Chub sumido? Discussão de dirigentes? O Tu-Tu termina, mas as polêmicas…

Chub desfalcou o Tupi no Tu-Tu e só volta em fevereiro

  Quando o Tupi divulgou a escalação para o clássico Tu-Tu, na quarta, dia 23, uma pergunta veio à cabeça da imprensa que cobre o clube e do torcedor mais atento: onde está o atacante Anderson Chub?

  Contratado no pacotão de reforços vindos das categorias de base do Santos, um dos destaques do Carijó na pré-temporada e com desempenho destacado pelo técnico Aílton Ferraz no empate em 1 a 1 com o Tombense na estreia do Alvinegro de Santa Terezinha no Campeonato Mineiro, o jogador não estava nem no banco contra o Tupynambás.

  Chub fez falta na derrota para o Baeta, por 1 a 0, no clássico histórico do meio de semana pela segunda rodada do Estadual. “Ele teve uma ausência para resolver alguma coisa. Não estou sabendo direito. Sem dúvida que foi um atleta que fez bastante falta. Eu ia usá-lo como meia, revezando com o Marcus Vinícius. Eles fizeram isso muito bem contra o Tombense. Mas o futebol é isso, não tem um, a gente tem que criar situações”, disse Ferraz.

Com o diretor

  Segundo informações passadas para a imprensa local, o jogador havia sido poupado do recreativo na última terça, dia 22. Mas, Aílton já sabia que não poderia contar com o atleta um dia antes. “Na segunda eu já sabia que não dava para contar mais com ele. Tentei ir a fundo. Perguntei ao Nicanor ‘o que eu falo?’ Ele disse: ‘passa para mim que eu falo o que aconteceu’. Enfim, saiu do Aílton, está com o Nicanor essa resposta. Mas é um atleta que fez muita falta”, contou o treinador.

Aílton disse que Chub fez falta

  Em conversa com repórteres de alguns veículos de imprensa local, entre eles o Portal Toque de Bola, após a coletiva de Aílton ao final do Tu-Tu, o diretor de futebol do Tupi, Nicanor Pires, revelou que a ausência de Anderson Chub estava acordada desde a chegada do atleta a Juiz de Fora.

  O dirigente garantiu que o jogador tem contrato em vigor com o clube e se reapresentará, apesar de não precisar para qual compromisso o atleta estará novamente disponível no elenco. O cartola também deixou em aberto a possibilidade de alguma proposta seduzir o atacante nesse período.

Só em fevereiro

  “O Chub estava liberado por esses dez dias antes de vir para o Tupi. Aliás, foi uma condição para ele assinar conosco. Está resolvendo questões pessoais. Mas ele tem contrato com o clube e retorna. Deve se apresentar para a quinta rodada do Mineiro ou, caso isso não aconteça, para o confronto pela Copa do Brasil. Agora, sempre há a possibilidade de surgir uma proposta. Como surgiu para um dos atletas que jogou nesta noite, da Suíça, por exemplo. Se isso acontecer, vamos avaliar”, disse Pires.

  Pelas declarações do diretor alvinegro, pode-se concluir que Chub só estará de volta ao Tupi em fevereiro, já que o compromisso do Carijó pela quinta rodada do Estadual esta marcado para o dia 2 do próximo mês, contra a Caldense, no Mário Helênio. Já a estreia na Copa do Brasil está agendada para o dia 6, às 21h30, contra o Santa Cruz-RN. A Confederação Brasileira de Futebol definiu, na última segunda, dia 22, a Arena das Dunas, em Natal, como palco do confronto pela competição nacional.

“Esquentou”

Nicanor considerou discussão com Léo normal

  Colegas de imprensa presenciaram, na saída do campo após a derrota para o Baeta no Tu-Tu, uma discussão áspera entre Pires e o médico do Tupi, Léo Freguglia, que é também filho da presidenta do clube, Myrian Fortuna. Segundo relatos, ambos adentraram os vestiários do Carijó gritando um com o outro.

  De acordo com Nicanor, a atitude errada foi ter o embate ríspido em público. Mas o dirigente não vê nada fora do comum na discussão em si. “Isso acontece até mesmo em jogo que se ganha. No vestiário, o pau quebra. O erro foi termos discutido aqui fora, e não deixado isso para o vestiário. Mas nada que já não tenha acontecido antes e que não vá acontecer. No futebol isso é comum. Cabeça quente, nada mais”, explicou.

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos com informações da Tribuna de Minas, Rádio Globo e Rádio Catedral FM

Fotos: Júnior Ayupe/Tupi F.C.

 

Deixe seu comentário