RJX vence a segunda na Superliga. Veja resultados da rodada

O RJX (RJ) conquistou a segunda vitória na Superliga Masculina 12/13. O triunfo foi sobre a equipe do Funvic/Midia Fone (SP), por 3 sets a 0, parciais de 25/11, 25/21 e 25/18, em 1h14, no ginásio da AABB, no Rio de Janeiro. A partida contou com o retorno do ponteiro Dante, que, apesar de voltar a ser relacionado, não entrou em quadra. O destaque da partida foi o oposto Theo, do RJX, que ganhou o Troféu VivaVôlei como o melhor jogador em quadra e acabou, também, como o maior pontuador do duelo, com 15 acertos. Pelo lado do time de Pindamonhangaba, Breno foi quem mais pontuou (11).

Mesmo com a vitória, o técnico do RJX, Marcelo Fronckoviak, achou que o time teve uma queda de rendimento se comparado ao jogo de estreia. “Fizemos um brilhante primeiro set e, depois, tivemos uma queda natural. Mas o time conseguiu reagir e é isso que fica de positivo. A equipe jogou menos do que no primeiro jogo devido à falta de ritmo. O nosso objetivo é evoluir durante a competição”, contou o treinador.

Capitão do time carioca, o levantador Bruninho se mostrou contente com a vitória. Mas, de acordo com ele, a queda de rendimento nos dois últimos sets não pode se repetir. “O primeiro set foi muito bom, imprimimos um ritmo forte, com muita agressividade no saque. Na segunda parcial nos acomodamos e isso não pode acontecer. Temos que entrar forte do início ao fim. No terceiro voltamos a acelerar o jogo. O time está mostrando evolução. Temos que continuar nessa pegada”, disse Bruninho.

João Marcondes, comandante do Funvic/Midia Fone, elogiou o nível de seus jogadores, mas disse que, contra um time com tantos jogadores de alto nível, seus jovens comandados não conseguiram imprimir um ritmo forte. “Essa molecada está acostumada a ver os jogadores do RJX como ídolos. Meu time é forte, mas não conseguiu executar o que treinou neste jogo. Tenho que ter paciência com eles, são muito novos. Acho que a presença dos astros do RJX acanhou eles”, comentou João Marcondes.

Outros resultados da segunda rodada:

Vivo/Minas 3 x 3 Super Imperatriz Vôlei (22/25, 25/16, 20/25, 25/21 e 15/8)

Medley Campinas 3 x 2 Sesi-SP (23/25,25/22, 19/25, 25/21 e 15/13)

Sada Cruzeiro 3 x 0 Canoas (25/21, 25/20 e 25/21)

Vôlei Futuro 3 x 2 São Bernardo Vôlei (22/25, 25/23, 25/23, 18/25 e 19/17)

Deixe seu comentário