14 nov 2017

Goleiro-artilheiro Edson tem domingo único e Passo da Pátria é campeão da zona rural da Copa Prefeitura Bahamas



Final da zona rural atrai bom público ao Estádio Municipal Radialista Mário Helênio

  A manhã do dia 12 de novembro de 2017 certamente vai ficar marcada na vida de Edson Rodrigo Neves da Silva. O goleiro da equipe Passo da Pátria tornou-se o principal personagem na conquista do torneio entre os times da zona rural na Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador.

   Na decisão, disputada na ensolarada manhã de domingo do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, ele esteve o tempo todo em evidência no tempo regulamentar em 2 a 2 diante de Rosário de Minas. Tudo terminaria na marca do pênalti.

   No primeiro tempo, quando o placar já apontava 1 a 0 para o Passo da Pátria, gol de Weverton, de cabeça, Edson caiu de mal jeito e ficou muito tempo sendo atendido. Quando a partida foi reiniciada, participou de dois lances. Praticou uma grande defesa, numa bola que ganharia o ângulo superior esquerdo, e pouco depois não teve como evitar o gol de empate, no mesmo ângulo. O camisa 10 de Rosário de Minas, Leonardo Oliveira, o Leozinho, acertou um balaço de fora da área que também é para ficar na memória por um bom tempo.

  Márcio Giriardi colocou o Rosário de Minas na frente, num lance em que Edson acredita não ter tido seu melhor desempenho, mas Márcio de Souza também marcou para Passo da Pátria: 2 a 2, placar final do tempo regulamentar.

Edson defende a cobrança. Depois, se transforma em artilheiro e garante conquista do Passo da Pátria

  Ritual de concentração

 Na disputa dos tiros livres da marca do pênalti, Edson cumpria o mesmo ritual: pegava a bola e parecia conversar com ela antes de entregar ao adversário que cobraria a penalidade. Concentrado. Quando as cobranças da primeira série se encerraram sem que os batedores das duas equipes desperdiçassem suas chances, Edson virou-se para os companheiros, que estavam na linha do círculo central, bateu no peito e disse que a cobrança alternada seria por conta dele. Ou seja, além de estar a postos para tentar defender, seria ele o responsável pela cobrança seguinte. Ninguém questionou. E daria certo.

  Na sequência dos sonhos de qualquer goleiro em dia decisivo, Edson primeiro defendeu a cobrança do adversário. E depois converteu a “bola do título”: 6 a 5 Passo da Pátria nos pênaltis. Título da zona rural garantido. E agora, cadê o Edson? Está lá, no chão, sufocado pelo abraço dos companheiros. Só depois ele consegue se levantar para dar entrevista.

  “Emocionante demais. No lance do segundo gol, cometi uma falha. Deus pôde capacitar nossos amigos para que eles pudessem fazer o gol de empate e levamos para os pênaltis. Na hora que conversamos, antes das cobranças, eu falei: a gente vai sair daqui campeão. Foi difícil. Três pênaltis deles tocaram na minha mão e não consegui defender. Mas consegui defender o último e chamei a responsabilidade para converter. Consegui fazer o gol. Campeão”.

Texto: Ivan Elias – Toque de Bola

Fotos: Toque de Bola

  Veja a sequência de fotos da defesa de Edson, da cobrança convertida e da festa dos companheiros no Estádio Mário Helênio,

   Clique sobre a imagem que deseja ampliar


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.