Carlos Renato: “Vou mostrar que sou um excelente jogador”

Carlos Renato chegou ao Tupi em abril, na intertemporada para a disputa da Série C, mas o torcedor carijó começa a conhecê-lo melhor apenas agora. Emprestado pelo América Mineiro, o jogador entrou em campo pela primeira vez no campeonato na vitória sobre o Caxias no Sul do país. Neste domingo, 12, contra o Juventude, o canhoto entrou aos 11 do segundo tempo e ajudou a equipe a igualar a contagem em sua primeira experiência diante do torcedor juiz-forano, dando, inclusive, a assistência para o gol de Daniel Morais em cobrança de escanteio.

Satisfeito com a atuação e a nova chance concedida pelo técnico Leston Júnior, Carlos Renato mostrou personalidade na saída de campo: “Sou bastante ofensivo, mas também ajudo na marcação. Aos poucos vou mostrando minha cara ao torcedor. Quando cheguei, muitos não me conheciam, alguns me criticavam, mas venho tendo oportunidades e tenho potencial. Vou mostrar ao torcedor que sou um excelente jogador”, garantiu.

Carlos Renato em jogada individual pela ponta esquerda contra o Juventude
Carlos Renato em jogada individual pela ponta esquerda contra o Juventude

Da defesa ao ataque

Contratado como lateral-esquerdo, Carlos Renato atuou contra o Juventude praticamente como um ponta pela canhota, substituindo o atacante Felipe Augusto. O jogador também exerce a função de meio-campista, se necessário, pelo flanco esquerdo. Independente de onde for inserido na equipe, o atleta já tem objetivo traçado:

“Venho tendo oportunidade e mostrando meu trabalho, assim como fiz no Mineiro. Aqui no Tupi não é diferente, vou buscar meu espaço”, projetou.

Já concentrada, a delegação carijó viaja nesta terça-feira para Fortaleza, onde enfrenta o Ceará na partida de ida pela terceira fase da Copa do Brasil na quarta, 15, às 19h30, no Presidente Vargas.

 

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola

Fotos: Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário