2ª Corrida da Saúde Suprema: inscrições abertas

  Em 2013, a Corrida da Saúde Suprema chega a sua segunda edição. Neste ano, a prova terá 10 km de percurso e continua fazendo parte do ranking de Corridas de Rua de Juiz de Fora. Ela está prevista para o dia 5 de maio, a partir das 8h.

  Para os interessados em participar, as inscrições começam já começaram e são limitadas, na Faculdade Suprema e nas lojas da TerraBike, localizadas no centro comercial Spazio Design e na rua Roberto de Barros, no Centro, número 200. Até o dia 20 de abril, o valor da inscrição é de R$ 30, e a partir do dia 27 passa a ser R$ 50. Todos os participantes receberão um kit de corrida e uma medalha.

Também farão parte do evento uma caminhada de 4 km e uma corrida infantil, proporcionando lazer e diversão, além de incentivar a saúde e a prática esportiva de toda família. Segundo um dos organizadores, Lucas Leite, as expectativas são muito positivas: “Mais uma vez, a Corrida da Suprema será realizada pela VidAtiva Consultoria Esportiva e dará boas vindas aos corredores de Juiz de Fora, abrindo o Ranking de Corridas Rústicas deste ano. Temos que caprichar e manter o mesmo padrão de sempre, já estamos trabalhando muito nessa corrida e temos a certeza de que realizaremos um ótimo evento”, explica.

A 2ª Corrida da Saúde Suprema também sofreu algumas mudanças em relação ao ano passado e promete ser mais democrática:  “O percurso foi alterado para atingirmos mais pessoas e tornar a prova mais democrática na edição de 2013”,fala Lucas. Neste ano, a corrida contará com o apoio da Prefeitura de Juiz de Fora, da TerraBike, da gráfica América, da Mundifer, da Camilo dos Santos e do Hospital e Maternidade Terezinha de Jesus.

 Texto e informações: assessoria VidAtiva – Letícia Moraes

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Este post tem um comentário

Deixe seu comentário