13 mar 2016

Tupi vence Boa Esporte com belo gol de Hiroshi: “Procurei jogo o tempo inteiro”



Após semana conturbada fora das quatro linhas, o torcedor carijó acompanhou partida do Tupi em Varginha e foi presenteado com golaço de Hiroshi sobre o Boa Esporte, aos 22 minutos da segunda etapa, e sistema defensivo eficiente, garantindo a vitória juiz-forana por 1 a 0 no Estádio Municipal Dilzon Melo – o “Melão”. O terceiro triunfo alvinegro no campeonato deixa o time no sétimo lugar, com 9 pontos, enquanto os mandantes amargaram a quinta derrota, ficando na vice-lanterna com 6 pontos.

“Venho arriscando desde o primeiro confronto e agora tive a felicidade de fazer o gol. Procurei jogo o tempo inteiro, quem entrar tem que se doar o máximo para o Tupi sair vitorioso”, relatou o autor do tento carijó, Hiroshi, para a Rádio Globo – Juiz de Fora após o duelo.

dsc00376_1

Recife (camisa 15) entrou no lugar de Filipe Alves, que saiu com uma entorse no joelho (Foto: Divulgação Boa EC)

“Uma das nossas melhores partidas”

Em coletiva depois da vitória, o técnico Ricardo Drubscky elogiou a postura da equipe na maior parte do confronto: “Vitória magra, poderíamos ter feito mais gols, mas nosso volume de jogo foi muito bom e acho que foi uma das nossas melhores partidas. Estamos alimentando um formato de jogo que vocês conhecem de 2011. Sessenta e cinco por cento do jogo fomos muito bem e os outros 35 vamos melhorar nos treinamentos durante a semana”, avaliou.

Atletas do Tupi recebem orientações em meio ao tempo técnico do primeiro tempo de jogo

Atletas do Tupi recebem orientações em meio ao tempo técnico do primeiro tempo de jogo (Foto: Ricardo Wagner)

Projeção após URT

O Tupi tem pela frente duelo contra o Atlético Mineiro em Juiz de Fora no próximo domingo e, em seguida, viagem a Patos de Minas para encarar a URT. Só então Drubscky externará metas na tabela: “Ainda temos que pontuar para consolidar nossa classificação em um lugar honroso. Restam quatro rodadas em que precisamos pontuar nas próximas duas para depois da URT pensarmos no que o Tupi pode brigar”, declarou.

Técnico do Boa: “Deram um chute no segundo tempo”

O comandante da equipe de Varginha, Nedo Xavier, lamentou o gol sofrido, mas não deixou de criticar a performance de seu grupo: “Eles deram um chute no segundo tempo e fizeram um gol, mas também jogamos muito abaixo do que poderíamos”.

O jogo

O confronto começou sem finalizações das duas equipes. Aos 14, o Tupi enfim assustou: Kiss fez bela jogada pela direita e cruzou para Kozlowski completar. A bola passou rente à trave de Rodolfo. As equipes seguiram produzindo pouco e o Boa só foi testar Glaysson aos 32 minutos. Daniel Cruz recebeu cruzamento e cabeceou com endereço, mas o dono da meta alvinegra espalmou bola para a linha de fundo em linda defesa. Com o forte calor, a arbitragem promoveu parada técnica de dois minutos. Na volta, o Boa melhorou, buscou mais o ataque, mas não obteve sucesso até o apito final da etapa, visto que a defesa do Tupi estava bem posicionada e Glaysson ligado no confronto.

O início do segundo tempo foi parecido com o do período anterior: investidas ofensivas escassas e pouca bola rolando. Filipe Alves deixou o campo logo com entorse no joelho e Recife entrou. Pelo Boa, Erickys substituiu Tharciano. Aos 17, Hiroshi, enfim, quase marcou após cruzamento de Thiaguinho. O jogo melhorou e Glaysson parou resposta mandante. Aos 22, novamente Hiroshi apareceu – e agora com ainda maior brilho. O meia carijó recebeu, girou e soltou pancada sem chances para Rodolfo, abrindo o placar no Melão: 1 a 0 Tupi.

Indisposto, Fabrício Soares também deixou o jogo, dando lugar a Hélder. Roberto Jacaré saiu no Boa para a entrada de Renato. Aos 35, quase o segundo juiz-forano: Kiss recebeu passe de Hiroshi e chutou cruzado, muito perto da trave do Boa. Em seguida, Nedo Xavier tentou última cartada, colocando Romário no lugar de Éverton Hora. Drubscky fez o mesmo, colocando “seu” Romário no lugar de Hiroshi. Movimentado, o fim de partida ainda foi marcado por defesas dos goleiros das duas equipes, mantendo o placar em 1 a 0 aos visitantes, chegando ao terceiro triunfo na competição.

Fabrício Soares e Filipe Alves foram substituídos por problemas físicos (Foto: Ricardo Wagner)

Fabrício Soares e Filipe Alves foram substituídos por indisposição e entorse no joelho, respectivamente (Foto: Ricardo Wagner)

Ficha Técnica – Boa Esporte 0 x 1 Tupi

Local: Estádio Dilzon Melo – “Melão”, em Varginha

Boa Esporte: 1- Rodolfo, 2- Leo Baiano, 3- Erick Cezar, 4- Junior Lopes e 6- Regis Potiguar. 5- Everton Hora (19- Romário), 7- Tharciano (20-Erickys), 8- Leonardo e 10- Sillas; 9- Daniel Cruz e 11- Roberto Jacaré (18-Renato). Téc.: Nedo Xavier

Tupi: 1- Glaysson; 2- Osmar, 3- Sidimar, 6- Fabrício Soares (13- Hélder) e 4- Thiaguinho; 8- Rafael Jataí, 5- Filipe Alves (15- Recife), 7- Vinicius Kiss, 10- Wiliam Kozlowski e 11- Hiroshi (18- Romário); 99- Michel Henrique. Téc.: Ricardo Drubscky.

Gol: Tupi: Hiroshi (22′ / 1º T)

Cartões amarelos: Boa: Roberto Jacaré

Tupi: Osmar e Recife

Público e renda: não divulgados

Súmula (clique e acesse)

 

Classificação e artilharia (se preferir, clique sobre a imagem para ampliar)

Sem título

 

Sem título

Obs: na arte constam apenas os jogadores com mais de um gol no campeonato.

Texto: Bruno Kaehler, com informações da Rádio Globo – Juiz de Fora

Fotos: Ricardo Wagner e Divulgação Boa EC

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.