Ranking de Corridas Rústicas: SEL divulga chamada pública

  Começou nesta sexta-feira, 15, a chamada pública para cadastramento de entidades públicas, filantrópicas, entidades sem fins lucrativos e pessoas jurídicas de direito privado com fins lucrativos, legalmente constituídos, para contratos de patrocínio de etapas do Ranking Prefeitura de Juiz de Fora de Corridas de Rua, realizado pela Secretaria de Esporte e Lazer (SEL).

O regulamento, contendo a lista com a documentação necessária, está disponível no link abaixo e na sede da SEL, na Av. Rui Barbosa, 530, de 8 às 12 horas e de 14 às 18 horas, em versão impressa ou eletrônica – sendo que, nesta última opção, o interessado deverá levar um CD ou pen drive para receber a cópia – até 28 de fevereiro.

Os interessados deverão comparecer à SEL com a documentação exigida em 1º de março, às 15 horas, para entrega dos documentos à Comissão de Chamada Pública. A expectativa da SEL é de que o calendário do Ranking de Corridas Rústicas seja divulgado até o final de março, sem data específica.

O secretário de Esporte e Lazer, Francisco Canalli, confirmou a importância do ranking para a prática esportiva na cidade. De acordo com ele, através das corridas de rua, os atletas amadores e de elite podem se juntar em busca de um mesmo objetivo, promovendo o convívio social através do esporte. “O ranking existe com a intenção de incentivar a prática da atividade física. É a oportunidade de milhares de pessoas poderem participar de uma atividade esportiva”, concluiu o secretário.

Clique, no anexo abaixo, para conferir a íntegra do regulamento da Chamada Pública:

RANKING editalchamadapub

Texto e informações: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Esporte e Laze

Arte: Toque de Bola

 

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário