Sport, na categoria sub-11, e Crac Rezato, na Principal, são campeões da Copa Metropolitana de Futsal. Veja escalações e premiações

Juiz de Fora (MG), 1º de dezembro de 2011

Foi disputada na noite desta quarta-feira, 30, no ginásio Francisco Queiroz Caputo, do Sport, a rodada dupla decisiva da Copa Metropolitana de Futsal, promovida pelo Panathlon Club de Juiz de Fora, com patrocínio do Bahamas, coordenação da Liga Juiz-forana de Futsal e apoio da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura.

Na final da categoria até 11 anos, o Sport Club Juiz de Fora goleou AABB – Centro de Futebol Zico por 5 a 1, com grande atuação do camisa 8, Wesley Silva. Em seguida, na decisão da categoria Principal, Crac Rezato venceu Matias Barbosa, em partida emocionante, por 3 a 2.

O Panathlon Club de Juiz de Fora esteve representado pelo presidente, Juarez Carvalho Venâncio, o vice-presidente Gilmar Quaresma, e ainda os associados Sérgio Schmidt, Mônica Bellini, Iosita, Nelson Júnior, Roberto Marcos, Ivan Elias, Orlando. O presidente da Liga Juiz-forana de Futsal, Adilson Mattos, não estava no ginásio por estar atuando na arbitragem do evento Taça Brasil, em Orlândia (SP), que reúne todas as principais equipes de futsal do País. Quem representou a Liga foi o vice-presidente e Gerente de Futebol do Tupi, Pitti, muito cumprimentado pela conquista da Série D pelo clube carijó.

 Os jogos

  Sport 5×1 AABB – CF Zico

O Sport contou com os atletas Kassio Micheli, Pedro Teixeira, Igor, Matheus Oliveira, Wesley Silva, Gustavo Gravino, Bruno Pereira, Arthur Pereira, Heitor Assis, Rai Tavares e Eduardo Bassoli.

A AABB – CF Zico reuniu Felipe Calixto, Lucas Pazos, Márcio Filho, Eduardo Richa, Matheus Campos, Bernardo Calais e Caetano Pereira.

Os gols da vitória foram marcados por Bruno (2), Wesley (2) e Gustavo Gravino, descontando Matheus Campos. O primeiro tempo terminou 3 a 0.

A arbitragem foi de Raphael de Sá e Renato Serôa.

Nas premiações realizadas após a partida, o Sport ficou com os troféus de defesa menos vazada, artilheiro, (Bruno, 14 gols) e a Taça Disciplina. Foram entregues troféus ao campeão e ao vice.

Crac Rezato 3×2 Matias Barbosa

Crac Rezato teve como time-base Yuri, Arilson, Alexandre Lage, Gustavo Neves e Leonardo Caetano, contando ainda com Victor Costa, Fernando Arcanjo, Renan Biazolo, Eduardo Lion e Diego Ferreira.

Para Matias Barbosa, atuaram Denner, Lucas Vianna, Leonardo Tirapani, Virgílio Rocha e Igor Santos (time-base) mais Gustavo Motta, Rafael Coelho, Diogo Medeiros e Lucas Constantino.

Arilson marcou 1 a 0 Rezato. Virgílio empatou e Lucas virou para Matias. Renan empatou e Alexandre Lage virou, nos 3 a 2, placar final para Crac Rezato.

A arbitragem foi de Leonardo Rotondo e Frederico Fagundes.

Premiações:

Foram dois artilheiros principais, da mesma equipe: Lucas e Virgílio, de Matias.

A defesa menos vazada foi Rezato, e a Taça Disciplina foi conquistada pela AABB.

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário