Baeta confiante para buscar o “combo”: vitória, acesso e vaga na final

 

Lance impressionante: a cabeçada de Yan acerta a trave. Ademilson pegou o rebote e a bola bateu nas duas traves

 Quem foi ao Estádio Municipal Radialista Helênio na ensolarada manhã de domingo, dia 15, ou acompanhou informações e pequenos vídeos da partida nas redes sociais do Portal Toque de Bola certamente ficou com um lance gravado na memória.

  No segundo tempo, quando o Tupynambás partiu decidido para buscar a vitória sobre o América, de Teófilo Otoni, que joga por dois empates nas semifinais do Módulo 2 do Campeonato Mineiro, o Baeta acertou a trave três vezes na mesma sequência.

  Tudo começa quando Catatau arrisca de fora da área. O goleiro Paulo Victor faz defesa parcial. Na sobra, já dentro da área, a cabeçada de Yan acerta o poste direito, à meia-altura.

  A bola sobra para o principal jogador do time e provavelmente da competição, Ademilson, que emenda, procurando as redes. A bola bate primeiro na trave à esquerda do goleiro, desloca-se para o lado oposto e choca-se também com o poste direito, no mesmo lugar da conclusão de Yan, com o estádio inteiro acompanhando com a respiração presa.

“Não perguntem como”

Lance de Tupynambás x América de Teófilo Otoni em Juiz de Fora

A bola não entrou. Típico lance que o torcedor, ao chegar em casa, vai dizer: “Não me perguntem como, mas o gol não saiu naquele lance”.

  A consequência desta e de outras jogadas de real perigo – as duas equipes não se desorganizaram para buscar o gol mas criaram chances reais – Glaysson fez grande defesa na etapa inicial, foi um zero a zero que mantém o Mecão com a vantagem de empatar a segunda partida, marcada para sábado, dia 21, desta vez em Teófilo Otoni, a partir de 16h.

Vitória vale “combo”

  Ao final de outros noventa minutos mais acréscimos, quem vai bater na trave? Uma simples vitória por 1 a 0 valerá ao Leão do Poço Rico o “combo” completo para esta e a próxima temporada. Quem chegar à decisão, que ocorre novamente em duas partidas, já estará garantido na primeira divisão do futebol mineiro de 2019.

   Na outra via que leva ao acesso e às finais, o time visitante conseguiu ampliar a vantagem inicial, fruto da melhor campanha na fase de classificação. Em Uberaba, o Guarani, de Divinópolis, venceu o primeiro choque por 1 a 0 e pode até perder por um gol de diferença diante do Uberaba no sábado, no mesmo horário – 16h.

  Pé na estrada

Delegação do Tupynambás deixou Juiz de Fora na manhã desta quinta-feira, rumo a Teófilo Otoni

 O Leão do Poço Rico embarcou no início da manhã desta quinta-feira, dia 19, com quase 600 quilômetros a percorrer até a cidade que fica ao Norte de Minas Gerais. Devido à longa distância, a comissão técnica, com aval da diretoria, optou por viajar com maior antecedência.

 Hora de tirar o”dez”

   Para o treinador Guiba, a receita é trabalho: “Trabalhamos bastante durante esta semana visando exclusivamente o confronto de sábado. Sabemos da dificuldade que é enfrentar o América e sua torcida no Nassri Mattar, porém precisamos buscar o nosso objetivo, que é o acesso. Projetamos isso em nossa apresentação, em janeiro, e precisamos concluir o nosso trabalho, que tem sido muito bem feito por todos”, disse.

Módulo 2 do Campeonato Mineiro: tabela das semifinais atualizada com resultados dos jogos de ida

   “Vamos voltar com o acesso”

  Mais experiente do elenco e capitão do time, o atacante Ademilson garante que o grupo irá se doar ao máximo: “A partida de sábado será de uma dificuldade imensa. O América é um grande clube em Minas Gerais, mas temos consciência de que podemos. Vamos segurar lá atrás, não tomar gol. E lá na frente, se Deus quiser, iremos fazer a nossa parte. Vamos voltar com o acesso para Juiz de Fora”, projeta Adê.

 

Texto: Toque de Bola, com informações do embarque via assessoria

Fotos: Patrocínio Photo (Tupynambás) e assessoria

Arte: Toque de Bola, com informações da Federação Mineira de Futebol

 

   

Deixe seu comentário