JF Vôlei dá adeus à “fantasma de fim de set” e vence Maringá fora de casa

Tratado pelo JF Vôlei como uma final de Superliga, a equipe comandada por Alessandro Fadul levou o espírito de decisão para o ginásio Chico Neto e bateu o Copel Telecom Maringá (PR) no tie-break, com parciais de 24/26, 25/27, 25/18, 25/20 e 10/15, em duelo marcado pelo crescimento dos visitantes no fim dos primeiros sets. O ponteiro Djalma recebeu o Troféu Viva Vôlei como o melhor da partida.

Foi o primeiro triunfo juiz-forano fora de casa na competição nacional, resultado que levou os visitantes aos 7 pontos, contra 11 dos paranaenses, vice-lanternas. Iniciaram o jogo pelo JF Vôlei o levantador Maurício Júnior, o oposto Leandrão, os pontas Renato e Djalma, os centrais Ninão e Diego e o líbero Fábio Paes. Entraram Tarik, Felipe, Thiago, Tatinho e Zoio.

“O jogo foi excelente”

O meio de rede Ninão avaliou a partida com exclusividade ao Toque de Bola:

“O jogo foi excelente, a equipe estava unida. Nos dois primeiros sets, as viradas de bola, o sistema tático e bloqueio funcionaram muito bem. No terceiro e quarto sets, houve alguns erros de passe, e a linha de passe caiu um pouco, dificultando nossa virada de bola. No tie break conseguimos corrigir os erros, sacamos melhor, os passes funcionaram, facilitando nossa virada de bola. Dessa maneira conseguimos garantir a vitória, agradecendo sempre à torcida, que mesmo não estando presente, torceu muito por nós!”

E não há tempo para comemorações. O time da Manchester Mineira já viaja nesta sexta-feira, 29, para Canoas (RS), onde enfrenta no sábado, 30, os donos da casa.

Na direita, atletas do JF Vôlei comemoram ponto em primeira vitória longe de seus domínios na Superliga
Na direita, atletas do JF Vôlei comemoram ponto em primeira vitória longe de seus domínios na Superliga (Foto: Maringá/Divulgação)

O jogo

Com o levantador Maurício Júnior, o oposto Leandrão, os pontas Renato e Djalma e os centrais Ninão e Diego em quadra, o JF Vôlei iniciou a partida desligado. Os donos da casa abriram rapidamente 5 a 1 no placar e, regulares, fizeram com que os juiz-foranos buscassem a igualdade durante todo o parcial. E conseguiram. Diminuindo a diferença na contagem gradativamente, a equipe comandada por Alessandro Fadul ficou na frente apenas nos dois últimos pontos, fechando o primeiro set em 24/26.

No parcial seguinte, o JF Vôlei chegou a fazer 11 a 8 diante dos paranaenses, viu a equipe do campeão olímpico Ricardinho correr atrás, virar o jogo após a segunda parada técnica e protagonizar um fim de set repleto de equilíbrio. Ao contrário do primeiro turno, no entanto, o time da Manchester Mineira cresceu novamente nos momentos decisivos e fechou o set: 25/27 e a garantia de um ponto na tabela.

A reação

O terceiro set começou igual e terminou diferente do primeiro. No “tudo ou nada”, o Maringá fez 5 a 1, mas desta vez não permitiu o empate. Comandando o placar em forte ritmo, a equipe mandante segurou a ponta e fechou o parcial em 25 a 18, pressionando os juiz-foranos para o seguimento do confronto.

Maringá seguiu ligado no jogo após a vitória no parcial e na segunda parada técnica já havia aberto vantagem de três pontos. O JF Vôlei buscou encostar, mas o bloqueio paranaense parou três ataques seguidos e a equipe da casa empatou o confronto fechando o set em 25/20.

Tie-break juiz-forano

A postura do JF Vôlei no quinto e último set de partida foi semelhante a do fim dos dois primeiros parciais. Pressionados, os atletas abriram dois pontos no começo (2/4) e não deixaram Maringá se aproximar, aumentando a  diferença até o fim. Vitória por 10/15 – a primeira fora de casa – e dois pontos na tabela.

Classificação (se preferir, clique sobre a imagem para ampliar)

class pos jogo

 

Sócio-Torcedor

O JF Vôlei lançou nesta temporada o programa Sócio-Torcedor, pioneiro entre as equipes que disputam a Superliga. São duas modalidades para a escolha do interessado, e o associado tem vantagens em ingressos e na aquisição da camisa, além de poder ser beneficiado com descontos entre os parceiros do projeto.

Para conhecer o programa e fazer a adesão ao Sócio-Torcedor, basta clicar aqui.

 

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola, com informações do Maringá e JF Vôlei

Foto: Maringá/Divulgação

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br 

Deixe seu comentário