22 fev 2018

Copa do Brasil tem jogo com nove gols no segundo tempo. Veja resultados



  Veja um resumo de todos os jogos disputados nas noites de quarta e quinta-feira, dias 21 e 22, pela segunda fase da Copa do Brasil.

  As informações e fotos foram divulgadas no site da CBF. A edição é do Portal Toque de Bola.

   Nos jogos iniciados mais cedo, às 19h30, Atlético-PR, Ceará e Internacional se classificaram diante de Tubarão-SC, Londrina-PR e Remo-PA.

  Furacão x Tubarão: emoção!

   Na Arena da Baixada, Atlético-PR e Tubarão fizeram um jogo eletrizante até o apito final da partida. Foram nove gols apenas no segundo tempo, terminando com a vitória por 5 a 4 do Furacão, que enfrentará o Ceará na próxima fase. O Atlético marcou o primeiro aos seis minutos, com Bergson. Quatro minutos depois, Matheus Barbosa, de cabeça, empatou para o time catarinense: 1 a 1. Aos 18, o Tubarão virou após Marcos Vinicius cruzar da esquerda, e Batista concluir. Não deu muito tempo para a equipe visitante comemorar, porque, aos 24, Matheus Rossetto apareceu livre após rebote do goleiro adversário e empatou para o Furacão: 2 a 2. A partida seguiu movimentada e, aos 31, Guilherme cobrou pênalti e fez o terceiro do Atlético.

   Sem desistir de buscar a vaga, o Tubarão deixou o marcador igual logo na sequência. Aos 33, Lucas Costa subiu mais após cobrança de escanteio para fazer 3 a 3. Após o empate, o time visitante seguiu insistindo e, aos 39, marcou o quarto com Daniel Costa. Pressionando e também buscando a vaga, o Furacão marcou dois gols em dois minutos e avançou. Thiago Heleno acertou uma cabeçada certeira aos 45, e Felipe Gedoz mandou uma bomba perfeita aos 47: 5 a 4.

 Ceará tira Londrina

 O adversário do Atlético-PR na próxima fase será o Ceará, que venceu o Londrina por 2 a 1, no Estádio do Café. O time da casa saiu na frente aos 26 minutos do primeiro tempo, com Carlos Henrique. Na volta do intervalo, arriscando mais, o Vozão empatou aos 22 após cobrança de falta de Juninho. O jogo ia se encaminhando para os pênaltis, quando Arthur entrou aos 40 minutos e viu sua estrela brilhar nos acréscimos. Após cruzamento na área, o atacante cabeceou para o fundo das redes e garantiu a classificação do Ceará.

  Colorado vence no Mangueirão

Internacional supera o Remo

  No Mangueirão, o Internacional venceu o Remo por 2 a 1 e se garantiu na próxima fase, onde enfrentará Criciúma ou Cianorte-PR. Os times fizeram um primeiro tempo eletrizante, marcando os três gols da partida em 29 minutos. Os paraenses saíram na frente aos 19, com Felipe Marques, que recebeu na esquerda, cortou para o meio e bateu colocado. Aos 24, Leandro Damião recebeu livre na área e empatou para o Inter. Cinco minutos depois, após bate e rebate na área, a bola sobrou para Edenílson dar a vitória ao Colorado.

 Figueirense, Bragantino, Cianorte-PR e Goiás

 Mais quatro times estão confirmados na próxima fase da Copa do Brasil: Figueirense, Bragantino, Cianorte-PR e Goiás. Nesta quarta-feira (21), os classificados eliminaram Oeste-SP, Altos-PI, Criciúma e Boa Esporte-MG .

Gols decisivos nos acréscimos

Figueirense comemora

Figueirense e Bragantino garantiram suas vagas com gols nos acréscimos do segundo tempo dos seus respectivos jogos. Na próxima fase, o Figueira terá pela frente Atlético-MG ou Botafogo-PB, enquanto o Massa Bruta enfrenta o Vitória.

No Orlando Scarpelli, o Figueirense avançou ao vencer o Oeste por 2 a 1. André Luís colocou o time da casa na frente aos 19 minutos do primeiro tempo, e Raphael Luz deixou tudo igual aos 29 da etapa complementar. A decisão ia se encaminhando para os pênaltis quando Jorge Henrique cobrou falta, aos 46 minutos, e o zagueiro Cleberson se antecipou ao goleiro para desviar e colocar o Furacão na próxima fase da Copa do Brasil.

Também jogando em casa, o Bragantino conseguiu avançar após o gol de Léo Jaime, aos 49 minutos do segundo tempo. O atacante aproveitou passe de William Schuster na área e garantiu a vitória do Massa Bruta por 1 a 0 diante do Altos-PI, no Nabi Abi Chedid.

Classificação na marca da cal

No Heriberto Hülse, o Cianorte-PR abriu o placar com Rafael Carrilho aos 12 minutos do primeiro tempo, e Mailson empatou para o Criciúma, aos 30: 1 a 1. Mesmo com um jogador a menos e com a pressão do Tigre, a equipe paranaense segurou o resultado e levou a decisão para os pênaltis, onde avançou com a vitória por 5 a 4. Richarlyson, Montoya, Feliphe Gabriel, André Luís e Arroyo converteram para o Cianorte, enquanto João Paulo e Carlos Eduardo desperdiçaram para o Criciúma. Na próxima fase, o Cianorte enfrenta o Internacional.

Boa cai nos pênaltis

No Serra Dourada, Goiás e Boa Esporte-MG também decidiram a classificação nos pênaltis. Após empate em 0 a 0 no tempo regulamentar, os times chegaram às alternadas com o Esmeraldino levando a melhor: 6 a 5. Giovanni, Caíque Sá, Maranhão, Júnior Viçosa, Jefferson e David Duarte converteram para o time goiano, que terá pela frente Coritiba ou Uberlândia-MG.

Cuiabá-MT, Ponte Preta e Atlético-MG

Cuiabá eliminou Aparecidense, algoz do Botafogo-RJ na Copa do Brasil

A quarta-feira de Copa do Brasil terminou com Cuiabá-MT, Ponte Preta e Atlético-MG classificados para a terceira fase da competição. Mandantes, o Dourado venceu a Aparecidense-GO por 3 a 1, enquanto a Macaca bateu a Inter de Limeira-SP por 1 a 0. Fora de casa, o Galo avançou ao golear o Botafogo-PB por 4 a 0.

Na Arena Pantanal, a Aparecidense surpreendeu os donos da casa e saiu na frente aos 38 minutos do primeiro tempo, com gol de Nonato. Na volta do intervalo, o Cuiabá reagiu e buscou a virada. Magno empatou aos 15, Weverton virou aos 33 e ainda marcou mais um, aos 41: 3 a 2. Classificado, o Dourado terá o Náutico na próxima fase.

Outro mandante que garantiu a vaga foi a Ponte Preta. No Moisés Lucarelli, Yuri marcou aos 18 minutos do segundo tempo, após tabelar com Daniel e Felippe Cardoso e completar para o fundo das redes: 1 a 0. Com a vitória, a Macaca avançou e enfrentará o classificado de Sampaio Corrêa-MA x Paraná.

No Almeidão, em João Pessoa, o Atlético-MG visitou o Botafogo-PB e goleou por 4 a 0. Roger Guedes abriu o caminho da vitória atleticana aos 27 minutos do primeiro tempo. Os outros três gols saíram na etapa complementar. Cazares, Ricardo Oliveira e Luan fecharam a goleada. Na próxima fase, o Galo pega o Figueirense.

Quinta: Coxa bate Uberlândia e Sampaio avança

Uberlândia perde a vaga em casa

  A Terceira Fase da Copa do Brasil está definida. Nesta quinta-feira (22), Coritiba-PR e Sampaio Corrêa-MA garantiram as últimas duas vagas da próxima fase do torneio nacional. Em Uberlândia (MG), o Coxa alcançou a classificação ao vencer o Uberlândia-MG por 2 a 0. Em São Luís, o Tricolor maranhense bateu o Paraná por 1 a 0 e também avançou.

  No Parque do Sabiá, o Coritiba foi o primeiro a assustar, aos 12 minutos, em falta cobrada por Julio Rush que parou no travessão. Aos 17, o Uberlândia respondeu e Cesinha obrigou o goleiro Wilson a fazer grande defesa. Aos 30 minutos, o Coxa contou com gol contra de Rafael Estevam e foi para o intervalo com a vitória parcial de 1 a 0. Na etapa final, Julio Rush fez o dele e definiu a vitória paranaense por 2 a 0. Próximo adversário do Coritiba na competição será o Goiás.

 No Castelão, Sampaio Corrêa e Paraná criaram oportunidades de gol no primeiro tempo, mas falharam na pontaria e foram para o intervalo zerados. Em casa, o Tricolor maranhense chegou com maior perigo, arriscou de fora da área, mas só balançou as redes na etapa final. Aos 26 minutos, Uilliam cobrou pênalti com categoria, deslocou o goleiro Thiago e marcou o gol da classificação do Sampaio, que vai enfrentar a Ponte Preta na próxima fase.

 Mais cedo: Avaí e Vila Nova-GO

Juventude cai diante do Avaí

Nos duelos desta quinta-feira (22) iniciados às 19h15 (horário de Brasília), Avaí-SC e Vila Nova-GO comemoraram a classificação para a Terceira Fase da Copa do Brasil 2018. Em Caxias do Sul (RS), o time catarinense desbancou o Juventude por 2 a 0. Em Goiânia, o Tigre mostrou poder de reação, arrancou o empate em 2 a 2 e avançou ao vencer o Joinville nos pênaltis por 4 a 2.

No Alfredo Jaconi, o Avaí levou a melhor para cima do Juventude e ficou com a vaga. Os gols da classificação catarinense saíram na etapa final. Vindo do banco, Marquinhos balançou as redes no primeiro toque que deu na bola e abriu o placar aos 22 minutos. Aos 27, o experiente meia serviu o atacante Rômulo, que finalizou rasteiro e sacramentou a vitória: 2 a 0. O time gaúcho ainda teve a chance de diminuir aos 33 minutos, mas Ricardo Jesus desperdiçou a cobrança de pênalti.

No Serra Dourada, as redes também só balançaram no segundo tempo. Logo aos seis minutos, Evaldo aproveitou cobrança de escanteio e colocou o Joinville na frente. Aos 25, Rafael Grampola pegou o rebote do goleiro Mateus Pasinato e ampliou a vantagem catarinense. O Vila Nova reagiu na reta final e chegou ao empate com gols de Keké, aos 29, e Ramon, aos 41. Com 100% de aproveitamento nas cobranças de pênalti, o Tigre venceu por 4 a 2.

 

Textos e informações: site da Confederação Brasileira de Futebol

Fotos: Ricardo Duarte/Internacional, Luiz Henrique/Site oficial do Figueirense e Pedro Lima/Cuiabá EC, site Coritiba e Twitter Juventude (publicadas no site da CBF)

Edição: Toque de Bola


Voltar

Deixe uma resposta


Mais notícias



20 out 2018

Festa sem fim! Cruzeirenses recebem faixas de campeões da Copa do Brasil


18 out 2018

Superliga masculina 2018/2019: veja tabela, novidades e projeções


16 out 2018

Brasil bate Argentina com um gol aos 47 do segundo tempo

Notícias


19 nov 2018

Agressão! Árbitro leva soco e cabeçada após dar cartão amarelo


19 nov 2018

Tu-Tu é marcado para uma quarta-feira à noite. Veja tabela do Mineiro


13 nov 2018

Caras novas! JF Vôlei apresenta dois reforços para Superliga B


12 nov 2018

Show! “Vitinho-gol” garante título do Passos da Pátria na Zona Rural


+ notícias

Toque de Bola


O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.

Desenvolvimento




Acesse

error: Conteúdo protegido.