Matias vence a primeira pela Super Liga Futsal Rio

 A equipe de Matias Barbosa conseguiu a primeira vitória na Super Liga Futsal do Rio no sábado, 20, contra o Magnólia, por 1 a 0, pela segunda rodada da competição.

 Os mineiros já haviam estreado no torneio no dia 13, em Cabo Frio, com derrota para o Vasco da Gama/Tamoyo, por 5 a 2.

  Matias Barbosa ocupa a terceira colocação no grupo B, com três pontos. Na próxima rodada, a equipe joga em casa contra o Cinderella Fashion/Ranger Tur, líder da chave, no sábado, 27, às 17h.

  Pelo regulamento, três equipes, de um total de sete,  se classificam na chave B. Na chave A, duas das cinco equipes avançam diretamente. Ainda se classificam mais três equipes melhores colocadas pelo índice técnico entre as duas chaves.

Primeira vitória, com gol no finzinho

  Após derrota para o Vasco da Gama/Tamoyo na estréia da Super Liga Futsal Rio, Matias conseguiu uma boa vitória diante da forte equipe do Magnólia de Petrópolis, por 1 a 0, jogando em casa.

  Postado o tempo todo na defesa, o time da região serrana dificilmente oferecia perigo ao gol do goleiro Edvan. Matias, ao contrário, sufocava o adversário em sua quadra e por diversas vezes teve chance de abrir o placar. Com boas defesas do goleiro e com um bom esquema defensivo, a equipe do Magnólia segurou o resultado até os instantes finais. Aos 18 minutos da segunda etapa, o ala Lucas Vianna cometeu falta, após perder a bola, e recebeu o segundo cartão amarelo, sendo expulso do jogo.

  Com um jogador a mais, o time de Petrópolis ainda utilizou o “goleiro-linha” e foi pra cima. Num lance de extrema habilidade e velocidade de raciocínio, o fixo Arilson roubou a bola e de primeira bateu de longe para marcar o gol da vitória a um segundo do fim.

Texto: Igor Rodrigues

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Este post tem um comentário

Deixe seu comentário