Tu-Tu vale dois troféus: “Mário Helênio” e “Augusto Valle”

 

Os dois troféus estarão em jogo no aguardado reencontro entre Tupi e Tupynambás

A Prefeitura de Juiz de Fora divulgou, na tarde desta segunda-feira, dia 21, os troféus que serão entregues na noite de quarta-feira, dia 23, após o clássico entre Tupynambás e Tupi, pelo Campeonato Mineiro, jogo que começa às 20h, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio.

  A Prefeitura, através da Secretaria de Esporte e Lazer, e em parceria com o Grupo Bahamas, entregará dois troféus, elaborados exclusivamente para o evento: o “Radialista Mário Helênio” será entregue à equipe vencedora da partida e “Augusto Costa de Oliveira Valle”, ao melhor jogador em campo.

  De acordo com a assessoria da SEL, foram promovidas “diversas reformas e melhorias que  transformaram o estádio em ótimo palco para receber essa partida, aguardada há quase 50 anos, e os troféus pretendem eternizar este momento, em que a cidade está sendo representada por dois clubes no Campeonato Mineiro.”
  

   Ainda conforme a SEL, “as peças foram desenvolvidas pela equipe de marketing do Grupo Bahamas, parceiro da SEL em diversos projetos, como as Copas de Futebol Amador e Futsal, JF Lazer e Semana Paralímpica. A proposta é valorizar o retorno do clássico. 

   Detalhes

  Mário Helênio foi um ícone da imprensa esportiva da cidade e a meta é apresentar a trajetória deste importante personagem juiz-forano.

  No troféu com o nome do cronista esportivo, há a logomarca do Panathlon Club Juiz de Fora, clube que ele participou com atuação efetiva, e imagens como um rádio antigo, um microfone e dizeres como seu slogan no rádio, “Bacharel em Esportes”, e “Credibilidade e Respeito”. O nome de seu antigo programa na então Rádio Solar, “No Giro da Bola”, está lembrado no topo do troféu, ao lado dos escudos de Tupi e Tupynambás.

 Filho comemora

“Muita honra e orgulho ver o nome de meu pai no troféu”, manifestou-se o filho de Mário, engenheiro Mário Augusto, que mora no Rio de Janeiro, nas redes sociais do Toque de Bola (Twitter, Fanpage e Instagram).

  Acesse aqui e veja matéria feita recentemente pelo Toque de Bola com Mário Augusto

  Augusto lembrado

Bandeira de homenagem ao “torcedor solitário” Augusto Valle foi colocada justamente no local em que ele sempre ficava nos jogos do Carijó

  Já Augusto Valle, que morreu recentemente, merece a homenagem porque foi um torcedor que frequentava o estádio há 30 anos, com lugar cativo atrás do gol.

  O craque da partida será escolhido, através de votação, pelos representantes da imprensa que estiverem realizando a cobertura do jogo.

   Já na partida entre Tupi e Tombense, domingo, dia 20, na primeira rodada do Estadual, foi apresentada uma bandeira, confeccionada pelo torcedor e pesquisador da história do Tupi, Léo Lima. A bandeira ficou justamente na posição em que tradicionalmente o “seu” Augusto, como muitos de seus amigos o tratavam, ficava no Estádio Mário Helênio: atrás do gol, empunhando as bandeiras do Tupi e do Brasil.

 

Texto a partir de informações e fotos divulgadas pela Assessoria de Comunicação da SEL

Foto: Léo Lima

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário