Vale muito! Tupi duela com Santa Cruz-RN pela Copa do Brasil

Se não levar gol, Vilar garante a classificação carijó

  Um jogo que pode iniciar a recuperação na temporada e garantir um importante reforço de caixa para ambos os times, além de valer classificação para a segunda fase da Copa do Brasil.

  Esse é o resumo do que está em disputa no confronto desta quarta, dia 6, na estreia de Tupi e Santa Cruz-RN na competição nacional, em Natal, às 21h, na Arena das Dunas.

  Pelo regulamento do torneio, na primeira fase, o melhor colocado no Ranking Nacional de Clubes entre os dois participantes de cada confronto joga na casa do adversário e tem a vantagem do empate na partida única que define quem avança para a segunda etapa. Assim, o Carijó, com qualquer igualdade se classifica na Copa do Brasil. O que significa dizer também que se Vilar não for vazado, os juiz-foranos seguem na disputa.

Sem vencer

  Se forem levados em consideração os retrospectos de ambos os times na temporada, a vantagem do empate é um grande trunfo para o Carijó. Tanto Tupi como Santa Cruz não venceram ainda em 2019, conquistando pontos apenas através de marcadores iguais, o Carijó no Mineiro e o Santinha no Potiguar.

Gérson faz sua estreia no Tupi diante do Santa Cruz-RN

  No clube do Rio Grande do Norte, as seis partidas sem vitória, com quatro empates e duas derrotas, no Estadual não abalaram o comando de Fernando Tonet. Mas no Alvinegro de Santa Terezinha, os cinco jogos sem vencer, com três empates e duas derrotas, fizeram a diretoria demitir Aílton Ferraz no sábado, dia 2, e contratar Gérson Evaristo, que assumiu na última segunda, dia 4.

Reforço de caixa

  Pelo momento vivido, no qual os dois times precisam de recuperação, conquistar a primeira vitória na temporada em competição nacional já seria importante. Mas, na realidade de aperto orçamentário que ambos enfrentam rotineiramente, o confronto ganha cores mais vivas quando a questão financeira é levada em conta.

  Só por entrarem em campo nesta quarta, Tupi e Santa Cruz recebem R$ 525 mil. E o jogo tem tudo para pegar fogo porque, além da vaga na segunda etapa da competição nacional, o vencedor do embate fatura outros R$ 625 mil pela disputa da fase seguinte. Quem se classificar encara o ganhador de Rio Branco, do Acre, e Bahia, partida prevista para o dia 14 de fevereiro, na capital acreana.

Carijó diferente

  O Tupi chega para a estreia na Copa do Brasil 2019 ainda sob os efeitos do empate em 2 a 2 com a Caldense, no último fim de semana, tanto dentro como fora de campo. Após a queda de Aílton, Gérson Evaristo assumiu sem muito tempo para conhecer seus novos comandados ou fazer grandes alterações na equipe.

Recuperado de virose, Chub deve reaparecer no time titular

  O novo comandante vai poder contar com atletas que não jogaram no fim de semana por conta de uma virose, casos do volante Eduardo Nardine e do atacante Anderson Chub.

  Já o zagueiro Arthur Sanches e o volante Leandro Brasília continuam de fora, no departamento médico, se recuperando de lesões musculares sofridas no empate em 1 a 1 com o Villa Nova, no dia 30 de janeiro. 

Definições em pouco tempo

  Com apenas um único treino, Evaristo não deve radicalizar nas mudanças. O treinador pretende armar seu time para explorar os pontos fracos do Santa Cruz. “Tivemos muito pouco tempo. Um treino só e, no dia seguinte, a viagem. Mas estamos bem municiados de informações do elenco e do adversário. Então vamos estudar uma estratégia, dentro das deficiências e qualidades deles, para montarmos o time”, disse.

Tonet não está satisfeito com seu ataque

  A única atividade comandada por Gérson foi fechada para a imprensa, logo após sua coletiva de apresentação. Dela, segundo o jornal Tribuna de Minas, participou o mais novo contratado do Tupi: o volante Max Carrasco. Ele viajou para Natal com o grupo, mas não apareceu a tempo nesta terça no BID da CBF e, assim, não tem condições de jogo para esta quarta.

  O jogador tem 34 anos, estava no Bolamense-DF, e já trabalhou com o diretor de futebol do Carijó, Nicanor Pires, no Ipatinga. O cabeça de área também tem passagens por Villa Nova-MG, Moto Club-MA, Metropolitano-SC e Asa-AL. Caso seja regularizado até sexta, pode atuar diante do Guarani, sábado, 17h, em Divinópolis, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro.

   Pelo que o Portal Toque de Bola pôde apurar sobre o único treino comandado por Evaristo, o time deve ter a volta do experiente Afonso à lateral-direita no lugar de Léo Felipe. Tiago será mantido na zaga ao lado de Aislan. Nardine e Chub retornam nas vagas de Fábio Henrique e Breno, que atuaram contra a Caldense.

Vantagem

  No espírito de aproveitar qualquer possibilidade para avançar, Evaristo sabe como pode ser importante poder empatar para obter a classificação diante do Santa Cruz. “Nesta quarta, temos a possibilidade de dois resultados. Já entramos classificados. Só depende da gente”, definiu o técnico.

  Se o Tupi não precisa vencer para se classificar, os donos da casa só avançam se conquistarem a vitória. Por isso, precisam de gols. É justamente esse o maior problema do técnico Fernando Tonet. Sua equipe teve o pior ataque do primeiro turno do Campeonato Potiguar, marcando apenas duas vezes em seis jogos. O sexto colocado na primeira etapa do Estadual do Rio Grande do Norte marcou menos até que o lanterna, Força e Luz, que foi às redes três vezes.

Reforçado

Beleu pode fazer sua estreia nesta quarta

  Segundo o técnico Fernando Tonet, a baixa produção ofensiva prejudicou o time na disputa das vagas para final do primeiro turno do Potiguar. Para tentar ajudar resolver a situação, o clube contratou o atacante Gabriel Maia, que já estreou na derrota para o ABC, por 1 a 0, no dia 30 de janeiro – última vez que o Santinha esteve em campo -, e o meia-atacante Beleu, regularizado na sexta, dia 1º, podendo fazer sua estreia diante do Carijó. Além deles, o lateral-direito Nego Potiguar, que também já entrou em campo no meio da última semana, é outro reforço.

  “O fato de não termos vitórias compromete o setor ofensivo. Por isso temos um ataque muito ruim. O que avalia o ataque é numero de gols marcados. Temos uma defesa bem sólida, tomamos poucos gols, construímos de trás para frente. Mas não consegui ainda encontrar a formação ideal nessa parte decisiva do campo. Com esses reforços, espero que a gente consiga”, disse Tonet ao canal da oficial da equipe no YouTube. Ao lado de alguns atletas, o comandante também convoca a torcida potiguar para o jogo desta quarta.

SANTA CRUZ-RN x TUPI

Arena das Dunas – 21h

Árbitro: Alisson Sidinei Furtado

Assistentes: Fábio Pereira e Cipriano da Silva Souza

Santa Cruz

Pedro, Nego Potiguar, Jadson, Weverton e Vitor Lindenberg; Josias, Ray, Antônio Júnior (Beleu) e Dyorgenes; Gabriel Maia e Edson Kappa. Técnico: Fernando Tonet

Tupi

Vilar, Afonso, Tiago, Aislan e Emerson; Eduardo Nardine, Baiano e Nélio; Saulo, Anderson Chub e Marcus Vinícius. Técnico: Gérson Evaristo

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos:

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário