05 out 2015

Capitão pede trabalho e “esquece” vantagem: “Começou o jogo lá, é zero a zero”



  Dois a zero, que nada. Se depender do capitão e lateral-direito carijó, Osmar, ex-ASA, o pensamento do elenco juiz-forano não pode ser direcionado com a diferença construída “debaixo dos braços” no primeiro duelo das quartas de final da Série C entre mineiros e alagoanos:

“Não podemos negar que temos uma vantagem. Mas começou o jogo lá, é 0 a 0. É ter o mesmo pensamento, jogar da maneira que a equipe vem atuando, com todos marcando forte, firmes, que tenho certeza que faremos nova grande partida e selaremos essa classificação”, opinou.

Osmar quer humildade e concentração até o fim da partida do dia 19 de outubro (Foto: Leonardo Costa / tupifc.esp.br)

Osmar quer humildade e concentração até o fim da partida do dia 19 de outubro (Foto: Leonardo Costa / tupifc.esp.br)

 

  Posicionamento afiado

A vitória sobre o ASA foi a décima partida da Terceirona em que o Carijó não sofre gols, sendo cinco em casa e cinco fora. Os números ajudam a comprovar o entrosamento da equipe sem a bola, principalmente na primeira linha defensiva à frente de Glaysson, com Osmar, Sidimar, Fabrício Soares e Bruno Ré:

“A gente procura jogar compacto e sem deixar aqueles espaços por dentro. Graças a Deus estamos sendo felizes não apenas no jogo, mas no decorrer do campeonato nesse sentido. E no confronto lá precisamos ser mais fieis a isso ainda e mais fortes do que fomos hoje (partida de ida contra o ASA) para fazer um grande jogo e conseguir a classificação”, avaliou o capitão do Galo.

 

 Nada além do foco

O lateral do Tupi ainda falou ao Toque de Bola sobre a possibilidade da equipe realizar intertemporada longe de Juiz de Fora, visto que o duelo de volta, em Arapiraca, ocorre apenas no dia 19 de outubro.

“Acho que o que puderem fazer de esforços nesse momento temos que fazer. São 13, 14 dias que antecedem esse jogo e se tiver que sair, vamos, mas se for pra ficar, ficaremos também. Se tiver que concentrar todos esses dias, vamos. É o momento de unir todas as forças e pensamentos positivos em prol da nossa equipe”, opinou.

A direção do Tupi ainda não divulgou o local da intertemporada, mas estuda a realização de treinamentos concentrados por cerca de uma semana no interior de Minas Gerais ou Rio de Janeiro.

 

Texto: Bruno Kaehler – Toque de Bola

Foto: Leonardo Costa / tupifc.esp.br

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.