Tupynambás: objetivo é manter-se na elite do Campeonato Mineiro

Campo do José Paiz Soares vai passar por reforma

  A temporada 2019 vai se aproximando, e o trabalho de bastidores e estruturação vai se intensificando no Tupynambás. Na volta à elite do Campeonato Mineiro, o Baeta contará com a parceria que o conduziu ao Módulo I, e o tempo é de traçar metas, se mexer no mercado e se preparar para receber os atletas.

   Saindo de reunião na Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) na manha de quinta, dia 18, o integrante do conselho deliberativo e representante do Baeta, Cláudio Dias, estipulou uma meta realista para 2019.

  “O objetivo principal é nos mantermos na Primeira Divisão. Claro que, como qualquer esporte, no futebol você pode montar um elenco e ele te surpreender ou ficar aquém. Mas queremos montar um grupo forte e que tenha a possibilidade de representar bem a camisa do Baeta”, deseja.

Com Alberto

  Neste contexto, o empresário Alberto Simão, parceiro do clube em sua volta ao futebol coroada com o acesso em 2018, já está sem mexendo. “O Alberto já é um nome certo. Ele está em contato com atletas e tem vários nomes. Só não há nada oficializado porque não temos ainda contrato assinado. Mas, nos próximos dias, a intenção é dar a cara nova do Tupynambás para 2019”, deseja Dias.

  Com a apresentação do elenco prevista para os primeiros dias do último mês do ano, o local de treinos do Leão do Poço Rico, o Estádio José Paiz Soares, vai passar por obras. “Devemos começar uma reforma do campo na semana que vem. Pensamos no início de pré-temporada, no início de dezembro”, prevê.

Texto: Toque de Bola – Wallace Mattos

Foto: Facebook Tupynambás F.C.

Deixe seu comentário