06 jul 2015

Tupynambás/UFJF apresenta uniformes para a disputa da Taça BH



O Leão voltou. E em grande estilo. Na noite desta sexta, 4, no Independência Trade Hotel, em um sofisticado coquetel que contou com a presença do mascote do clube, foram apresentadas as camisas que o Tupynambás/UFJF vai usar durante a Taça BH 2015. Duas modelos vestiram os uniformes e desfilaram entre os presentes. O primeiro uniforme tem camisas vermelhas e calções brancos. O segundo, camisas brancas e calções vermelhos. As camisas que vão ser utilizadas pelos goleiros são nas cores amarela e laranja.

O Baeta está no Grupo 5 da competição, composto ainda por Botafogo (RJ), Grêmio (RS), Criciúma (SC) e Athletic (São João del Rei). A estreia, que terá entrada franca, possui dia, horário e local marcados: quinta, 9, às 21h, contra o Botafogo no campo do Complexo Esportivo da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). A Federação Mineira de Futebol (FMF), em seu site, afirma ainda, em matéria referente ao início da competição, que todas as partidas da chave do Leão serão realizadas no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio (texto não foi atualizado). Na tabela, no entanto, a correção já foi efetuada.

A Taça BH Sub-17 é a principal competição do Brasil nesta faixa etária e conta com a participação de grandes clubes do país e até do exterior.

Clique aqui e veja a tabela completa da Primeira fase da Taça BH 2015

baeta01

Palavra do mandatário

O presidente do Tupynambás não escondia a felicidade de ver o clube voltando a disputar uma grande competição, o que, segundo ele, só foi possível em razão da parceria com a Associação Desportiva Juiz de Fora (ADJF). “Foi com grande alegria que recebi o convite para o Baeta participar da Taça BH. Aproveitando a parceria que havíamos feito com a ADJF, convidei a associação para gerenciar o futebol, tendo em vista a dificuldade financeira dos clubes. Com o aceite deles, resolvemos encarar. Podíamos oferecer o nome do clube e a nossa infraestrutura, como o campo de futebol. A minha expectativa é que o clube se classifique, dando alegria ao meu coração, que é Baeta, aos sócios do clube e também para muita gente que está afastada e que poderá retornar”, expôs o presidente.

Parceria com a Federal

Para disputar a competição, foi feita uma parceria também com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Segundo o professor da Faculdade de Educação Física e Desportos (Faefid) da UFJF e coordenador do projeto Futebol UFJF, Marcelo Matta, a Taça BH deixará um legado para a instituição de ensino. “A parceria já cumpre o seu papel principal, que é a formação de recursos humanos. Na comissão técnica, com exceção do treinador, todos são acadêmicos da Faefid na eminência de se formarem. Temos um projeto de futebol com filosofia, metodologia, estrutura e planejamento até 2023, e entendemos que a participação em uma competição em nível nacional agregaria valor a esse projeto, que vai ser apresentado ao país”, analisa Mata.

Ainda de acordo com o professor, jogadores do projeto Futebol UFJF fazem parte do grupo comandado pelo técnico José Luís Peixoto. Para Matta, o futuro dos jogadores está sendo definido cada vez mais cedo. Por isso, ele acredita que a participação na Taça BH é “uma das últimas oportunidades para aqueles que ainda acalentam o sonho de serem jogadores de futebol, já que a competição é uma grande vitrine.” Dos atletas inscritos na competição pela equipe juiz-forana, oito vieram do programa Bom de Bola, desenvolvido pela Prefeitura de Juiz de Fora por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL).

baeta02

Uniformes que serão utilizados pelos goleiros do Baeta

Baeta chega forte

José Luís Peixoto é ex-goleiro profissional e, após encerrar a carreira, passou a trabalhar como treinador. Foi ele que, em 2006, reconduziu o Tupi ao Módulo I do Campeonato Mineiro. Zé Luís, como é conhecido, teve o primeiro contato com os jogadores do Tupynambás/UFJF em 28 de maio. O grupo ainda não estava totalmente formado e foi preciso selecionar os jogadores levando em consideração aspectos físicos e técnicos, entre outros.  A partir da terceira semana de trabalho 60% do grupo estava formado e, com a ajuda Rogério Passos, que também integra o projeto, outros jogadores foram incorporados ao elenco para atender as carências identificadas.

Nesse período de preparação, o Tupynambás/UFJF realizou dois amistosos, conseguindo vitórias convincentes: 7 a 2 sobre o Itararé (Tocantins) e 5 a 1 sobre o Núcleo Esportivo (São João Nepomuceno). “Para nossa surpresa conseguimos encaixar um sistema de jogo dentro das características dos jogadores, que deram uma resposta muito rápida. Nesses amistosos eles mostraram para nós que entenderam a proposta que apresentamos”, comenta Zé Luís. Em relação ao jogo de estreia, contra o Botafogo, o treinador revelou ter poucas informações sobre o adversário. Ele acredita que o jogo servirá para avaliar o que o Baeta poderá fazer na competição: “Esperamos mostrar o trabalho que estamos fazendo já na estreia. Será um termômetro para avaliarmos o que poderemos fazer na competição.”

baeta04

Modelos posam com uniformes do Tupynambás

Ainda de acordo com o treinador, a parceria com a UFJF acrescentou muito ao trabalho: “Já havia trabalhado com o Marcelo Matta, o que facilitou bastante. Além disso, todos são muito competentes. Somos bem abertos ao diálogo e estamos sempre conversando a cada trabalho. Está sendo muito bom.” Trabalham com José Luís Peixoto o auxiliar técnico Wellington da Matta, e os preparadores físicos Rodrigo Lamas e Guilherme, além de João Gerheim (preparador de goleiros).

Jogos

Depois de enfrentar o Botafogo na quinta-feira, 9, o Tupynambás pega o Grêmio, no dia 11, às 18h. O adversário da terceira rodada é o Criciúma, no dia 13, às 21h. Fechando a primeira fase da competição, o Baeta enfrenta o Athletic, no dia 17, às 19 h. Todas as partidas vão ser realizadas no campo da UFJF. Os dois primeiros colocados do grupo avançam para as oitavas de final, que vão ser realizadas em Belo Horizonte a partir de 19 de julho.

Também estiveram presentes ao lançamento do uniforme do Tupynambás/UFJF o subsecretário de Governo da Prefeitura de Juiz de Fora, Paulo Gutierrez; o subsecretário de Esporte e Lazer, Cláudio Dias; o chefe do Departamento de Fomento às Políticas de Esporte e Lazer da SEL, Ricardo Wagner; a vereadora Ana Rossignoli; e o presidente do Conselho Municipal de Desportos, Antônio Pereira de Carvalho Filho, além de amigos e torcedores do Baeta.

 

Texto, fotos e informações da Secretaria de Esporte e Lazer

O Toque de Bola é administrado pela www.mistoquentecomunicacao.com.br


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.