29 nov 2012

CBF confirma Felipão como técnico da Seleção. Parreira é o coordenador



A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou oficialmente na manhã desta quinta-feira, 29, que Luiz Felipe Scolari é o novo técnico da seleção brasileira. Ele substituirá Mano Menezes, demitido na semana passada. O anúncio foi feito pelo presidente da entidade, José Maria Marin, que também confirmou Carlos Alberto Parreira como coordenador de seleções. Na oportunidade, Marin também comentou o veto ao espanhol Pep Guardiola.

“Queria agradecer às pessoas, que, com a melhor das intenções, sugeriram um treinador estrangeiro. Um técnico estrangeiro merece nosso respeito por qualidade e conhecimento. Eu o conhecia como técnico de equipe, e não de seleção, o que é totalmente diferente. Isso não diminui o respeito a esse treinador conhecido internacionalmente como grande treinador e endosso suas qualidades”, disse Marin.

Sentado ao lado de Scolari, Parreira, Marco Polo del Nero (vice da CBF e presidente da federação paulista) e Rubens Lopes (presidente da federação do Rio), o presidente citou os nomes de Abel Braga (Fluminense), Tite (Corinthians), Vanderlei Luxemburgo (Grêmio) e Muricy Ramalho (Santos) como técnicos brasileiros de sucesso que poderiam assumir a vaga de Mano Menezes. Admitiu que cogitou contratar Tite, mas levou em consideração o Mundial que o Corinthians disputará em dezembro. E exaltou as qualidades de Felipão para ser escolhido com Parreira.

“Juntando todos os requisitos, assumimos a responsabilidade de entregar o destino da Seleção nas mãos competentes, na capacidade reconhecida e na experiência já testada através de títulos conquistados. Quero garantir a todos: estamos procurando fazer o melhor. Essa será a dupla que, se Deus quiser, contando com o apoio do torcedor brasileiro, irá tornar realidade o nosso grande sonho, de ser mais uma vez campeão da Copa do Mundo”, comentou.

“É com bastante alegria que volto a trabalhar num grande projeto da Seleção Brasileira, que é o Mundial de 2014. Feliz por ter ao meu lado alguém que eu possa dividir os segundos da Seleção, que é o Parreira, e colocar a vocês que o nosso projeto de Mundial, que já havia iniciado há muito tempo, é o objetivo principal”, completou Felipão.

“Eu me sinto como um garoto, com a paixão, chama, e reviver uma dobradinha que deu certo numa Copa do Mundo com Zagalo. Estamos aqui para auxiliá-lo. Agradecer a direção da CBF por esse apoio. O objetivo é um só: não passa pela nossa cabeça não ganhar a Copa do Mundo”, afirmou Parreira.

O novo treinador já avisou que pretende ter na comissão técnica o preparador físico Paulo Paixão, atualmente no Grêmio, e a psicóloga Regina Brandão. Seu eterno auxiliar, Flávio Murtosa, também estará presente.

Durante a entrevista coletiva concedida em um hotel na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, Felipão disse que pretende usar a base montada por Mano Menezes.

Texto: www.globo.com


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 jan 2018
Clínica com Zico no Maracanã une diferentes gerações em torno do sonho do futebol. Veja fotos

22 jan 2018
Tem de 10 a 16 anos e que jogar futebol? É levar a chuteira e conferir a agenda da semana na Faefid-UFJF

21 jan 2018
Virose no Carijó? Dirigente admite possibilidade, mas não quer usar como desculpa

19 jan 2018
Futebol do Baeta apresenta Comissão Técnica para Módulo 2 e admite que está atrasado

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse