Nadadores da cidade vencem com recordes no Carioca

Juiz de Fora (MG), 29 de março de 2011

No último final de semana, quatro nadadores de Juiz de Fora conquistaran 17 medalhas, na primeira etapa do Circuito Carioca de Natação Master. Integrantes da equipe da AABB, Ivo Bandeira, Lucia Pimentel, Solange Tavares e Wania Sarmento representam o Clube Icaraí, de Niterói, nas competições no estado vizinho.

O melhor desempenho foi de Solange Tavares. Além de conquistar três medalhas de ouro (na categoria + 50 anos), cravou três recordes, sendo um brasileiro e dois estaduais. Ela chegou em primeiro nos 800m livre, prova em que bateu o recorde brasileiro. Solange também venceu os 50m e 200m livre, provas em que bateu recordes estaduais. Outra atleta local que brilhou em Niterói foi Wania Sarmento(faixa + 55), que conquistou três medalhas de ouro: nos 50m peito, costas e livre. Ela ainda trouxe duas pratas conquistadas nos revezamentos livre e misto. Lúcia Pimentel (faixa + 55) terminou na primeira colocação nos 50m peito, foi medalha de prata no revezamento feminino livre e chegou em terceiro nos 50 metros livre. Ivo Bandeira, que compete na categoria 55+, conquistou cinco medalhas de prata: nos 50m borboleta e costas; nos 100m borboleta; e nos revezamentos masculino livre e quatro estilos misto.

Na classificação geral, o Clube Icaraí, que contou com 69 nadadores, foi o campeão. Em segundo ficou o Fluminense, que contou com 71 atletas. A etapa reuniu cerca de 300 atletas.

Serão cinco etapas ao longo do Circuito Carioca de Natação Master em 2011: Icaraí, Botafogo, Fluminense, Flamengo e o Campeonato Carioca. Ao final das etapas, são somados os resultados do ano, quando acontece a premiação do ranking Top Five.

Texto: Thiago Stephan

Fotos: Divulgação

 

 

 

Toque de Bola

Ivan Elias, associado do Panathlon Club de Juiz de Fora, é jornalista, formado em Comunicação Social pela UFJF. Trabalhou por mais de 11 anos no Sistema Solar de Comunicação (Rádio Solar e jornal Tribuna de Minas), em Juiz de Fora. Já foi freelancer da Folha de S. Paulo, atuou como produtor de matérias de TV e em 2007 e 2008 “defendeu” o Tupi, na Bancada Democrática do Alterosa Esporte, da TV Alterosa (SBT-Minas). É filiado à Associação Mineira de Cronistas Esportivos (AMCE) e Associação Brasileira de Cronistas Esportivos (Abrace).

Deixe seu comentário