Rodrigo treina e garante que joga a “decisão”

Juiz de Fora (MG), 16 de setembro de 2011

O goleiro do Tupi Rodrigo – preocupação maior para a partida contra o Itumbiara (GO) – treinou normalmente na tarde desta quinta-feira, 15, nada sentiu e praticamente garantiu sua presença no jogo decisivo de domingo, 18. “Está tudo bem. As dores desapareceram e não acredito que haja mais problemas”, disse o arqueiro, ao final da atividade.

Nesta sexta-feira, 16, ele (que vem de duplas lesões, no tornozelo direito e no joelho esquerdo) será novamente avaliado e possivelmente liberado para o confronto contra o time goiano.

O Tupi recebe o Itumbiara domingo, 18, às 16h, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, na última rodada da fase de classificação da Série D do Campeonato Brasileiro. O adversário carijó lidera a chave A5 com 13 pontos, contra 11 do Tupi e 10 do Anapolina. Caso o Tupi não vença a partida, pode ser ultrapassado pelo Anapolina, que recebe o lanterna Tocantinópolis no mesmo horário.

Antes da penúltima rodada, a expectativa era que a partida deste domingo, em Juiz de Fora, seria apenas para definir primeiro e segundo colocado da chave. No domingo passado, porém, depois de um primeiro tempo em que os resultados classificavam com antecedência o Tupi – Tocantinópolis 0x0 Tupi e Gama 0x0 Anapolina, os resultados finais transformaram completamente o quadro de classificação – Tocantinópolis 3×0 Tupi e Gama 0x1 Anapolina.

“Disse aos jogadores que se não vier a vitória domingo eles estarão de férias já na segunda-feira. “Férias” para não dizer desempregados”, contou o treinador Ricardo Drubscky à equipe da Rádio Globo Juiz de Fora esta semana, sobre a bronca no elenco, na reapresentação de terça-feira. “Foi um pouco de tapa e um pouco de beijo. Cobramos a atuação do time no segundo tempo em Tocantinópolis e ao mesmo tempo dissemos a eles que temos plena consciência do potencial da equipe para vencer domingo, garantir a vaga e, mais ainda, o primeiro lugar da chave, que sempre foi o nosso objetivo”.

O atacante Ademilson, ídolo da torcida, confia no comparecimento do torcedor: “Não voltamos para o segundo tempo lá em Tocantinópolis. Agora, temos que dar mais ainda do que já demos em campo para garantir a classificação”.

[wpfootball id_league=4 id_template=2]

 Informações: assessoria de imprensa do Tupi e Rádio Globo Juiz de Fora

Deixe seu comentário