Série C: Tupi perde seis posições e recebe Operário-PR sábado

Série C do Campeonato Brasileiro 2018: jogos do Tupi no primeiro turno

  Se após a vitória sobre o Tombense por 1 a 0 e o complemento da primeira rodada da Série C do Campeonato Brasileiro o Tupi já despontava na liderança do Grupo B, uma derrota, também pela contagem mínima, somada à combinação dos demais resultados, foi suficiente para “derrubar” o Carijó para a sétima colocação, nos critérios de desempate.

    Ao contrário dos jogos do final de semana anterior, quando não houve uma vitória sequer acima de 1 a 0 nas duas chaves, desta vez algumas equipes construíram placares mais elásticos e modificaram o panorama da competição.

   O Tombense, por exemplo, recuperou-se da derrota para o próprio Tupi e cumpriu o chamado “dever de casa” com estilo. Em Tombos, marcou 3 a 0 sobre o Joinville e está em quarto lugar, na zona de classificação para o mata-mata do acesso, com os mesmos três pontos do vizinho não muito próximo da Zona da Mata Mineira.

   Como os dois primeiros colocados do grupo – Botafogo e Bragantino – somam quatro pontos cada, o torcedor do alvinegro juiz-forano já mira a volta à liderança da chave ou pelo menos à zona de classificação, desde que o Tupi supere o Operário de Ponta Grossa-PR no sábado, dia 28, às 16h, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, e o vento volte a soprar a favor.

  O regulamento determina que os quatro primeiros colocados de cada chave seguirão para a segunda fase, o chamado “mata-mata do acesso”. Os dois times com pior rendimento em suas chaves serão rebaixados para a Série D de 2019.

  A única das 20 equipes que soma duas vitórias – cem por cento de aproveitamento – é o Confiança-SE, na Chave A.

 Daniel Amorim, do Tombense, e Marcos Aurélio, do Botafogo-PB, são os principais artilheiros, com dois gols marcados cada.

  Derrota

Bragantino supera Tupi com um gol nos acréscimos do segundo tempo

  O Tupi não esteve bem na tarde de sábado, dia 21, em Bragança Paulista, mesmo atuando por mais de 35 minutos com um jogador a mais – Danilo, do Braga, foi expulso aos 22 minutos da etapa inicial e Paulinho, do Carijó, aos 11 minutos do segundo tempo.

  Ambos já tinham recebido o primeiro cartão amarelo e foram advertidos com o vermelho pelo árbitro Paulo Henrique de Melo Samázio.

  A equipe treinada por Ricardo Leão não conseguiu apresentar volume de jogo. A principal oportunidade foi um chute de que acertou a trave.

  Na etapa final, depois que o Carijó também acabou ficando com dez – o castigo veio já nos acréscimos. Aos 46 minutos, numa desatenção coletiva, os anfitriões tiveram muito espaço desde a bola lançada na direita até o passe para a conclusão de Gustavo Vintecinco: 1 a 0. 

  O Tupi foi escalado com Ricardo Vilar, Francesco (atuou na vaga de Rodrigo Dias, contundido), Sidimar, Wellington e Udson; Léo Costa, Léo Salino, Tiaguinho e Paulinho; Vitinho e Reis. No segundo tempo, o treinador Ricardo Leão promoveu três alterações, entre elas a reestreia de Daniel Morais, no lugar de Reis. Também entraram Rodrigo Santos (saiu Léo  Costa) e João Vítor (Tiaguinho).

  Jogos de sábado à tarde

  Na segunda rodada da Série C, no sábado, dia 21, o Botafogo-SP, treinado pelo ex-carijó Léo Condé, também venceu e assumiu a liderança do grupo do Tupi, ao lado do Bragantino, com quatro pontos.

  Luverdense-MT 1 x 2 Botafogo-SP (Grupo B)  

Botafogo de Ribeirão Preto vence fora de casa

  No Passo das Emas, após empate sem gols no primeiro tempo, o Botafogo-SP abriu os trabalhos aos cinco minutos com Garré. Aos 17, Caio Dantas marcou de cabeça e ampliou a vantagem paulista. O Luverdense descontou aos 36 minutos com Elton: 2 a 1, placar final. 

  Remo 1 x 0 Globo-RN  (Grupo A)

  No Mangueirão, o Remo fez valer o fator casa e superou o Globo-RN. O único gol da partida foi marcado ainda no primeiro tempo. De pênalti, Isac colocou os donos da casa em vantagem. Apesar da pressão dos visitantes, o goleiro Vinícius apareceu bem na etapa final e evitou o gol de empate.

  Tombense 3 x 0 Joinville  (Grupo B)

  No Antônio Guimarães de Almeida, o Tombense saiu na frente do Joinville aos 11 minutos do primeiro tempo com Anderson. A vantagem mineira foi ampliada na etapa final. Aos 17, Daniel Amorim subiu no meio dos zagueiros e, de cabeça, fez 2 a 0. Aos 40 minutos, o atacante repetiu a dose e fechou o marcador: 3 a 0.

 

Série C do Campeonato Brasileiro 2018: classificação do Grupo B após duas rodadas

 Volta Redonda 3 x 0 Cuiabá  (Grupo B)

    No Raulino de Oliveira, o Volta Redonda não deu chances aos Cuiabá. O Esquadrão de Aço foi para o intervalo com a vitória parcial de 1 a 0, graças ao gol contra marcado pelo zagueiro Weverton. Na etapa final, Romarinho e Marcelo ampliaram a vantagem do Voltaço. Fim de jogo: 3 a 0.

 Sábado à noite

 Botafogo-PB 4 x 0 Náutico (Grupo A)

Pela segunda rodada, o Belo não deu chances ao Náutico. No estádio Almeidão, em João Pessoa, os donos da casa golearam o Timbu por 4 a 0. Já o time pernambucano segue com um ponto.

  Com maior volume de jogo, o Botafogo-PB dominou as ações desde o início e foi para o intervalo com a vitória parcial de 1 a 0. Aos cinco minutos, Marcos Aurélio mostrou oportunismo e abriu o placar. No segundo tempo, aos 24 minutos, Mario Sérgio marcou um golaço de bicicleta e ampliou a vantagem para 2 a 0. Aos 30, Dico aproveitou contra-ataque para fazer o terceiro. Já nos acréscimos, Marcos Aurélio arriscou de longa distância e fechou o marcador em 4 a 0.

Domingo à tarde

Confiança-SE 3 x 0 Salgueiro-PE (Grupo A)

  Assim como na estreia, o Confiança-SE venceu na segunda rodada da Série C. Neste domingo (22), o Dragão superou o Salgueiro por 3 a 0 em Aracaju e se manteve no topo do Grupo A. No Batistão, o Confiança não deu chances ao Salgueiro. O Dragão dominou as ações do início ao fim e manteve os 100% de aproveitamento. Os donos da casa abriram o placar aos 43 minutos do primeiro tempo com Iago. Na etapa final, Léo Ceará ampliou logo aos dois minutos. Aos 34, Thiago Silvy fechou o marcador em 3 a 0.

Série C do Campeonato Brasileiro 2018: jogos da terceira rodada

Ypiranga-RS 2 x 1 Operário-PR  (Grupo B)

  No Colosso da Lagoa, o Operário-PR saiu na frente com Quirino aos 11 minutos. Ainda no primeiro tempo, aos 31 minutos, o Ypiranga reagiu e deixou tudo igual com Simão. Na volta do intervalo, o Fantasma chegou a acertar a trave com Lucas Batatinha, mas foi o Canarinho que marcou e ficou com a vitória. Aos 38 minutos, Rafinha tocou na saída do goleiro e garantiu o primeiro triunfo do time gaúcho.

  ABC-RN 1 x 0 Juazeirense (Grupo A)

  No Frasqueirão, o ABC-RN foi para o intervalo com a vitória parcial de 1 a 0. Aos 44 minutos, Leandrão aproveitou cruzamento na área e, de cabeça, abriu o placar. A Juazeirense tentou a reação na etapa final. Mesmo as expulsões de Fessin e Samuel, o Alvinegro segurou a pressão dos visitantes e arrancou o triunfo por 1 a 0.

Série C do Campeonato Brasileiro 2018: classificação do Grupo A após duas rodadas

  Santa Cruz 3 x 1 Atlético-AC (Grupo A)

  O Santa Cruz alcançou a primeira vitória na Série C. No encerramento da segunda rodada, o Tricolor levou a melhor para cima do Atlético-AC. No Arruda, em Recife, o time pernambucano fez valer o fator casa e venceu por 3 a 1. Com o resultado, o Santinha chegou a quatro pontos. Já o Galo Carijó segue com três pontos.

  Nem mesmo a chuva que caiu no Arruda diminuiu a gana por vitória das duas equipes. Comandado pelo meia Carlinhos Paraíba, o Santa Cruz largou na frente aos 12 minutos. Após cobrança de pênalti, Geovani pegou o rebote e conferiu para o fundo das redes, 1 a 0.

  O Atlético acreano reagiu na etapa final e, aos 19 minutos, Araújo mostrou oportunismo e deixou tudo igual, 1 a 1. Aos 27, Carlinhos Paraíba não desperdiçou a cobrança de pênalti e recolocou o Tricolor em vantagem. Dois minutos depois, Robert ampliou e fechou o marcador por 3 a 1.

 

Texto: Toque de Bola e site da CBF

Artes: Toque de Bola, com informações do site da CBF

Fotos: Rafael Moreira – Bragantino e Rau

 

l Ramos/Botafogo-SP – publicadas no site da CBF

Deixe seu comentário