08 nov 2015

Estreia para esquecer: JF Vôlei perde para Voleisul por 3 sets a 0



A estreia do Juiz de Fora Vôlei na Superliga Masculina de Vôlei 2015/2016 durou apenas cerca de 90 minutos. Dominados do início ao fim, os juiz-foranos perderam a primeira partida da competição nacional, em Novo Hamburgo (RS), para a Voleisul/Paquetá Esportes, por 3 sets a 0, parciais de 25/13, 25/18 e 25/17. O oposto da equipe mandante, Franco, recebeu o Troféu Viva Vôlei após o duelo, como melhor jogador em quadra.

O ponta Samuel, dos donos da casa, destacou o valor do início de campeonato com o pé direito: “É importante começarmos a Superliga jogando bem e com uma vitória. Ninguém ficou satisfeito com o Campeonato Gaúcho, mas é sempre bom começar assim e esperamos seguir bem na competição”, afirmou à Rádio ABC 900 AM.

A equipe da Manchester Mineira muda o foco agora para a estreia em casa na competição nacional, quinta-feira, 12, às 19h30, contra o Copel Telecom Maringá (PR), no ginásio da Faefid.

Fadul utilizou grande parte do elenco, mas equipe não mostrou reação em todo o jogo

Fadul utilizou grande parte do elenco, mas equipe não mostrou reação em todo o jogo

Iniciaram partida pelo time do técnico Alessandro Fadul o levantador Felipe Hernandez, os centrais Ninão e Igor, os ponteiros Mark e Renato, o oposto Leandrão e o líbero Fábio Paes.  Entraram Maurício, Djalma, Tatinho, Tarik, Diego e Ricardo Faccin.

O jogo

O JF Vôlei começou muito abaixo do adversário gaúcho. Os quatro primeiros pontos foram da Voleisul, forçando o técnico da equipe mineira, Alessandro Fadul, a parar o duelo. Na volta, a distância foi aumentada, chegando ao primeiro tempo técnico com 8 a 2 no placar. Os juiz-foranos tinham dificuldades no saque, na recepção e, consequentemente, ataque facilmente marcado pelo bloqueio gaúcho. E os mandantes não pararam por aí, colocando nove pontos de diferença na segunda parada (16 x 7) e, sem muitas dificuldades, fechando o primeiro parcial em 25 a 13.

Um erro extra-quadra marcou o segundo set. Com início equilibrado (8×7 na primeira parada técnica) e novo crescimento mandante após o rápido intervalo, o placar apontava 12 a 9 para a Voleisul, quando os gaúchos concluíram novo ataque e a profissional responsável pela contagem deu dois pontos para os donos da casa, indo a 14 x 9. Após pouquíssima reclamação dos juiz-foranos, a pontuação não foi corrigida e a partida seguiu com eficácia ofensiva da Voleisul e sucessivos erros do JF Vôlei, perdendo também o segundo parcial, desta vez por 25 a 18.

O terceiro parcial começou como os anteriores: domínio gaúcho e incapacidade de reação juiz-forana. Logo, a Voleisul abriu três pontos já na primeira parada técnica (8×5). Tranquilos em quadra, os mandantes administravam a vantagem, enquanto os mineiros seguiam com dificuldade na recepção e nos bloqueios. Com toque na rede do central Ninão, o Voleisul chegou ao segundo tempo técnico com diferença ainda maior no placar: 16 a 11. A partida seguiu com um desanimado elenco do JF Vôlei contra um eficaz time da Voleisul, que fechou a partida com 25 a 17 no último set.

 

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola, com informações da Rádio ABC 900 AM e CBV

Foto: Voleisul/Divulgação

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.