30 out 2015

Leston ouvirá Tupi primeiro, mas preza “condição compatível com a exigência”



Fica ou não fica? A resposta desta pergunta era aguardada pela imprensa e torcedores após o Tupi organizar entrevista coletiva nesta terça-feira, 27, com o técnico carijó, Leston Júnior, e o vice do Conselho Gestor do clube, Cloves Santos. No entanto, o comandante alvinegro garantiu não ter definido seu futuro, apesar de já participar de atividades voltadas a 2016 com o diretor do Galo:

“Recebi propostas ao longo da Série C e externei depois, sem dizer o nome dos clubes, porque acho desnecessário, e tenho por prática começar e terminar todos os projetos em que me envolvo. Depois do acesso muita informação chega, mas só falo de renovação com o Tupi ou saída após o término do campeonato, até por questão de inteligência. Hoje tenho uma valorização de mercado pelo acesso, mas ela pode ser ainda maior com a possibilidade do título. Estou feliz no Tupi, sempre estive, e obviamente que a prioridade para qualquer primeira conversa é com o Tupi até porque sou o treinador do clube. Tudo o que eu e a direção pudermos fazer para montar um planejamento do ano que vem, será feito, mas é uma questão para se conversar pós-Série C”, explicou Leston.

Renovação de técnico valorizado é uma das prioridades da cúpula carijó

Renovação de técnico valorizado é uma das prioridades da cúpula carijó

“A estrutura física do Tupi é limitadíssima”

Treinos em locais diferentes e distantes, instalações precárias em Santa Terezinha e muitos outros problemas fizeram parte do dia-a-dia do elenco carijó na Série C. A manutenção ou diminuição destas dificuldades, de acordo com Leston, poderá fazer a diferença em sua decisão:

“Valorizei muito o trabalho de todos os envolvidos porque a estrutura física do Tupi é limitadíssima, todos sabem disso. As dificuldades são muito maiores do que a maioria das pessoas imagina. Para disputar uma Série B, o clube vai passar por uma transformação muito grande estrutural e isso pode pesar a favor ou contra. Com o acesso, hoje você tem o respeito das pessoas de uma forma geral, mas três porradas no campeonato ano que vem e todo mundo esquece o acesso. O futebol é assim, então você precisa de uma condição compatível com a exigência que vai ter. Mas posso dizer que por tudo o que conversei com o Cloves, a direção vai se empenhar muito para melhorar o quanto antes essa estrutura física. A Série B tem que deixar um legado. Se você subiu e usou esse acesso para deixar um legado, mesmo que você tenha um percalço, sobe imediatamente de novo. Mas se não ficar alguma coisa marcada, você cai e não volta”, avaliou o comandante alvinegro.

“Vamos lutar muito para que o Leston fique”

Ainda na coletiva, Cloves Santos garantiu que o clube se esforçará ao máximo, dentro de suas limitações, para que o técnico renove para 2016: “Todos estão achando que estamos nos despedindo, mas não tem despedida não. Vamos lutar muito para que o Leston fique. Hoje foi o primeiro dia que deu uma brecha para poder agradecer e da nossa parte isso era necessário. O cara merece não só meus aplausos, mas da diretoria e cidade, porque ser treinador do Tupi é para poucos, só para quem tem muita competência e o Leston mostrou isso nesta campanha”, reiterou o diretor.

Os pronunciamentos foram marcados, ainda, por agradecimentos. Leston ratificou a importância do “torcedor que nunca enfraqueceu seu jogador no campo”, além dos companheiros de comissão técnica carijó e direção.

 

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola

Foto: Toque de Bola

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.