Carpegiani assume responsabilidade

O técnico Paulo César Carpegiani isentou os garotos são-paulinos de culpa após a derrota para o Corinthians por 5 a 0, na tarde deste domingo, no Pacaembu. No entanto, o comandante acredita que faltou um pouco de experiência após o primeiro gol corintiano.

“Assumo a responsabilidade. Do que tínhamos no momento era a melhor equipe. Fizemos um primeiro tempo igual. A expulsão acabou repercutindo demais, ainda mais após o gol logo no início do segundo tempo. Ali precisaria de experiência, que faltou no momento”, disse Carpegiani.

Diante do Corinthians, Bruno Uvini fez sua primeira partida como titular do São Paulo. No meio de campo, Rodrigo Caio, o mais jovem do elenco (apenas 17), fez sua estreia no profissional do Tricolor. A dupla foi muito elogiada pelo treinador mesmo após revés.

“É um resultado que marca, mas é um caminho traçado por nós. O Bruno é nível de Seleção. Está aí para ser escalado. O Rodrigo entrou em uma emergência e foi bem”, completou Carpegiani.

Aos 40 minutos do primeiro tempo, o volante Carlinhos foi expulso de campo. O lance, muito questionado por todos no Tricolor, acabou sendo decisivo. Com um a menos, a equipe sofreu um gol antes do primeiro minuto da etapa final, como foi citado por Carpegiani. Depois, mais quatro gols selaram a derrota tricolor.

Dagoberto faz alerta

De certo modo foi um resultado surpreendente. Líder do Campeonato Brasileiro, o São Paulo foi derrotado pelo Corinthians por 5 a 0 na tarde deste domingo, no Pacaembu. O atacante Dagoberto, artilheiro do time em 2011, acredita que o resultado serviu para o Tricolor abrir os olhos.

“Conseguimos algumas vitórias, mas muitas vezes foi meio aos trancos e barrancos. Temos de colocar os pés no chão, porque não estávamos na realidade”, disse Dagoberto.

No Majestoso, o camisa 25 são-paulino teve duas boas oportunidades, ambas na primeira etapa. No segundo tempo, com um jogador a menos, o Tricolor recuou e Dagoberto não teve muitas chances de gol. Ele tentou criar jogadas, mas a desvantagem numérica prejudicou.

Mesmo com o revés, o São Paulo segue na ponta do Brasileiro com 15 pontos – são cinco vitórias e uma derrota. Na próxima quarta-feira, no Morumbi, a equipe paulista receberá o Botafogo. Neste jogo, Carpegiani terá os retornos de Juan e Rodrigo Souto, que estavam suspensos.

Textos: site oficial do São Paulo

 

Deixe seu comentário