25 ago 2017

Firme no gol carijó, Paulo Henrique elogia grupo: “Essa confiança não é só minha. Todos se ajudam”



  

Paulo Henrique e o preparador de goleiros do Tupi, Walker Campos

   Se o Tupi está em segundo lugar do grupo B, com 26 pontos e prestes a avançar de fase, deve agradecer muito a um nome em especial: Paulo Henrique. O goleiro é um dos grandes responsáveis pela campanha do Carijó na Série C e também pela boa fase do setor defensivo, um dos destaques da equipe. Em 15 rodadas, o Tupi sofreu apenas 12 gols, o que torna a defesa uma das melhores do campeonato. E Paulo tem sido bastante decisivo, fazendo defesas milagrosas, salvando o Tupi e garantindo os três pontos.

     O jogador de 23 anos pertence ao Goiás e está emprestado ao time juiz-forano até o fim da temporada. Dos 15 jogos do Tupi na competição, o atleta atuou em todos, e é uma das armas de Aílton para o time buscar a classificação às quartas de final. “Viemos de dois jogos sem tomar gol, a confiança aumenta na nossa parte defensiva e os jogadores vão crescendo cada vez mais. O Edmário e o Fernando (zagueiros) estão fazendo um grande campeonato. No começo do jogo (contra o Botafogo, sábado), todos sabem que é normal, o futebol é assim, vamos jogar fechadinhos, para depois pensar em contra-ataque ou algo para fazer o gol. Vamos tentar não tomar gol no início”, comentou Paulo Henrique.

   “Tinham colocado que eu viria para jogar”

Goleiro que chegou em meio ao Campeonato Mineiro agarrou literalmente a camisa 1 e não largou mais

  Mesmo com o ótimo momento vivido, no início do ano Paulo Henrique não era cotado para ser o arqueiro titular. “No começo do ano veio o Gideão, mas lá no Goiás tinham colocado pra mim que eu viria para jogar também. Já vim ciente disso e trabalhando forte. Desde o começo da pré-temporada venho trabalhando pra jogar. A oportunidade veio e estou muito bem graças a Deus, agradecer também ao Walker (Campos, preparador de goleiros) que está ajudando muito os goleiros. Essa confiança não é só minha, é do grupo, todos se ajudam e isso bom para o Tupi”, disse o defensor da meta alvinegra.

   “Time tem atuado bem fora”

   A próxima partida será decisiva, contra um adversário duro, que vem de três derrotas consecutivas, treinador novo e, com toda certeza, entrará com “sangue nos olhos”. Segundo Paulo, todo o grupo está ciente disso. “Sabemos da importância do jogo, um adversário difícil que precisa vencer, e nós também. Estamos querendo o quanto antes nos classificar, será muito importante, é o objetivo do ano. Vamos esperar que eles venham para podermos sair no contra-ataque. O Aílton está treinando de todas as maneiras para ver o que vai dar certo. Nosso time tem se comportado muito bem, nessas linhas que ele vem colocando. Vamos em busca de fazer um grande jogo lá, sabemos da dificuldade que será, o Botafogo está precisando da vitória mas o nosso time tem atuado muito bem fora de casa. Perdemos para o São Bento, mas foi um jogo à parte, que eu me lembre foi o único em que sofremos”, completou.

 

Texto: Patrick Alves, estagiário do Toque de Bola, com edição e supervisão Ivan Elias, Toque de Bola

Fotos: Tupi 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 set 2017
Aílton se emociona e não define permanência: “Estou disposto a ouvir proposta”

21 set 2017
Tupi pode ter até quatro desfalques. Aílton receita “guerrear e batalhar demais para conseguir o objetivo”

20 set 2017
Tupi fecha treino. Fortaleza em Sampa. Marcelo apita. Ingressos, gramado, reconhecimento, recepção. Veja o diário da decisão

20 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.