Apoiadores enxergam setor mais veloz contra o Macaé. Elder pode voltar ao ataque carijó

Os terceiros cartões amarelos de Gustavo e Genalvo na Série C, recebidos no empate contra o Guarani, causaram a suspensão da dupla de volantes para a partida deste sábado, 9, no Moacyrzão, contra o Macaé, às 16h. Desta forma, o técnico do Tupi, Léo Condé, vem estudando e testando mudanças durante os treinamentos para a melhor formatação no setor. Felipe Alves, Maguinho e Léo Salino largaram na frente no treinamento desta quinta, 7, na UFJF.

“Acho que nosso time ficou muito previsível, um pouco lento e precisávamos de um pouco de vida. São duas mudanças por necessidade e a outra mais por opção para criarmos uma movimentação maior. O Maguinho e o Salino são jogadores que tem esse poder de movimentação e uma transição rápida da defesa para o ataque”, analisa Condé.

Felipe Alves deve começar jogando contra o Macaé
Felipe Alves deve começar jogando contra o Macaé

Outra novidade durante o treino tático da Faculdade de Educação Física e Desportos (Faefid) da UFJF foi a volta de Elder Santana ao time titular, comandando o ataque alvinegro, com Oliveira entre os reservas. A possibilidade, confirmada por Condé, dá maior movimentação também ao setor ofensivo e uma esperança renovada de que a rede possa balançar pela primeira vez no campeonato por conta de uma finalização de um atacante carijó.

“É sempre bom estar jogando e ser titular, podendo ajudar a equipe. Tenho trabalhado forte e treinando demais para corrigir essa fase de não fazer gols. É muito difícil explicar isso (falta de gols). Sou um cara que me cobro muito e sempre procuro me examinar no que tenho pecado para melhorar. Não sei se é falta de sorte ou capricho, apenas que as coisas têm que melhorar e a bola vai entrar”, afirma Elder.

 Salino deve fazer reestreia

De volta ao Tupi, o meio-campo Léo Salino deve voltar a atuar em partida oficial pelo Carijó. Mesmo sem estar no estado ideal de suas condições físicas, o atleta vê o contexto da partida como positivo para seu retorno.

“Ainda não estou fisicamente no nível dos meus companheiros, até porque eles jogam juntos há várias partidas e essa vai ser a minha primeira, mas acho que estou com 80 por cento das minhas condições e dá para ajudar bem durante o jogo. Entro em um momento importante, sabendo que o jogo é de praticamente seis pontos. Desse jeito é bom, até porque se vencermos subimos na tabela e vai ser ainda mais importante para mim e para o grupo também”, conta Salino.

 

Maguinho (primeiro plano) e Salino (fundo) buscam bom desempenho para manutenção na equipe titular
Maguinho (primeiro plano) e Salino (fundo) buscam bom desempenho para manutenção na equipe titular

Clássico “Ca-ju” movimenta grupo B da Série C

Nesta quinta, às 21h, a décima rodada da Terceirona teve sua primeira partida realizada: terminou em 1 a 1 o clássico entre Juventude e Caxias, conhecido popularmente como “Ca-Ju”, no Alfredo Jaconi. Os alviverdes agora somam 13 pontos na tabela, mesma pontuaçao que o time juizforano, enquanto o Caxias, líder da chave, soma 19.

 

Texto: Bruno Kaehler

Fotos: Toque de Bola

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário