UFJF perde por 3 sets a 2 para Volta Redonda, depois de virar para 2 a 1

Juiz de Fora (MG), 9 de fevereiro de 2012

UFJF 2×3 Volta Redonda – Superliga Masculina de Vôlei. Encerado. Juiz de Fora virou para 2 sets a 1, mas a derrota no quarto set parece que se refletiu no tie-brake.

Veja galeria de fotos

O treinador Maurício Bara Filho disse que a derrota no parcial não pode ter sido motivo para o rendimento pior no quinto e decisivo set. O técnico elogiou o banco do Volta Redonda, que melhorou principalmente o bloqueio nos momentos finais. Para a sequência da Superliga, o treinador agora espera que UFJF possa surpreender os favoritos, já  a partir do jogo contra RJX, sábado, 11.

Digão lamentou muito a derrota no quarto set. “Estávamos em vantagem e podíamos ter fechado o jogo. No tie brake, eles abriram três, quatro pontos e ficou difícil tirar a vantagem”, definiu.

O comentarista das transmissões de vôlei do Toque de Bola, José Eduardo Bara, analisa:

“O jogo foi muito tenso, com as duas equipes precisando passar a batata quente para o outro lado. A parte emocional pesou bastante para as duas equipes, e houve muitos erros”.

Para a sequência da Superliga, José Eduardo ainda acredita em reação da UFJF. “Nos jogos em casa, é preciso aproveitar a energia da torcida”.

Clique, abaixo,para conferir as estatísticas do jogo desta quarta, 8:

UFJF x Volta Redonda (CBV)

 

 

Ezinho é destaque. Azenha, o maior pontuador da rodada

O ponteiro Ezinho, do Volta Redonda (RJ), foi o melhor jogador da quarta rodada do returno da Superliga masculina de vôlei 11/12. O atleta terminou na liderança dos fundamentos de ataque, ao lado do ponteiro Lucarelli, do Vivo Minas (MG), e recepção e ajudou o time do Sul-Fluminense a superar a UFJF (MG) por 3 sets a 2. Mesmo com a derrota, o time mineiro teve o maior pontuador da rodada. O oposto Pedro Azenha marcou 29 pontos para a equipe de Juiz de Fora.

A Cimed/SKY, que foi superada pelo RJX também por 3 sets a 2, teve o líbero Thales como destaque. O jogador foi o melhor na sua posição e teve a defesa mais eficiente.

Os outros destaques da rodada vieram de três equipes que sofreram derrotas por 3 sets a 1. O oposto Renan Buiatti, do BMG/São Bernardo (SP), que perdeu para o Sesi-SP, teve o melhor bloqueio. O ponteiro Bruno Canuto, do Londrina/Sercomtel (PR), derrotado pelo Sada Cruzeiro (MG), foi o mais eficiente no saque e o levantador Rivoli, do BMG/Montes Claros (MG), superado pelo Vivo/Minas no clássico mineiro, foi o melhor na sua posição.

MELHOR JOGADOR: Ezinho (Volta Redonda) – primeiro no ataque e primeiro na recepção

MAIOR PONTUADOR: Pedro Azenha (UFJF), com 29 pontos

Ataque: Ezinho (Volta Redonda) e Ricardo Lucarelli (Vivo Minas)

Bloqueio: Renan Buiatti (BMG/São Bernardo)

Saque: Bruno Canuto (Londrina/Sercomtel)

Defesa: Thales (Cimed/SKY)

Levantamento: Rivoli (BMG/Montes Claros)

Recepção: Ezinho (Volta Redonda)

Líbero: Thales (Cimed/SKY).

Leia mais: Rodada da Superliga devolve liderança ao Sesi-SP

Veja, abaixo, o ponto a ponto de UFJF 2×3 Volta Redonda no tempo real do Toque de Bola:

QUINTO SET: Volta Redonda 15 a 9

Gelinski saca, Volta marca: 1 a 0

Diego explora o bloqueio e empata: 1 a 1

Digão saca, Volta ataca bem de novo: 2 a 1

Diego para no bloqueio: Volta Redonda abre 3 a 1

Pedro Azennha ataca para fora: Volta 4 a 1

Tempo UFJF

Clinty ataca ela esquerda e diminui: 4 a 2

Clinty de novo: UFJF diminui e encosta em 3 a 4

Leandro Santos, 18 do Volta, se contunde ao tentar recuperar a bola

Pedro Azenha deixa tudo igual: 4 a 4

UFJF devolve de graça e Volta marca 5 a 4

Jardel ataca e empata: 5 a 5

Depois de um excelente saque de Azenha, UFJF desperdiça o ponto, Volta 6 a 5

Clinty de novo no ataque: 6 a 6

Volta Redonda eficiente no ataque: 7 a 6

Pedro tenta fintar, mas bloqueio não “cai”: Volta 8 a 6

TEMPO TÉCNICO

Jardel também para no bloqueio: Volta 9 a 6

Tempo UFJF

Entram Brasília e Léo, saem Gelinski e Azenha

Léo para no bloqueio: Volta abre 10 a 6

Rede de Volta redonda em ataque de Jardel: UFJF diminui, 10 a 7

Jardel saca, contra-ataque de Volta Redonda: 11 a 7

Rede de Volta em ataque de Léo: 11 a 8

Voltam Pedro e Gelinski

Saca Gelinski, Azenha ataca para fora: 12 a 18

Novo ataque do 18, Volta Redonda 13 a 8

Rede de Volta, UFJF diminui 9 a 13

Saque para fora de Digão: 14 a 9

Volta Redonda fecha o jogo, com uma finta de bloqueio de Fábio: 15 a 9, Volta Redonda mantém colocação e impede que UFJF suba na classificação

QUARTO SET: UFJF 28×30

PONTO A PONTO

Volta Redonda marca o primeiro ponto do parcial: 1 a 0

Diego ataca parra fora: Volta 2 a 0

Pedrinho Azenha explora o bloqueio e diminui: UFJF 1 a 2

UFJF bloqueia, mas não dá sequência: Volta 3 a 1

Saque na rede: 2 a 3

Volta Redonda bem no ataque: 2 a 4

Agora foi ponto de bloqueio: Volta Redonda abre 5 a 2

Jardel ataca sem tempo de bloqueio chegar: UFJF 3 a 5

Mais um belo saque de Pedro Azenha: UFJF encosta em 4 a 5

Jardel empata: 5 a 5

Agora Azenha erra o saque, mas a torcida aplaude, pelo “histórico”: Volta 6 a 5

Pedro ataca bola difícil: 6 a 6

Gelinski tenta uma bola no fundo, mas ela sai: Volta 7 a 6

Digão ataca bola chutada na ponta: 7 a 7

Jardel saca, Volta aproveita bem a jogada e faz 8 a 7

TEMPO TÉCNICO

Pedro para no bloqueio: Volta Redonda 9 a 7

Ezinho saca na rede, para desespero do treinador: 9 a 8

Volta Redonda erra o tempo de bola, tudo igual: 9 a 9

Agora Volta ataca com sucesso: Volta 10 a 9

Rali espetacular! Pedro Azenha coloca: 10 a 10

Rede de UFJF: Volta 11 a 10

Pedro ataca para fora: Volta abre 12 a 10

Belo saque de Jamelão: Volta 13 a 10

Tempo UFJF

Clinty ataca e explora o bloqueio, Volta 13 a 11

Volta ataca sem tempo de bloqueio: Volta 14 a 11

Rede Volta Redonda: 14 a 12

Volta mantém a frente: 15 a 12

UFJF explora o bloqueio e diminui: 15 a 13

Gelinski bloqueia: UFJF encosta, Volta 15 a 14

Outro ataque do camisa 18 de Volta Redonda: 16 a 14

TEMPO TÉCNICO

UFJF ataca bem e diminui: UFJF 15 a 16

Jardel no saque, ace: 16 a 16

Digão bloqueia, e a UFJF vira: 17 a 16

Clinty levanta, Digão ataca, tudo no bom saque de Jardel: UFJF faz 18 a 16

Tempo Volta

Jardel saca na rede: 18 a 17

Ezinho saca, Volta Redonda funciona no bloqueio: 18 a 18

Pedro Azenha explora o bloqueio e faz UFJF 19 a 18

Volta Redonda não consegue fazer a bola passar: UFJF 20 a 18

Gelinski no saque, bloqueio da UFJF! Faz 21 a 18

Invasão da UFJF: 21 a 19

Saque para fora do Volta Redonda: UFJF 22 a 19

Digão saca, Pedro ataca para fora: 22 a 20

Clinty ataca para fora: UFJF 22 a 21

Tempo UFJF

Diego para no bloqueio: 22 a 22

Pedro Azenha crava da direita: UFJF 23 a 22

Entra Hage, sai Diego na UFJF

Hage no saque

Volta Redonda explora o bloqueio: 23 a 23

Volta Redonda bloqueia: 24 a 23

Clinty explora o bloqueio e empata: 24 a 24

Saque Pedrinho

Camisa 18 do Volta Redonda, de novo: 25 a 24

Sai Folle, entra Gelinski

Jardel ataca forte e colocado: tudo igual, 25 a 25

Saca Clinty, ponto de Volta Redonda: 26 a 25

De novo Pedro Azenha  salva, com ataque eficiente: 26 a 26

Volta Diego, sai Hage

Jardel saca, Volta ataca para fora: UFJF 27 a 26

Tempo Volta Redonda

Saca Jardel, na rede: 27 a 27

De novo Azenha: UFJF 28 a 27

Gelinski saca, Volta Redonda aproveita o ataque: 28 a 28

Volta Redonda explora o bloqueio e faz 29 a 28

Tempo UFJF

Erro de UFJF, ponto de Volta Redonda, que fecha em 30 a 28

TERCEIRO SET: UFJF 28 a 26 (2 sets a 1 na partida)

PONTO A PONTO

Diego ataca: UFJF 1 a 0

Clinty ataca, a bola desvia no bloqueio e cai na quadra do Volta: UFJF 2 a 0

Jardel bloqueia e comemora: 3 a 0

Volta ataca para fora: UFJF abre 4 a 0

Tempo Volta Redonda

Fábio ataca sem bloqueio e diminui: 4 a 1

Bloqueio de Volta Redonda funciona: 4 a 2

Saque na rede do Volta: UFJF 5 a 2

Clinty explora o bloqueio, depois de ótimo saque de Pedro e defesaço do adversário: UFJF 6 a 2

Volta diminui: 6 a 3

Gelinski e Jardel se entendem bem no meio da rede: 7 a 3

Clinty no saque, ataque de Everaldo: 7 a 4

Pedro Azenha ataca forte: UFJF 8 a 4

TEMPO TÉCNICO

Jardel saca para fora: 8 a 5

Saque para fora do Volta Redonda: 9 a 5

Volta explora o bloqueio: 9 a 6

Hage ataca e a defesa do Volta não segura: 10 a 6

Hage no saque. Ataque para fora do Volta: UFJF 11 a 6

Ezinho coloca com sutileza na quadra: 11 a 7

Bloqueio de Pedro: 12 a 7

UFJF se atrapalha: 12 a 8

Volta Redonda saca: 12 a 9

Clinty explora o bloqueio e faz UFJF 13 a 9

Pedrinho saca para fora: 13 a 10

Pedrinho se redime e ataca com força: 14 a 10

Clinty saca colocado, mas Volta aproveita bem: 14 a 11

Saque na rede: UFJF 15 a 11

Jardel saca na rede: 15 a 12

Gelinski levanta e Hage conclui: UFJF 16 a 12

TEMPO TÉCNICO

Ataque de Ezinho, ponto do Volta: 16 a 13

Hage ataca para fora: 16 a 14

Hage agora ataca bem: 17 a 14

Volta Redonda explora o bloqueio: 17 a 15

Diego ataca pelo meio: UFJF 18 a 15

Diego no saque, para fora: 18 a 16

Saque para fora: UFJF 19 a 16

Pedrinho saca, Volta pontua: 19 a 17

Clinty comete irregularidade, segundo arbitragem: 19 a 18

Jardel garante vantagem juiz-forana: 20 a 18

Clinty saca colocado, ataque do Volta Redonda bola dentro: 20 a 19

Digão ataca de longe em lance que parecia perdido: UFJF 21 a 19

(Clinty rege a torcida)

Volta Redonda diminui: 21 a 20

Diego para no bloqueio: 21 a 21

Tempo UFJF

Depois de bela defesa, Volta Redonda vira: 22 a 21

Saque na rede: 22 a 22

Gelinski saca para fora: 22 a 23

Pedrinho Azenha explora o bloqueio, bola bate na rede e cai: 23 a 23

Volta explora o bloqueio e faz 24 a 23

Tempo UFJF

Pedro ataca, defesa do Volta Redonda manda para fora: 24 a 24

Daniel Brasília entra na vaga de Diego para sacar. Na rede: 24 a 25

Tempo Volta Redonda

Rali, e UFJF empata: 25 a 25

Entra Folle na vaga de Gelinski

Saca Pedro, ponto da UFJF, defesa não segurou a pancada: 26 a 25

Pedro saca longe: 26 a 26

Volta Gelinski

Jardel crava: UFJF 27 a 26

Clinty saca, Digão explora o bloqueio: UFJF 28 a 26

 

SEGUNDO SET: UFJF 26 a 24

PONTO A PONTO

Invasão de Volta: UFJF 1 a 0

Giovani vira: 1 a 1

Pedro Azenha outra vez vence o bloqueio com bola colocada: UFJF 2 a 1

Clinty, aceso, vence o duelo na rede: 3 a 1

Hage saca na rede: UFJF 3 a 2

Depois de bela defesa de Gelinski, Everaldo faz o ponto de empate: 3 a 3

Diego explora o bloqueio: UFJF 4 a 3

Diego saca na rede: 4 a 4

UFJF mostra nervosismo e Volta Redonda aproveita: 4 a 5

Clinty explora o bloqueio e tenta “trazer” a torcida: 5 a 5

Pedro saca com força, mas para fora: 5 a 6

Pedro se recupera e ataca com força: 6 a 6

Ataque para fora de Volta Redonda: UFJF 7 a 6

Volta Redonda explora o bloqueio e empata: 7 a 7

Saque na rede de Aureliano: UFJF 8 a 7.

TEMPO TÉCNICO

Jardel saca bem, Gelinski levanta bem e Diego marca: UFJF 9 a 7

Jardel saca mal: 9 a 8

Ezinho devolve a “gentileza” no saque: 10 a 8

Bloqueio não segura Jamelão: 10 a 9

Condução de Ezinho: 11 a 9

Aureliano ataca e diminui: 11 a 10

Pedro bem no bloqueio: UFJF 12 a 10

UFJF mantém a vantagem: 13 a 11

Volta Redonda faz “boliche” na zaga da UFJF: 13 a 12

Jardel crava: 14 a 12

Volta Redonda explora o bloqueio e diminui: 14 a 13

Jardel coloca com sutileza na quadra adversária, desviando do bloqueio: 15 a 13

Jardel saca colocado e Volta redonda contra-ataca: 15 a 14

Lance confuso, Diego mostra reflexo e vira: UFJF 16 a 14

TEMPO TÉCNICO

Pedro explora o bloqueio, faz 17 a 14

Tempo Volta Redonda

Gelinski no saque, tem rali e Hage para no bloqueio: 17 a 15

Diego bloqueia: UFJF 18 a 15

Clinty bloquei a e vibra com a torcida: 19 a 15 , um “toco”

Volta Redonda explora o contra-ataque e diminui: 19 a 16

Saque para fora do Volta: UFJF 20 a 16

Volta ataca e diminui: 20 a 17

Clinty ataca pela esquerda e faz o ponto: 21 a 17

Pedro saca com força, a bola desvia o no adversário e vai para a arquibancada: 22 a 17

Levantador Gelinski ataca a segunda bola: 23 a 17

Ataque para fora da UFJF: 23 a 18

Volta Redonda diminui: 23 a 19

Tempo UFJF

Clinty ataca na antena: 23 a 20

Jardel ataca com “raiva”: 24 a 20

Jamelão evita o encerramento do set: 24 a 21

Invasão da UFJF: 24 a 22

Tempo UFJF

Léo ataca para fora, Volta encosta: 24 a 23

Hage ataca na antena, tudo igual: 24 a 24

Hage ataca e faz UFJF 25 a 24

Jardel saca, Volta Redonda tem dificuldade na defesa e a bola sai: UFJF 26 a 24

PRIMEIRO SET: UFJF 19×25 Volta Redonda

PONTO A PONTO

Levantador ataca de segunda: UFJF 1 a 0.

Giovane explora o bloqueio: 1 a 1

Pedrinho ataca: UFJF 2 a 1.

Jamelão explora o bloqueio: 2 a 2

Saque para fora: UFJF 3 a 2

Gelinski saca. Jamelão ataca: 3 a 3

Diego ataca: UFJF 4 a 3.

Aureliano crava: 4 a 4

Pedro Azenha só coloca em quadra, Volta Redonda contra-ataca e faz 5 a 4

Rede de Volta Redonda: 5 a 5

Giovani ataca: Volta Redonda 6 a 5

Pedro Azenha explora o bloqueio: 6 a 6

Ezinho explora o bloqueio: Volta Redonda 7 a 6

Ezinho saca fora: 7 a 7

Digão no saque

Giovani ataca, bola desvia no bloqueio e sai: Volta Redonda 8 a 7, primeiro tempo técnico

Erro de saque: 8 a 8

Fábio ataca duas vezes. Na primeira, deu  bloqueio. Na segunda, deu Fábio: Volta 9 a 8

Hage ataca bola chutada na ponta: 9 a 9

Ataque de Aureliano: Volta 10 a 9

Pedro Azenha ataca: 10 a 10

Digão ataca de longe, mas faz o ponto: UFJF 11 a 10

Ezinho ataca colocado e empata: 11 a 11

UFJF se atrapalha, dá a bola de graça e Volta Redonda não perdoa: 12 a 11

Digão bloqueia: 12 a 12

Giovani ataca com eficiência: Volta 13 a 12

Depois de bloqueio de Jardel, UFJF se perde: Volta abre 14 a 12

Tempo pedido UFJF

Jardel explora o bloqueio: 13 a 14

Pedro saca, Ezinho explora o bloqueio: 13 a 15

Ataque de Volta Redonda, bate no bloqueio: 13 a 16, segundo tempo técnico

Digão ataca e diminui: 14 a 16

Digão no saque, ponto de ataque de Jamelão: 14 a 17

Bloqueio de Volta funciona: 14 a 18

Tempo UFJF

Pedro Azenha finta o bloqueio: 15 a 18

Ponto de ataque de Volta: 15 a 19

Invasão de UFJF: 15 a 20

Hage ataca: 16 a 20

Pedro Azenha bloqueia sozinho: 17 a 20

Gelinski saca para fora: 17 a 21

Bloqueio de Volta Redonda: 17 a 22

Diego, na segunda tentativa, crava: 18 a 22

Digão, longe da rede, ataca para fora: 18 a 23

Diego diminui, no meio de rede: 19 a 23

Bloqueio da UFJF chega, mas a bola sai: 19 a 24

Desequilibrado, Jardel ataca para fora: 19 a 25

O pré-jogo

UFJF e Volta Redonda enfrentam-se nesta quarta-feira, 17h30, pela Superliga Masculina, no jogo que está sendo considerado o mais importante até agora do returno, uma vez que as duas equipes estão próximas na tabela, e uma vitória diante da torcida vai fazer com que a UFJF suba para 10° lugar e ocupe justamente o lugar do time da Cidade do Aço.

Veja matéria exclusiva com Jardel, destaque da UFJF, no canal de TV do Toque de Bola.

Veja, abaixo, a classificação atualizada da Superliga Masculina 2011-12:

Classificação Superliga – CBV – 05022012

Embora o jogo tenha transmissão anunciada pelo SporTV, a expectativa é de casa cheia.

Ingressos também serão vendidos na hora do jogo

Os ingressos para a partida desta quarta ainda podem ser encontrados nas lojas Vanille (Braz Bernardino, Campus da UFJF, Shopping Alameda e Independência Shopping) e na ETC Comunicação (Avenida Rio Branco, 3925/sala 10 – segundo piso – Alto dos Passos). Quem não conseguir comprar, poderá ter a oportunidade de adquirir seu ticket antes do jogo começar. Desta vez a bilheteria irá funcionar na Arena Eu sou UFJF, no ginásio do Tupynambás, a partir das 16h. Os valores são de R$10 (inteira) e R$5 (meia).

Promoção especial

ALÔ TORCIDA FEDERAL: participe da promoção “TORCIDA FEDERAL É VIP!!!”. Separamos um lote reduzido de camisas da torcida “EU SOU UFJF” para enchermos a Arena nesta quarta-feira, no jogo contra o Volta Redonda. É só apresentar o seu ingresso para a partida e pagar somente R$ 5 que você levará a camisa. As camisas estarão sendo vendidas a partir das 16h, na entrada do ginásio do Tupynambás. Mas atenção: o número de camisas é limitado e o preço só vale para esta partida (um ingresso = uma camisa a R$ 5 enquanto houver disponibilidade). Vamos lotar a Arena #eusouufjf e apoiar o nosso time neste jogo decisivo.

(Texto promoção: ETC)

 

 O primeiro dos três encontros decisivos

Esta quarta-feira (08) será decisiva na participação da UFJF na Superliga 2011/2012. É o primeiro de três encontros contra adversários diretos na competição, todos dentro de casa: Volta Redonda, Londrina (25/2) e Montes Claros (3/3).

O concorrente desta quarta é o atual 10º colocado, com 11 pontos, apenas um ponto a mais que a Universidade. No primeiro turno, os juiz-foranos venceram o Volta Redonda na casa dos oponentes por 3 a 1 (parciais de 25×20, 24×26, 25×19 e 25×23). Tal vitória foi a primeira da UFJF na competição e a partir daquele momento o time chegou a figurar no G8.

Em seguida, a UFJF vai ao ginásio do Maracanãzinho enfrentar o RJX, sábado, 11. Depois, dia 16 de fevereiro, quinta-feira, vai a São Bernardo do Campo enfrentar o time da casa, o qual foi batido no primeiro turno na última vitória da UFJF na Superliga – 3 sets a 1, com parciais de 21×25, 25×13, 25×21 e 25×15.

Pela sétima rodada do returno, o time retorna para Juiz de Fora e encara o Londrina, lanterna do torneio, com apenas 5 pontos. Na partida de ida, no estado do Paraná, outro 3 a 1 para os mineiros, com parciais de 26×24, 27×29, 25×15 e 25×20. Antes de encarar o Montes Claros no dia 3 de março (time para o qual perdeu por 3×2 depois de estar vencendo por 2×0), a Federal vai a Campinas, onde enfrenta o Medley no dia 29.

“Será uma série de jogos muito importantes. Precisamos marcar pontos e estamos trabalhando para isso”, comenta Maurício Bara. O time pode contar com a volta do ponteiro Clinty, que ficou de fora das duas últimas partidas.

Para a primeira batalha dessa lista, a torcida pode ser o diferencial. “A pressão das arquibancadas é essencial para esse momento. Sabemos que nossa torcida estará conosco e irá dar show mais uma vez”, reforça o técnico.

Pelo lado do Volta Redonda, o treinador Sérgio Negrão comentou sobre o equilíbrio entre as equipes. “A UFJF é um adversário direto na briga pela classificação. No primeiro turno, eles nos surpreenderam dentro de casa, mas estamos em outro momento. Tivemos uma sequência de jogos difíceis e a equipe cresceu. Será um grande jogo, pois as duas equipes precisam vencer”, analisa Sérgio.

Boas lembranças

No primeiro turno da Superliga, mais precisamente na quarta-rodada, 20 de dezembro, a UFJF dava um passo importante em sua trajetória na competição. A vitória fora de casa contra o Volta Redonda foi a primeira do time e depois dela, os juiz-foranos cresceram e foram apontados como um dos destaques positivos do torneio.

De lá pra cá, ambos os times tiveram vida difícil. Os cariocas (10º lugar) bateram o Cimed e o Minas e ultrapassaram os mineiros na tabela. Por outro lado, o grupo da UFJF (11º) cresceu de produção e passou a jogar no mesmo nível que grandes equipes, como o Sesi e o Vôlei Futuro, atuais campeão e vice, respectivamente.

Nesta quarta-feira, 8, às 17h30, as equipes se reencontram, dessa vez na Arena Eu sou UFJF, novamente com transmissão do SporTV. Ambas vêm de derrota – a UFJF para o Sesi e o Voltaço para o RJX, e a partida tem caráter crucial para os dois times.

“Naturalmente será um jogo decisivo para nós”, analisa Maurício Bara. O treinador ainda complementa: “Temos consciência de que agora nosso pensamento gira em torno de decidir nossa Superliga em oito partidas”.

Um reforço de última hora será o ponteiro Clinty, que tem grande identificação com a torcida, mas que ficou de fora das duas últimas partidas. Se o jogador vai pra quadra logo de cara, Bara prefere deixar para decidir na preleção. “Ele será relacionado, mas vamos analisar o que é melhor para o grupo”, explica.

O técnico espera poder contar também com outro grande reforço: a torcida. “Mesmo com os últimos resultados negativos, a torcida foi nossa fiel escudeira e nunca nos abandonou. Esperamos contar com ela também nesta quarta para reencontrarmos a vitória”, comenta.

  Patrocínio: Rodoviário Camilo dos Santos

Apoio: Gsport, Ortra, Victory Suítes e Cesama

Texto com informações da assessoria do vôlei UFJF e site CBV

Deixe seu comentário