Tupi B vai precisar dos pênaltis para seguir na Copa Integração

O Tupi B vai precisar de pênaltis para ir às semifinais da Copa Integração de Futebol Regional. Na tarde deste sábado, 2 de junho, no Estádio Municipal Francisco de Freitas, em Senador Cortes, o Galo perdeu para o time da casa, por1 a0, no jogo de ida das quartas-de-final da competição. Agora, mesmo que vença a partida de volta, no próximo sábado, às 14h, no Estádio Municipal, por um placar maior (3 a 0, por exemplo), a vaga será decidida com tiros livres da marca do pênalti. Empate no tempo normal dá a vaga direta para a equipe da cidade vizinha.

Começado o jogo em Senador Cortes, o Tupi levou um susto logo no primeiro minuto, quando o atacante adversárioFelipe Mendessurgiu livre na cara de Eládio, que abafou a bola. Aos poucos, no entanto, o Galo começou a tomar conta do jogo, com Weverton (lateral-direito de origem) improvisado no meio de campo e Bruno (meio-campista) atuando mais a frente, formando dupla de ataque com Nem. Porém, os Carijós só arriscavam com chutes de fora da área: com Lucas, Douglas Santos, Bruno e Hugo. Não deu resultado.

No segundo tempo, o panorama mudou radicalmente, e as tentativas começaram a ser feitas de dentro da área: com Keké (aos 9 minutos – grande defesa do goleiro), Lucas (aos 26 – por cima da meta) e Hugo (aos 29 – chute cruzado com perigo). Também não deu resultado. Em seguida, os dois lances que mudaram a história da partida: aos 42, o árbitro Azor Marum viu toque de mão de Luan, do Tupi, na área (pênalti que Felipe Mendes converteu), mas, antes, aos 35 não viu Patrick, do Galo, ser derrubado na área.

A partir daí, o jogo ganhou contornos nervosos e, sob fraca iluminação, houve pressão sobre o árbitro e bandeirinhas, jogadas ríspidas, um torcedor chutou a bola que foi à arquibancada para fora do estádio e outra demorou a aparecer, um festival de cartões amarelos e a expulsão de Michel Filho, zagueiro Carijó.

O Tupi jogou com Eládio, Cleiverson Keké (Pablo), Luan, Michel Filho e Lucas; Douglas Santos (Gladson), Hugo, Weverton e Renan; Bruno (Patrick) e Nem. Técnico: Felipe Surian.

 O Senador Cortes atuou com Jonas, Vaguinho (Assad), Fábio, Alan e Thiago; Marquinhos (Mauro), Tica, Medina e Diego (Tiziu);Felipe Mendes(André) e Wesley Tanque (Emílio). Técnico: Vagner Adão.

Árbitro: Azor Marum, auxiliado por Thiago Castro e João de Melo

Cartões amarelos: Cleiverson Keké, Luan, Michel Filho e Patrick (Tupi), Mauro eFelipe Mendes(Senador Cortes)

Cartão Vermelho: Michel Filho (Tupi)

Texto com informações da Assessoria de Imprensa do Tupi

Deixe seu comentário