05 mar 2016

Tupi 0 x 1 Villa: “Se estivéssemos jogando até agora, a bola talvez não tivesse entrado ainda”



“Acho que o dia não foi para nós. Se estivéssemos jogando até agora, a bola talvez não tivesse entrado ainda”. Desta forma o técnico carijó, Ricardo Drubscky, resumiu a derrota do Tupi para o Villa Nova por 1 a 0 na noite deste sábado, 5, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio. Roger Guerreiro fez o gol da partida, marcada ainda por grandes defesas do goleiro do Leão, Thiago Leal. Com o resultado, o Tupi cai para o oitavo lugar do Mineiro com seis pontos ganhos, enquanto o Leão foi aos 12, alcançando a terceira colocação da competição.

O Tupi agora foca no Boa Esporte, próximo adversário na competição em jogo agendado para o domingo, 13, às 11h, em Varginha. Já o Villa recebe a Caldense às 16h do mesmo dia.

Fala, professor

Drubscky criticou a etapa inicial de sua equipe: “Na primeira parte tivemos muita ansiedade, errando muito no individual. Criamos pouco, e o jogo foi muito truncado, feio. No contra-ataque o Villa conseguiu encaixar muito bem. O segundo tempo sim, tentamos jogar, tivemos volume de jogo muito bom, 100% no campo de jogo adversário, pecamos em alguns lances cruciais na área, mas o Villa estava muito forte na defesa e se propondo a defender, então dificultou, mas os garotos tentaram, não apavoraram jogando bola na área, criamos algumas chances, mas infelizmente não conseguimos furar o bloqueio deles”.

Michel e Rubens

Drubscky comentou a repetição do uso de dois centroavantes na equipe, algo que não considera ideal, mas foi necessário no confronto: “Era uma possibilidade que poderia acontecer novamente. O Michel Henrique joga pelas beiradas também e aguenta fisicamente o jogo. Centralizamos o Rubens e ele criou oportunidades. A mexida foi até boa. Não mudei nada do meu conceito. A equipe continuou jogando”, garantiu o técnico.

Quarta derrota

Drubscky ainda foi questionado se o novo tropeço em casa pressiona a situação do Tupi no Estadual: “Claro. Nosso ambiente, dia-a-dia de trabalho é para tirar o Tupi dessa situação primeiro. Tivemos duas vitórias, o que foi muito bom, mas a gente não se acomodou e nosso discurso em hipótese nenhuma é de chegar e ser campeão. E a prova tá aí. Uma derrota que nos deixa em uma situação ruim, mas nada de desespero, vamos continuar buscando os pontos que temos plenas condições de conquistar”.

Avaliação para Série B

“Os jogos são termômetros para tudo. Conhecia pouco o elenco, isso não é mistério, enfim, a gente vai mudando, mas acho que independente de trazer mais jogadores ou não, temos condições de buscar os pontos que a gente precisa por tranquilidade na tabela e classificação interessante para o Tupi”.

“Nosso objetivo sempre foi o G4”

O experiente atacante Fábio Júnior reiterou o pensamento de sua equipe na competição ao avaliar o resultado: “Sabíamos que seria um jogo dificílimo, jogar aqui é sempre assim, mas graças a Deus conseguimos fazer o gol. Vitória importante. Nosso objetivo sempre foi o G4 e vamos lutar até o final por essa vaga”.

“Na raça”

Marcelo Pitbull, do time visitante, valorizou o triunfo pelo adversário em campo: “Vitória suada, na raça. O Tupi é uma equipe qualificada que vai brigar lá em cima”.

O jogo

Logo no primeiro minuto, Wiliam Kozlowski recebeu na entrada da área, girou e finalizou de canhota, torto. A resposta do Villa veio com Fábio Júnior, em chute de perna direita e na área, mas também longe do gol alvinegro. Aos 15, uma sequência de boas chances. Enquanto os donos da casa acertaram a trave, os visitantes balançaram as redes com Soares. As duas jogadas, entretanto, foram anuladas pelos auxiliares, que assinalaram impedimento nos lances.

Aos 32 minutos, o Leão armou contra-ataque, Fábio Júnior serviu Roger Guerreiro que, da entrada da área, acertou balaço, sem chances para Glaysson: 1 a 0 Villa. O Tupi ainda tentou com Romário, que testou bola em cruzamento forte de Kiss, mas o goleiro Thiago Leal fez grande defesa, garantindo a vitória parcial até o intervalo.

Para a segunda etapa, Drubscky colocou Ygor no lugar de Kozlowski. Aos 5 minutos, Thiaguinho cobrou falta e o goleiro adversário espalmou para a linha de fundo. Nos dois lances seguintes, Thiago Leal novamente salvou o Villa, defendendo cabeçada e chute de Filipe Alves. Foi a vez, então de Drubscky promover a entrada de Rubens, sacando Romário. Em seguida, Gottardo colocou Marcelo Rosa no lugar de Luis Felipe. Parando nas defesas de Thiago Leal, Drubscky ousou em sua última troca: o zagueiro Fabrício Soares deixou o campo para a entrada do meia-atacante Ramon. Jataí foi deslocado para a zaga. Kerlon “foquinha” também entrou na vaga de Roger Guerreiro.

O Tupi seguia com a bola, mas não acertava as finalizações. O nervosismo pareceu tomar conta dos atletas em campo e os erros aumentaram, deixando o torcedor impaciente. Osmar e Jataí protagonizaram as duas melhores chances do Tupi no fim do jogo. O capitão finalizou de fora da área perto da trave direita da meta do Leão, e o volante cabeceou para defesa de Thiago Leal, mas o placar se manteve a favor dos visitantes até o apito final.

Ficha técnica – Tupi 0 x 1 Villa Nova:

Local: Estádio Municipal Radialista Mário Helênio

Tupi: 1- Glaysson; 2- Osmar, 3- Sidimar, 6- Fabrício Soares (18- Ramon) e 4- Thiaguinho; 8- Rafael Jataí, 5- Filipe Alves; 7-Vinicius Kiss, 10- Wiliam Kozlowski (16- Ygor) e 11- Romário (19- Rubens); 99- Michel Henrique. Técnico: Ricardo Drubscky

Villa Nova: 1- Thiago Leal; 2- Baiano (14- Antônio Carlos), 3- Gabriel, 4- Rafael Morisco, 5- Marcinho Pitbull, 6- Marcelo Tchê, 7- Fábio Júnior, 8- Marielson, 9- Soares, 11- Luis Felipe (16- Marcelo Rosa) e 21- Roger Guerreiro (20- Kerlon). Técnico: Wilson Gottardo

Gol: Villa: Roger Guerreiro (32’/1ºT)

Cartões amarelos: Tupi: Thiaguinho

Villa: Gabriel, Luis Felipe

Público pagante: 1290 pessoas

Público total: 1753 pessoas

Renda: R$26,550,00

Classificação e rodada (Superesportes- se preferir, clique sobre a imagem para ampliar)

 

Sem título

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola, com informações da Rádio Globo JF e Rádio CBN Juiz de Fora

Foto: Reprodução – Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 ago 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

17 ago 2017
Juiz-forano Artur Bitarello confirma boa fase, vence XTerra em Mangaratiba e lidera na faixa 25-29 anos

16 ago 2017
Aílton vê “desrespeito” na atitude de jogadores do Mogi. Verba da Federação Paulista pode socorrer o clube

15 ago 2017
Futsal: goleada garante Sesi Juiz de Fora na semifinal do Campeonato Mineiro Sub-13 do Interior

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.