01 nov 2018

É para subir, moçada! UFJF/Asepel busca acesso e taça fora de casa



Olha a festa depois do gol do sub-15 diante do Tupinambás

  Os times infantil (sub-15) e juvenil (sub-17) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)/Associação de Ensino e Pesquisa em Esporte e Lazer (Asepel) fizeram o dever de casa no fim de semana.

    Agora, na última rodada do octogonal decisivo da Segunda Divisão do Campeonato Mineiro, vão em busca do acesso no sábado, dia 3, a partir das 9h, diante do Athletic, em São João Del Rei.

   Com emoção!

    No último sábado, dia 27, os garotos locais conseguiram vitórias sobre o Tupinambás, de Ribeirão das Neves. No juvenil, o placar elástico de 4 a 0 demonstrou a superioridade da UFJF/Asepel.

  Já no infantil, o magro 1 a 0 só veio no fim, mas serviu para, em combinação com o resultado do sub-17, deixar os juiz-foranos dependendo somente de si mesmos para a conquista do objetivo principal da temporada.

     Meta traçada

Classificação conjunta do octogonal final da Segunda Divisão do Mineiro de base

  Segundo o coordenador da UFJF/Asepel, Marcelo Matta, a vaga na elite do Mineiro de base é a meta. “O objetivo é subir. Aumentar o desafio para os meninos, a visibilidade do projeto e ampliar nossa estrutura, evoluindo sempre. Vamos para lá para vencer as duas partidas, tomara que alcancemos o sucesso”, espera.

  Se vencer ambos os confrontos com o Athletic, a UFJF/Asepel conquista o acesso, pois a classificação conjunta é utilizada para esta definição. Outra possibilidade que leva os locais à Primeira Divisão do Mineiro de base em 2019 é ganhar um dos jogos e empatar o outro. Em caso de uma vitória e uma derrota ou de dois empates, os juiz-foranos dependerão de derrotas do Inter de São Gotardo e do Minas Boca para terminar entres as três equipes que sobem para a elite do Estadual.

Classificação do octogonal sub-15

Vale taça

  Com o caráter decisivo dos confrontos, Matta não espera moleza em São João Dele Rei. “O Athletic fortaleceu muito suas equipes. Reforçaram com jogadores do Nordeste e com atletas que disputaram a Primeira Divisão do Mineiro, que acabou antes do nosso torneio. Querem disputar a elite em 2019. Vai ser um confronto difícil, com torcida e pressão. Isso é legal para todo o clima e a formação dos meninos”, destaca.

  “É final”

Classificação do octogonal sub-17

  No sub-17, além da vaga na Primeira Divisão, a disputa entre UFJF/Asepel e Athletic vale o título da categoria. O time de Juiz de Fora joga com a vantagem de poder empatar para ficar com o caneco.

  “No juvenil é literalmente uma final. Muito bom para os garotos. Vamos ver quem é quem. Em processo de formação, ver os que vão jogar o jogo, controlar a ansiedade; quais são os jogadores mais competitivos e que não ficarão abalados. Esses jogos é que formam os grandes atletas”, explica Matta.  

 

 

Time sub-17 da UFJF/Asepel pode ser campeão da Segundona do Mineiro sábado

 

 

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Fotos: Rise Up Sports

Artes: Toque de Bola com informações da Federação Mineira de Futebol


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


09 nov 2018
Cesta! Encontro na Faefid e semifinal da Liga agitam basquete em JF

09 nov 2018
Pedido de ajuda! Tupi Futsal faz evento para levantar fundos

08 nov 2018
Em quadra! Pautando o Esporte traz Tupi Futsal e tradição da modalidade

08 nov 2018
Centenária! Liga de Futebol de JF é destaque no Pautando o Esporte

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse