29 dez 2017

Vitória e última impressão de 2017 motivam JF Vôlei a reagir na Superliga



 

JF Vôlei consegue se impor diante do tradicional Minas Tênis Clube mesmo no ginásio do adversário

  Se a última impressão é a que fica, o torcedor do JF Vôlei pode ter esperanças em um returno de Superliga masculina 2017/18 melhor e com progressos na pontuação e classificação da equipe. A vitória por 3 sets a 2 sobre o tradicional e bem colocado Minas Tênis Clube, na casa do adversário, valeu mais que os dois pontos.

  Se a penúltima colocação entre os 12 da elite do vôlei nacional ainda incomoda – para garantir a permanência é necessário terminar pelo menos em décimo, o retorno positivo do triunfo motiva jogadores, Comissão Técnica e dirigentes para os dez jogos restantes do segundo turno e da fase de classificação.

  O Diretor Técnico do time local, Maurício Bara Filho, lembra de uma situação semelhante em competição anterior para buscar novo ânimo: “Que se repita a temporada 2013/14, quando vínhamos de oito derrotas e vencemos o Minas também na Arena por 3 sets a 2, também uma coincidência, e a partir dali tivemos uma sequência ótima de vitórias, que nos levou ao nono lugar. Claro que é só um detalhe, mas faz parte de nossas lembranças positivas.”

   Veja como está a pontuação da Superliga. Clique sobre a imagem para ampliar

  Maurício esteve ao lado do presidente da Asepel, Toninho Buda, e do supervisor Heglison Toledo, na Arena Minas, e destaca que o elenco entendeu a necessidade de dar uma resposta em  quadra: “Estivemos em Belo Horizonte. A direção toda, eu, o Heglisson Toledo e o Toninho Buda (presidente da Asepel). Um momento importante, duro, difícil. A equipe de certa forma tinha apresentado um bom voleibol nos últimos dois sets contra o Corinthians (derrota por 3 sets a 0).”

   O dirigente acredita que a preparação do grupo depois da partida diante do Corinthians foi fundamental: “Acho que a semana que antecedeu o jogo foi importante. Os meninos entenderam a importância do momento, de não podermos desistir de nenhum ponto, saber que cada ponto seria importante. O jogo foi encaixando, vencemos o primeiro set, deu uma auto-confiança muito grande na equipe. Passamos momentos difíceis quando o Minas empatou (2 sets a 2). A virada poderia acontecer. Acho que foi uma boa atuação. A luta de uma equipe jovem, que passa por um momento difícil na pontuação, mas que mantém a serenidade e buscando os pontos pouco a pouco. Não adianta fazer 15 pontos ao mesmo tempo, tem que fazer um de cada vez. Tínhamos uma vitória só, contra Maringá, que estava lá embaixo (na classificação) com a gente. Quando se tem uma vitória contra o quinto colocado…”.

  Henrique: “Bom voleibol o tempo todo”

  Para o treinador Henrique Furtado, a qualidade do adversário e o fato de o time ter resistido à pressão e conseguido vencer, depois da reação em dois sets a dois, são fatores que pesam na avaliação do duelo mineiro: “Jogo muito bom, enfrentamos um grande adversário. Com grandes jogadores, experientes, e jovens de muito valor. Conseguimos fazer uma grande partida. Acho que apresentamos um bom voleibol todo o tempo. Com algumas oscilações mas sem deixar de lado, sem desistir em momento algum de buscar a vitória a cada ponto, a cada set. Essa postura e agressividade foram fundamentais para a vitória. A responsabilidade foi muito bem dividida entre os jogadores, que souberam resistir à pressão que o adversário impôs em muitos momentos da partida. Fizemos um grande trabalho e o grupo está de parabéns, por ter superado um grande adversário”.

 Veja as partidas da segunda rodada do returno da Superliga. Clique sobre a imagem para ampliar

   O técnico também analisa como deve ser o comportamento do JF Vôlei a partir do dia 13, quando volta a quadra, para receber o Montes Claros, adversário direto: “É necessário seguir com os pés no chão, muito focado em todos os momentos. Mesmo quando vencer, é necessário seguir muito sereno e concentrado porque a cada jogo, a cada rodada o desafio é maior. Estamos focados em seguir cada vez melhor e buscando todas as vitórias que a gente puder buscar.”

 O JF Vôlei venceu o duelo mineiro contra o Minas Tênis Clube por 3 sets a 2, com parciais de 25/22, 25/20, 18/25, 17/25 e 16/14. O central Rômulo foi eleito o melhor da partida e recebeu o Troféu VivaVôlei CIMED. Outro destaque ficou por conta do ponteiro do time de Juiz de Fora, Leozinho, que marcou 21 pontos.

Ficha técnica
Minas: 
Carísio, Felipe Roque, Vanole, Bisset, Flávio, Pétrus e Rogerinho (líbero). Entraram: Maique, Marlon, Davy e Bob. Técnico: Nery Tambeiro.
Juiz de Fora Vôlei: Henrique, Emerson, Bruno, Leo, Filipi, Romulo e Mendez (líbero). Entraram: Felipe e Raphael. Técnico: Henrique Furtado.
Público: 407 torcedores. Árbitros: Ivan Cardoso e Ricardo Santos, ambos de Minas Gerais.

Rômulo recebeu Troféu VivaVôlei e vibrou muito na Arena Minas

Rômulo vibra

  A alegria pelo triunfo na abertura do returno foi mais especial ainda para o central Rômulo, que recebeu o Troféu VivaVôlei. Muito querido por torcedores e companheiros, ele se manifestou nas redes sociais, com o texto: “A felicidade estampada no rosto do garoto q ganhou seu primeiro VivaVôlei. Só tenho a agradecer a Deus por tudo em minha vida. Valeu demais por todos que foram, torceram e torcem por mim. Muito obrigado!!!”

  SUPERLIGA MASCULINA 17/18

Primeira rodada do returno

21.12 (QUINTA-FEIRA) – Sesi-SP 3 x 0 Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 19h, no ginásio do Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) (25/19, 25/21 e 25/18)

21.12 (QUINTA-FEIRA) – Montes Claros Vôlei (MG) 1 x 3 Lebes Canoas (RS), às 19h, no Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) (23/25, 23/25, 25/21 e 21/25)

21.12 (QUINTA-FEIRA) – Minas Tênis Clube (MG) 2 x 3 JF Vôlei (MG), às 19h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (22/25, 20/25, 25/18, 25/17 e 14/16)

21.12 (QUINTA-FEIRA) – Vôlei Renata (SP) 3 x 0 Ponta Grossa Caramuru (PR), às 20h, no Taquaral, em Campinas (SP) (25/21, 25/21 e 25/22)

21.12 (QUINTA-FEIRA) – EMS Taubaté Funvic (SP) 0 x 3 Sesc RJ, às 21h30, no Abaeté, em Taubaté (SP) (23/25, 23/25 e 18/25)

16.01 (TERÇA-FEIRA) – Sada Cruzeiro (MG) x Corinthians-Guarulhos (SP), às 20h, no Riacho, em Contagem (MG) – SPORTV

 Veja a agenda do JF Vôlei no returno. Clique sobre a imagem para ampliar

 

 

 

 

 

Texto: Ivan Elias – Toque de Bola

Fotos: Renato Araújo – Minas e Divulgação

Artes: Toque de Bola, com informações do site da Confederação Brasileira de Voleibol


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


18 jan 2018
Próximo adversário do Tupi, Uberlândia perde em casa. Veja como começou o Estadual

18 jan 2018
Tem de 12 a 16 anos e quer jogar basquete? Sexta é dia de cesta! Olha esse convite da Faefid-UFJF

17 jan 2018
“Barraco” no Poço Rico! Eleições do Tupynambás viram caso de polícia

17 jan 2018
Cruzeiro x Tupi: choque de realidades marca estreia do Carijó no Campeonato Mineiro

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse