Plano de ação do “Tupi dose dupla”: sinalizadores proibidos

  A partir da próxima partida a ser realizada no Estádio Municipal “Radialista Mário Helênio” não será permitida a entrada de qualquer artefato pirotécnico (fogos de artifício, sinalizadores, etc) nas dependências do estádio.

  A determinação foi comunicada à Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) pelo representante da 3ª Cia de Missões Especiais (CME), tenente Rodrigo Oliveira, durante a reunião que definiu as diretrizes do “plano de ação” para os jogos do Tupi, contra o Araxá (pelo Campeonato Mineiro) e o Luverdense, pela Copa Brasil.

  Os dois jogos têm transmissão na íntegra pela rádio web do Toque de Bola. Segue link da nossa rádio web:   

http://www.toquedebola.esp.br/wp-content/themes/portal-toque/nas-ondas-do-toque.html

 “Durante a revista vamos verificar a existência desses equipamentos pirotécnicos, cuja entrada será proibida. Esta é uma medida preventiva e, por isso, pedimos a compreensão dos torcedores que comparecerem ao estádio”, afirmou Oliveira.

Os próximos jogos do Tupi em Juiz de Fora serão disputados neste sábado, 6, contra o Araxá, e no dia 10, contra o Luverdense, de Mato Grosso. O valor do ingresso para as duas partidas, estabelecido pelo Tupi, é de R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada), comprado tanto antecipadamente quanto no dia do jogo. Os ingressos serão comercializados no centro de treinamento, mo Bairro Santa Terezinha, na sede social do Tupi (Rua José Calil Ahouagi, 332) e no posto da Liga de Futebol, no calçadão da Rua Halfeld, no Centro.

Em ambas as partidas os portões serão abertos duas horas antes do início do jogo. A Settrra disponibilizará cinco ônibus para a partida, saindo da Avenida Itamar Franco, em frente ao Procon. Também foi mantido o último horário de ônibus até uma hora depois da partida. Além disso, os torcedores também contarão com um posto médico localizado na área da administrativa do estádio.

Veja linhas de ônibus para o estádio

Settra disponibiliza ônibus extras para o jogo Tupi x Araxá

A Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra), através do Departamento de Transporte Público, irá disponibilizar cinco ônibus extras para o jogo do Tupi contra o Araxá, válido pelo Campeonato Mineiro, neste sábado, 6, no Estádio Municipal “Radialista Mário Helênio”, às 16 horas.

A linha 517-Estádio seguirá o seguinte itinerário:

– Centro/Estádio: Avenida Presidente Itamar Franco, Estrada Dom Orione, Avenida Eugênio do Nascimento, Estádio Municipal.

– Estádio/Centro: Estádio Municipal, Avenida Eugênio do Nascimento, Estrada Dom Orione, Avenida Presidente Itamar Franco, ruas Doutor Paulo Frontin e Halfeld, avenidas Getúlio Vargas e Presidente Itamar Franco.

A partir das 14 horas sairá da Avenida Presidente Itamar Franco um ônibus, e a partir das 14h30m, outros quatro.

A Settra alerta ainda que o último veículo sairá do Centro após o primeiro tempo do jogo, e o último veículo sairá do estádio às 18h40m – sentido Estádio-Centro

Será permitido o embarque ao longo do itinerário do Centro até o estádio.

Agentes de Trânsito estarão no entorno do estádio, com objetivo de garantir segurança e fluidez no trânsito.

Informações dos ônibus: Assessoria de Comunicação da Settra


 Campeonato Mineiro: Tupi x Araxá

O Tupi enfrenta o Araxá neste sábado, às 16 horas, pela nona rodada do Campeonato Mineiro. Quatro mil ingressos serão colocados à venda e, ao todo, o Tupi espera cerca de 1.500 torcedores. Os bilhetes começarão a ser vendidos na quinta-feira, 4, a partir de 13 horas. Os portões serão abertos às 14 horas.

 Copa Brasil: Tupi x Luverdense

O jogo contra o Luverdense será dia 10, às 20h30m, pela Copa do Brasil. Segundo os representantes do Tupi, o público esperado é de 2.200 torcedores. Quatro mil ingressos serão confeccionados e a venda será realizada a partir de 13 horas da segunda-feira, 8. Os portões serão abertos às 18h30m.

Texto e informações: Assessoria de Comunicação da SEL

Foto: Toque de Bola

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Este post tem um comentário

Deixe seu comentário