, convocado para a Seleção da Colômbia, não joga, abrindo espaço para a estreia de Papagaio, ex-Palmeiras. Já o zagueiro Matheus Mancini, com uma entorse no tornozelo esquerdo, não joga. Martín Rea fará dupla com Maidana na defesa do clube de Belo Horiozonte.

Ingressos                     

  Os ingressos para Tupynambás x Atlético já estão à venda desde o dia 15. Por conta da alta procura e por ser um jogo decisivo, a diretoria do Baeta aumentou a carga para 9990 bilhetes e espera casa cheia no Mário Helênio. As entradas custam R$ 20 (inteira) e R4 10 (meia). Menores de 12 anos não pagam, caso acompanhados de um responsável e documentação comprobatória

  As entradas podem ser adquiridas estão sendo vendidos na sede do Tupynambás (Rua Delorme Louzada, 32, Poço Rico), no Posto da Liga de Futebol de Juiz de Fora (Calçadão da Rua Halfeld e, frente ao Banco do Brasil), na loja Shopping dos Clubes (Rua Halfeld, 622, Centro), na Cirúrgica Equilíbrio (Rua São Mateus, 422, São Mateus), das 9h às 18h. O bar São Bartolomeu (Rua São Mateus, 41, São Mateus) também comercializa os ingressos em seu horário de funcionamento, a partir das 18h. Os bilheterias do Mário Helênio abrem às 19h30.

Acesso e ônibus

  A abertura dos portões da arena local também está prevista para às 19h30. A torcida do Baeta entrará no estádio pelo portão principal (Pórtico 1), do Mário Helênio. Já a do Atlético terá acesso pelo Bairro Dom Orione (Pórtico 3).

Classificação do Mineiro 2019

  Serão disponibilizados ônibus especiais para transporte dos torcedores do Tupynambás, com saída da Avenida Presidente Itamar Franco, em frente à Agência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon). Já a torcida atleticana poderá embarcar no ponto próximo à Reitoria (Rua Benjamin Constant). Confira as alterações e medidas especiais para o trânsito no entorno do Mário Helênio.

  Após o confronto, o último veículo sairá do estádio 40 minutos após o término do jogo. Artefatos pirotécnicos, fumaças e bebidas em vasilhames de vidro, latas e garrafas plásticas não serão permitidos dentro do estádio. Por questões de segurança, a entrada de torcedores uniformizados só será permitida no portão indicado.

TUPYNAMBÁS X ATLÉTICO

Mário Helênio – 21h30

Árbitro: Cleisson Veloso Pereira

Assitentes: Marcos Vinícius Gomes e Felipe Ramos de Santana

Tupynambás: Renan Rinaldi, Gustavo Crecci, Adriano, Felipe Gregory e Lucas Hipólito; Marcel, Léo Salino, Leandro Salino e Geovani (Matheus Pimenta); Núbio Flávio e Ademilson. Técnico: Paulo Campos

Atlético: Cleiton; Renan Guedes, Martín Rea, Maidana e Hulk; Lucas Cândido, Nathan, Bruninho e Daniel Penha; Leandrinho e Papagaio. Técnico: Levir Culpi

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Toque de Bola

Artes: Toque de Bola

Deixe seu comentário