Éder, Leão, Fabinho e Luís Augusto: Tupi anuncia novo quarteto no futebol para o Campeonato Mineiro

   O Tupi divulgou,  no inicio da noite desta terça-feira, 13, no site do clube, a  contratação de quatro profissionais para o futebol, tendo como primeira  competição o Campeonato Mineiro: o Diretor Executivo de Futebol Fábio de Jesus, o Fabinho; o técnico Éder Bastos; o auxiliar técnico Ricardo Leão, que não teve passagem pelo Alvinegro, conforme divulgado inicialmente; e o preparador físico Luís Augusto Alvim, velho conhecido da torcida carijó.

   O clube acrescenta que “Fabinho está em Juiz de Fora desde segunda-feira e vem trabalhando na formação do elenco para o Campeonato Mineiro”.

Sobre Leão, a assessoria informou, à noite, que trabalhou com o técnico Enderson Moreira no Grêmio, no Santos e no Goiás.

Ex-jogador Fabinho é o nome anunciado para dirigir o futebol alvinegro em 2017
Ex-jogador Fabinho é o nome anunciado para dirigir o futebol alvinegro em 2017

 Fabinho: “Lugar certo e momento certo”

   Sobre o novo diretor do Tupi, o Tupi relaciona seus títulos como jogador – era volante: “campeão da Libertadores da América e do Mundial em 2006, pelo Internacional (RS), campeão Brasileiro em 2004 pelo Santos, e da Copa do Brasil de 2007 pelo Fluminense, clube pelo qual foi vice-campeão da Libertadores e da Sul-americana”.

   De acordo com o clube juiz-forano, “depois de se aposentar, Fabinho fez estágio com Rodrigo Caetano no Fluminense e no Flamengo. Trabalhou no Bonsucesso e Bangu e, em 2016, foi vice goiano pelo Anápolis”.

   “Tenho certeza que estou no lugar certo e no momento certo. Sinto-me muito preparado e sei que o clube precisa muito do meu trabalho. Essa combinação me deixa a expectativa de um ano muito produtivo. O Tupi será um autêntico time mineiro. Falando pouco, trabalhando muito e comendo pelas beiradas para conquistar os objetivos”, revela Fabinho ao site carijó.

De acordo com informações do Tupi, Éder Bastos (ao centro) teve longa parceria com Ney Franco (esquerda)
De acordo com informações do Tupi, Éder Bastos (ao centro) teve longa parceria com Ney Franco (esquerda)

   Currículo do treinador

    O técnico Éder Bastos, 50 anos, também tem currículo expressivo, de  acordo com o Tupi:.”Ele foi jogador de (…) Cruzeiro, Sport e Criciúma, e também atuou no exterior”.

  Fora das quatro linhas, o Tupi informa: “Iniciou a carreira de auxiliar nas categorias de base do Cruzeiro, chegando a treinar a equipe profissional em 2004. Foi assistente técnico de Ney Franco no Flamengo, Botafogo, Vitória, Coritiba e São Paulo, clube onde conquistou a Copa Sul-Americana 2012. Também ao lado de Ney Franco trabalhou na Seleção Brasileira Sub-20, sagrando-se campeão Sul-americano e Mundial da categoria com jovens como Neymar, Oscar, Lucas e Casemiro. Como treinador, trabalhou no Valeriodoce e CAP Uberlândia.”

Preparador físico do Alvinegro, Luis Augusto Alvim: "Voltando para casa"
Preparador físico do Alvinegro, Luis Augusto Alvim: “Voltando para casa”

   Luís Augusto

   Em contato com o Toque de Bola, o preparador  físico Luís Augusto Alvim, que vinha acompanhando o treinador Léo Condé em clubes de estados diferentes, definiu:”Muito feliz por estar de volta.Ficar perto da família, dos amigos, voltando para casa”.

   Luis Augusto acrescenta: “Agora é aproveitar esses dias aí até a apresentação, dia 19 ou dia 26, para articular  algumas coisas nos  bastidores. Estou saindo hoje (terça-feira, 13) para descansar uns dias com as  crianças”.

   O preparador físico atuou por  oito anos no clube, até aceitar a transferência para o Sampaio Corrêa, no final de 2014. Convidado pelo treinador Leo Condé, acompanhou o técnico em outros clubes, como Bragantino e Goiás. 

Boizinho e Myrian: vitória nas urnas
Boizinho e Myrian: vitória nas urnas

  Nova gestão

   No sábado, a chapa “Sempre Tupi”, da situação, encabeçada por Myrian Fortuna e Roberto “Boizinho”, venceu a eleição para o Conselho Deliberativo do Tupi, triênio 2017/2019, com 215 votos, contra 149 da chapa “Explosão Carijó”, liderada por João Batista Delvaux e Eurico Moura. Foram registrados, ainda, dois votos nulos e um branco. A assembleia geral ocorreu neste sábado, 10, na sede social do clube, entre 8 e 18 horas.

   Pouco depois da divulgação do resultado, o vice-presidente de futebol do clube, José Roberto Maranhas anunciou que o empresário Francis Mello faria parte  do futebol carijó na temporada 2017.  Francis já esteve no futebol do clube, na oportunidade ao lado do hoje gestor do futebol do Tupynambás, Alberto Simão. Maranhas também destacou o fato de ter havido a disputa  com outra chapa. “Isso demonstra que há outras pessoas interessadas em ver o Tupi crescer, mais forte. É importante para o clube”.

  Myrian disse que quer “agradecer a todos  os associados.  Quem veio votar acredita no nosso trabalho. Tudo para o Tupi é possível. Vamos continuar fazendo com garra, responsabilidade, e contamos com eles. A chapa é que é eleita, não eu.”. A  dirigente acredita  que para o segundo mandato ela estará mais experiente, “sabendo o caminho a percorrer”.

 

Texto com informações e fotos enviados pelo Tupi

Fotos: divulgação Tupi e arquivo Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela  www.mistoquentecomunicacao.com.br

Deixe seu comentário