21 nov 2016

No segundo triunfo consecutivo do JF Vôlei, Furtado vê evolução e Ricardo destaca “side out”. Veja scout e classificação



 A  segunda vitória consecutiva na Superliga masculina 2016/17 – sobre o Caramuru Castro Vôlei por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/15 e 25/18, na noite de sábado, 19, reforçou, entre jogadores e Comissão Técnica, a confiança que as coisas estão caminhando bem para a equipe local, na sexta temporada consecutiva em que Juiz de Fora tem representante na principal competição do vôlei campeão olímpico. 

   O resultado obtido diante da torcida – o público anunciado foi de 201 pessoas – e a derrota do Minas fizeram com que o JF Vôlei alcançasse a sétima colocação, uma posição que raramente foi atingida em cinco anos de presença na Superliga – pelo regulamento, os oito primeiros disputarão os playoffs e os dez primeiros colocados esttarão automaticamente classificados para a próxima Superliga, temporada 2017/18. No início da competição, os dirigentes preferiram não fazer planos ambiciosos, manifestando  como principal objetivo  terminar entre os dez primeiros e, dependendo do andar da equipe, buscar voos mais altos.

  Curiosamente, a ordem dos quatro primeiros jogos colocou a  equipe de JF, pelo menos teoricamente, diante dos extremos na tabela de classificação, ou seja, o time primeiro encarou Brasil Kirin e Sada Cruzeiro, dois jogos em que dificilmente seria possível vencer – foram duas derrotas, uma por 3 ssets  a 1 e outra por 3 a 0. Logo os dois jogos seguintes apresentavam adversários da  parte de baixo da tabela – São Bernardo, fora de casa, e Caramuru-Castro, no ginásio da Faefid. Foram duas vitórias, também como se esperava – 3 a 2 fora de casa e 3 a 0, em casa.

 

JF Vôlei se recupera na Superliga e vence a segunda partida consecutiva

JF Vôlei se recupera na Superliga e vence a segunda partida consecutiva

  Em evolução

  O treinador Henrique Furtado destaca boas atuações, mesmo nas derrotas: “O time está numa crescente. Jogamos bem contra os dois primeiros oponentes, vice-campeão e campeão da Superliga, mesmo não conseguindo vitórias. Depois, contra São Bernardo, tivemos momentos em alto nível de ataque e saímos com o resultado positivo. Hoje (sábado), fomos muito bem, o tempo todo, em todos os fundamentos. Estamos ganhando constância e errando menos. Conseguimos neutralizar um saque muito agressivo do Caramuru e ir bem no ataque. A evolução vem a partir do trabalho forte. Treinamos para oscilar pouco. Ainda temos muito a melhorar, mas já estamos evoluindo”.

   Já o ponteiro Ricardo Júnior, que anotou 12 pontos diante da equipedo Sul do Brasil, ressaltou a concentração do time: “Nosso crescimento coletivo é o principal fator responsável pela vitória. Nosso side out foi muito bom, determinante. Conseguimos marcar bem, com bloqueio e defesa funcionando. Era um confronto direto. É importante jogar em casa e, sempre que der, fazer os 3 pontos.  Estamos focados em jogar bem, em crescer e em ter regularidade durante os jogos”.

Nota da redação

   De  acordo com o site Papo de Vôlei, o sginificado de “side out” ´o  seguinte: “É o termo da moda entre os técnicos mais novos. Na verdade, side out nada mais é do que a virada de bola. Seria nos dias de hoje, termo semelhante à tomada do saque de antigamente.” 

Dois seguidos

   O JF Vôlei visita o Copel Telecom Maringá já nesta quarta-feira, 16, às 19h30, no ginásio Chico Neto.

   Já no sábado, 26, o adversário é o Lebes Gedore Canoas, em Juiz de Fora, às 18h.

JF Vôlei:

Rodrigo Ribeiro, Renan Buiatti, Felipi Rammé, Ricardo Júnior, Bruno Amorim, Romulo Henrique e Fabio Paes (líbero); Entrou: Juan Mendez (líbero);

Técnico: Henrique Furtado.

Caramuru Castro Vôlei:

Edgar, Caio, Robinho, Peron, Thales, Maycon e Matheus (líbero); Entraram: Japa, Sibá e Bruno;

Técnico: Fábio Sampaio.

 

Confira as estatísticas do jogo:

scout-do-jogo

Com 20 pontos marcados, o oposto Renan Buiatti levou o troféu VivaVôlei, entregue ao melhor em quadra. O triunfo foi assistido por 201 pessoas no ginásio da UFJF.

Se preferir, acesse o ACESSE AQUI O PDF.

Classificação atualizada da Superliga 2016/2017:

classificacao-superliga

Veja os resultados das partidas da 4ª rodada:

tabela-4a-rodada-superliga

Próximos jogos da Superliga:

tabela-5a-rodada-superliga

Texto: Toque de Bola

Fotos: JF Vôlei 

Classificação, tabelas e estatísticas: site da Confederação Brasileira de Voleibol – CBV

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


19 fev 2018
JF Vôlei tem semana de desafios seguidos em busca da reação na Superliga

17 fev 2018
Baeta perde na estreia do Módulo 2

17 fev 2018
Tupynambás estreia no Módulo 2 fora de casa

16 fev 2018
Com Leão ainda treinador interino, Tupi visita URT

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse